Prefeito Agnelo Santos tem contas rejeitas pelo TCM e terá que pagar multas

Leia em: 2 minutos

Após uma sessão realizada nesta terça-feira (2.mar) pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), as contas do prefeito de Santa Cruz Cabrália, Agnelo Silva Santos Júnior (PSD), relativas ao exercício de 2019, foram rejeitadas.

Na sessão realizada por meio eletrônico, os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios rejeitaram as contas da Prefeitura de Santa Cruz Cabrália, do prefeito Agnelo Silva Santos Júnior, relativas ao exercício de 2019. O gestor, além de extrapolar o limite máximo para despesa total com pessoal – em descumprimento ao previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal -, não encaminhou para análise do TCM quatro processos licitatórios, que envolvem um total de R$3.481.141,67. Também foi apurada a ocorrência de gastos abusivos com festividades, que chegaram a R$4.493.500,00.

Diante dessas irregularidades, o relator do parecer, conselheiro substituto Ronaldo Sant’Anna, determinou a formulação de representação ao Ministério Público Estadual contra o gestor, para que seja apurada a prática de ato de improbidade administrativa. Ainda foi imputada ao gestor multa máxima no valor de R$58.312,58 e determinada a realização de duas auditorias – sobre os processos não apresentados e sobre os gastos com festas.

A despesa total com pessoal, de acordo com o relatório, alcançou o montante de R$46.731.020,55, equivalente a 58,55% da Receita Corrente Líquida de R$79.812.581,30 – superando o limite de 54% previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal. Assim, o gestor também foi multado em R$67.860,00 – que corresponde a 30% dos subsídios que recebeu ao longo do ano –, pela não recondução dos gastos com pessoal ao limite previsto na LRF.

O município de Santa Cruz Cabrália apresentou uma receita no montante de R$81.685.340,72, enquanto as despesas empenhadas corresponderam a R$82.427.484,36, revelando um déficit orçamentário da ordem de R$742.143,64. Ao final do exercício, os recursos deixados em caixa – no montante de R$5.310.529,52 – não foram suficientes para cobrir as despesas inscritas como restos a pagar, demonstrando a existência de desequilíbrio fiscal.

Em relação às obrigações constitucionais, o prefeito aplicou 26,07% da receita resultante de impostos (compreendida a proveniente de transferências) na manutenção e desenvolvimento do ensino no município, superando o mínimo exigido de 25%, e investiu nas ações e serviços públicos de saúde 19,17% da arrecadação dos impostos, sendo o mínimo previsto de 15%. Na remuneração dos profissionais do magistério foram investidos 68,64% dos recursos do Fundeb, também atendendo ao mínimo de 60%.

O relatório técnico também registrou, como irregularidades, a omissão na cobrança de multas e ressarcimentos imputados a diversos agentes políticos do município; ausência de informações no sistema SIGA, do TCM, sobre a remuneração dos agentes políticos; deficiências na elaboração do Relatório de Controle Interno da entidade; e baixa cobrança da Dívida Ativa do município.

O prefeito Agnelo terá direito a pedir recurso diante destas decisões.

Miller Ferraz é denunciado pelo TCM e apesar de notificado, não apresentou defesa

Leia em: 2 minutos

Nesta terça-feira (2.mar) o ex-prefeito da cidade de Macarani, Miller da Silva Ferraz, foi denunciado pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

Os conselheiros e auditores da 2ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios determinaram a formulação de representação ao Ministério Público Estadual contra o ex-prefeito de Macarani, Miller da Silva Ferraz, em razão da falta de repasse à instituição financeira dos valores retidos dos salários dos servidores para quitar as cobranças oriundas de parcelas de empréstimos consignados. O relator do processo, conselheiro José Alfredo Rocha Dias, aplicou ao ex-prefeito multa no valor de R$4,5 mil. A decisão foi proferida na sessão desta terça-feira (02/03), realizada por meio eletrônico.

Foi determinado, ainda, o ressarcimento aos cofres municipais da quantia correspondente ao pagamento de multas e juros moratórios, em face do atraso no repasse das parcelas descontadas dos contracheques dos servidores, com recursos pessoais do ex-prefeito.

Segundo a denúncia, desde fevereiro de 2020 o gestor realizava descontos mensais nos salários dos professores relativamente aos pagamentos de empréstimos consignados contraídos junto à Caixa Econômica Federal, todavia não repassava os valores ao banco credor.

O ex-prefeito, apesar de notificado, não apresentou defesa, deixando de esclarecer os motivos e circunstâncias que levaram a gestão municipal a não repassar valores que seriam destinadas à Caixa, descontadas dos contracheques dos servidores, para pagamento dos empréstimos consignados realizados – o que caracteriza apropriação indébita.

O conselheiro José Alfredo Rocha Dias, em seu voto, afirmou que ficaram devidamente comprovadas as irregularidades cometidas pela administração municipal de Macarani, em quase todo o exercício de 2020, quanto ao não repasse, a seu tempo e modo, dos valores retidos nos contracheques de seus servidores destinados a amortização dos empréstimos consignados.

E, destacou que a conduta do gestor ocasionou “clara hipótese de retenção arbitrária por parte da Prefeitura” com danos ao erário diante do pagamento de multas e juros à instituição financeira detentora dos créditos retidos indevidamente pelo município.

Em sua manifestação, o Ministério Público de Contas opinou pela procedência da denúncia, isto porque, entendeu que a conduta omissiva do gestor ocasionou danos ao erário com o pagamento de multa e juros moratórios. Cabe recurso da decisão.

Interessados na vaga de professor temporário têm até 22h do dia 5 de março para se inscrever

Leia em: < 1 minuto

Nesta terça-feira (02) a Prefeitura de Ilhéus anunciou a abertura de processo seletivo simplificado para a contratação temporária de professores. De acordo com o edital, serão oferecidas 171 vagas para professores da Educação Infantil, Fundamental 1 e 2, EJA (Educação de Jovens e Adultos) 1 e 2, para Intérpretes de Libras e formação de cadastro reserva nos mesmos cargos. A atuação será pelo prazo de um ano.

Os interessados devem atender aos requisitos como nível de escolaridade e experiência compatíveis com o exercício do cargo almejado; idade mínima de 18 anos; e os requisitos específicos de cada cargo, descritos no edital. As inscrições estão abertas até as 22h do dia 5 de março de 2021 e podem ser feitas de forma gratuita e online.

O candidato precisará apresentar, no campo de inscrição, os seguintes documentos: CPF; RG; Em caso de pessoas do sexo masculino, comprovação de quitação com as obrigações militares; Comprovação de quitação com as obrigações eleitorais; Comprovante de residência; Currículo vitae, devidamente comprovado; Diploma ou Certificado de Licenciatura correspondente; Certificado de Ensino Médio Completo, com habilidade específica para a interpretação de Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS, no caso de Intérprete de Libras; Documento Comprobatório do tempo de experiência profissional; Laudo (CID 10) emitido nos últimos seis meses, em caso de deficiência e Declaração da FUNAI e/ou da Cacique do respectivo povo, no caso de indígenas.

//

Governador e prefeitos da Bahia optam por deixar comércio abrir durante a semana no interior do estado

Leia em: < 1 minuto

Na tarde desta terça-feira (02) o governador da Bahia Rui Costa (PT) se reuniu com prefeitos de municípios baianos para decidir os próximos passos das restrições estabelecidas para conter a contaminação do Covid-19. Ficou decidido que será prorrogado o fechamento das atividades não essenciais até a próxima segunda-feira (8) em Salvador e na Região Metropolitana.

Quanto ao interior do estado, o comércio irá abrir apenas de segunda a sexta-feira, voltando a fechar durante o fim de semana. O toque de recolher será estendido para às 19h até 5h até o fim deste mês no interior, enquanto em Salvador e na Região Metropolitana permanece das 20h às 5h.

De acordo com dados divulgados pela Secretaria de Saúde da Bahia, o estado enfrenta o seu pior momento em um ano de pandemia, com taxa de ocupação geral em 83%. Salvador já enfrentam 100% de ocupação nos hospitais públicos.

//

Itabuna terá hospital de campanha com 35 leitos, anunciou o prefeito Augusto Castro (PSD) durante entrevista coletiva com o vice-prefeito Enderson Guinho e a secretária de Saúde Lívia Mendes

Leia em: < 1 minuto

O prefeito Augusto Castro anunciou durante entrevista coletiva com a imprensa na manhã desta terça-feira (02.mar), a implantação do maior Hospital de Campanha do interior da Bahia, que funcionará no Teatro Municipal Candinha Doria.

“Serão 35 leitos, sendo que destes, 20 serão de CTI, com toda estrutura para médicos e profissionais. Ainda essa semana começarão a chegar as carretas com os equipamentos”, anuncia.

A expectativa, de acordo com o gestor, é de que num prazo máximo de 15 dias o hospital esteja em pleno funcionamento. “E com isso Itabuna terá mais tranquilidade para receber os pacientes acometidos pela covid-19”.

O hospital será implantado com recursos do próprio município, mas o gestor não descarta a possibilidade de o Governo do Estado da Bahia apoiar com ajuda financeira. “Estamos fazendo um esforço enorme. Tomamos essa iniciativa porque estamos vivenciado o drama dos itabunenses”, justificou o prefeito Augusto Castro.

Ele finaliza ressaltando que o hospital sozinho não irá resolver o avanço da doença. “O que resolve é o processo de conscientização da população, cada um fazendo a sua parte, inclusive o comércio, colaborando para o cumprimento dos protocolos de segurança”. 

//

O prefeito Augusto Castro (PSD) anunciou várias medidas durante entrevista coletiva

Leia em: 2 minutos

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), anunciou na manhã desta terça-feira (02.mar), durante entrevista coletiva com a imprensa no Teatro Candinha Doria, de que reabrirá o comércio nessa quarta-feira (03.mar), desde que o setor cumpra todos os protocolos de segurança contra a covid-19.

“O funcionamento estará condicionado a várias medidas, dentre elas, a alternância de horário para abertura das lojas, como forma de tentar evitar aglomerações em ônibus e no centro da cidade”, citou o prefeito.

E completou ressaltando que a sua decisão de reabertura foi pautada na análise de que Itabuna vive um momento difícil, “mas o município não pode penalizar o comércio por conta da ação de responsabilidade que é de todos. É preciso muita cautela”, ponderou.

“Parabenizo a todos envolvidos nesta ação, a exemplo da Polícia Civil, Ministério Público, Secretarias do Município, enfim, é o Estado e o Município unidos para tentar diminuir a incidência dessa doença. Nossa política é para tentar reduzir danos, porque a doença já está aí destruindo vidas”, comentou o comandante do 15º Batalhão da Policia Militar, tenente-coronel PM Ferreira.

MEDIDAS
Entre as medidas que fazem parte do pacote de ações elaboradas pela Secretária de Saúde, Lívia Mendes, sanitização das principais ruas do comércio; escalonamento de horário (8h, 8h30min, e 9h) para abertura das lojas em horário diferenciados; pontos fixos e volantes de fiscalização no centro da cidade; e manutenção das testagens nos bairros com maior incidência da doença.

“Também serão estabelecidos novos protocolos para bancos, lotéricas, feiras, mercados, academias, escolinhas de esportes e clubes sociais”, informou a Secretária Lívia Mendes. Também serão mantidas as operações de fiscalização como a blitz da máscara e a operação oxigênio.

Existe também a possibilidade de avaliação de estabelecer lockdown para os bairros com maior incidência da covid-19; reavaliação da dos dados epidemiológicos num prazo de 15 dias. 

Valderico Júnior lamenta morte de Marrudo e diz que ele o viu crescer

Leia em: < 1 minuto

Faleceu na noite desta segunda-feira (01.mar) Gilberto “Marrudo”, vítima do Covid-19. Marrudo trabalhava na Rádio Gabriela FM, em Ilhéus, e era muito querido por todos os colegas, que prestaram homenagens nas redes sociais em memória dele.

O empresário Valderico Júnior ficou extremamente abalado e postou um vídeo em sua rede social. Valderico relatou que Gilberto conhecia a família dele há muitos anos e o viu na barriga da mãe dele. “Trabalhou muitos anos comigo, me viu na barriga da minha mãe”, desabafou.

Valderico, que foi candidato a prefeito de Ilhéus, nas últimas eleições, revelou que já tinha chorado tudo o que tinha para chorar. “O meu veinho, como eu chamava ele, tinha várias brincadeiras na infância e na adolescência”, lamentou.

Gilberto “Marrudo” contraiu o vírus no dia 3 de fevereiro e logo depois foi internado. Após altos e baixos durante a recuperação, a doença infelizmente o venceu com muitas complicações. Devido a causa da morte, não terá velório, apenas sepultamento. Deixamos aqui os nossos sentimentos à família, amigos e colegas que tanto estão sentindo com a partida de Marrudo.  

//

Leia em: 2 minutos

Felizmente, os caminhoneiros estão tendo uma incrível e histórica paciência com o presidente da República de plantão, com sua desastrosa política de governo em relação aos preços dos combustíveis.

Digo felizmente, porque uma greve da honrosa classe com o avanço da pandemia do novo coronavírus seria terrível, um caos total. Uma situação com consequências imprevisíveis, aterrorizantes.

Já disse aqui que tudo tem um limite do suportável. E essa calma dos caminhoneiros começa a dar sinais de esgotamento. Por muito menos pararam em 2018, no então governo Michel Temer (MDB-SP).

“Chegou a hora de mostrar nossa força de novo”, disse Wallace Landim, apelidado de “Chorão”, um dos principais líderes da categoria, inconformado com o quinto aumento seguido do preço da gasolina e do diesel. Usando uma expressão de Bolsonaro, Landim, que é o presidente da Associação Brasileira dos Condutores de Veículos (Abrava), finalizou sua revolta com ironia: “Acabou pô. Chegou a hora de todos os trabalhadores, os autônomos, dos caminhoneiros se unirem novamente”.

O engraçado nessa sequência dos aumentos é que toda vez que os preços dos combustíveis aumentavam, o presidente Bolsonaro dizia que iria tomar providências. E nada aconteceu. A sabedoria popular costuma dizer que a conversa foi “pra boi dormir”. Será que os dignos e respeitáveis caminhoneiros vão novamente pegar no sono?

Depois desses abusivos aumentos, já há um início de movimentação para que haja uma paralisação. Caminhoneiros bolsonaristas já não defendem o “mito” com tanta empolgação. Estão revoltados, e com toda razão.

Seguindo o que pensa Ciro Gomes (PDT), que tem uma invejável visão sobre a economia no sentido amplo, sendo o único presidenciável que tem um definido projeto para o país, apontando as soluções para cada problema, o presidente Bolsonaro está de parabéns em cobrar mais impostos sobre os bancos, que tem lucros escandalosos, e, a partir dessa medida, diminuir a carga tributária sobre os combustíveis.

Não tem cabimento instituições financeiras abarrotadas de dinheiro, fazendo o que quer com sua clientela, cobrando inúmeras taxas, e o cidadão-eleitor-contribuinte sofrendo, pagando gás de cozinha a R$ 100. E olhe que estou me referindo aos que ainda podem comprar o botijão.

Portanto, meus parabéns ao presidente Bolsonaro. Encerro o comentário aconselhando a maior autoridade do Poder Executivo a ouvir mais as sugestões de Ciro Gomes, ex-ministro da Fazenda do saudoso Itamar Franco e um dos responsáveis pela implantação do Plano Real. 

___________
Marco Wense é Analista Político

*A análise do colunista não reflete, necessariamente, a opinião de Pauta.blog.br

//

Secretária Estadual de Saúde em exercício, Tereza Paim

Leia em: < 1 minuto

A secretária Estadual de Saúde em exercício, Tereza Paim, revelou grande preocupação com os casos de reinfecção da covid-19 na Bahia.

Outro assunto que vem chamando a atenção dos profissionais da área é o crescente número de casos da doença em sua segunda onda no Estado.

Tereza Paim desabafou sobre os riscos de reinfecção que o setor vive e a própria população que se expõe em aglomerações.

Escute o áudio 📣

//

Interessados em vaga devem cadastrar currículo no site até o dia 18 de março

Leia em: < 1 minuto

A Santa de Misericórdia de Itabuna tem uma oportunidade de cadastro reserva para interessados na vaga de Enfermeiro II. Os requisitos para a vaga são ter graduação no ensino superior de enfermagem e pós-graduação completa em obstetrícia.

Os interessados que cumprirem os requisitos devem cadastrar ou atualizar o currículo através do Banco de Talentos no site da SCMI até o dia 18 de março deste ano. Para tirar dúvidas os candidatos devem entrar em contato com o setor de Gestão de Pessoas (73) 2314-9160.  

//

Índice de ocupação dos leitos de UTI adulto no estado é de 83%, de acordo com a Sesab

Leia em: < 1 minuto

A Bahia registrou 2.020 novos casos da Covid-19 em 24 horas, de acordo com o boletim da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) divulgado nesta segunda-feira (1º). Além disso, o estado possui 19.851 casos ativos da doença. A taxa de crescimento de casos em 24 horas foi de 0,3% e a de recuperados 0,4% (2.580 pacientes).

O boletim ainda possui 95 mortes. Apesar dos óbitos terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram contabilizados no boletim desta segunda.

O número de mortes é maior do que o registrado no domingo (28), quando foram 90 óbitos. No total, 11.914 pessoas morreram por causa doença na Bahia, o que representa uma letalidade de 1,73%.

//

A mudança de classificação foi autorizada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e vale por 10 anos

Leia em: < 1 minuto

O Aeródromo do Hotel Transamérica, na Ilha de Comandatuba, em Una, passou de privado para público e vai poder receber voos regulares. A mudança de classificação foi autorizada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e vale por 10 anos. A Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) faz a gestão dos equipamentos aeroviários e tem o objetivo de fortalecer a malha viária do estado.

Distante 70 km de Ilhéus, o aeródromo de Comandatuba, que é administrado pela concessionária Socicam, poderá atender as demandas da região e colaborar no desenvolvimento turístico da Costa do Cacau. “O aeródromo possui equipamentos de auxilio a navegação capazes de atender voos em condições metereológicas desfavoráveis e pode receber grandes aeronaves com capacidade de mais de 100 passageiros, como Boeing 737”, explica o secretário de Infraestrutura Marcus Cavalcanti. 

Os jogos foram transferidos para o Estádio de Pituaçu

Leia em: < 1 minuto

A Federação Bahiana de Futebol realizou alterações na tabela do Baianão 2021. As mudanças atendem ao decreto 20.254, do Governo da Bahia.

Os duelos Vitória x Jacuipense, ECPP Vitória da Conquista x Doce Mel e Atlético x Bahia de Feira, que acontecem na próxima quarta-feira (3), foram antecipados para 16h. Já o confronto Bahia x UNIRB, no mesmo dia, foi antecipado para 18h e transferido para o Estádio de Pituaçu.

A entidade também transferiu para o Estádio de Pituaçu o mando de campo do Bahia no clássico Ba-Vi do dia 17 de março. A Arena Fonte Nova voltará a abrigar um hospital de campanha do Governo do Estado. 

➡️ Confira as mudanças.
➡️ Confira a tabela do Baianão.

 

Neste mês de março, etapas de entrevistas acontece entre os dias 22 e 26

Leia em: < 1 minuto

Novas turmas do Empretec estão previstas para o mês de abril. A etapa de entrevistas será realizada entre os dias 22 e 26 de março. Já o seminário acontece de 12 a 17 de abril.

Os interessados podem se inscrever pelo site. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3320-4361 ou ainda pelo WhatsApp no telefone (71) 99632-7739.

Ainda neste mês de março, uma turma do Empretec já está formada para encontros entre os dias 15 e 20 de março.

Desenvolvido pela Organização das Nações Unidas (ONU), e realizado exclusivamente no Brasil pelo Sebrae, o Empretec é promovido em cerca de 30 países e favorece aos participantes uma experiência desafiadora para quem quer identificar e desenvolver as 10 características de um empreendedor de sucesso. 

//

De acordo com os pesquisadores, as bebidas alcoólicas são ingeridas para aliviar o estresse do isolamento

Leia em: 2 minutos

Um estudo publicado pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) revelou índices alarmantes sobre o consumo de álcool durante o isolamento social. A pesquisa foi realizada entre maio e junho de 2020, com mais de 12 mil pessoas em 33 países da América Latina e Caribe – 30,8% dos entrevistados eram brasileiros.

Cerca de 35% dos entrevistados, com idades entre 30 e 39 anos, assumiram que abusaram das bebidas alcoólicas durante a pandemia, um comportamento que os pesquisadores denominaram de Beber Pesado Episódico (BPE), que acontece quando o indivíduo consome, em uma única ocasião, quantidades excessivas de álcool. A quantidade para identificar o BPE varia para homens e mulheres. Para eles, a definição está relacionada ao consumo de cinco ou mais doses de bebidas alcoólicas; já para elas, bastam quatro doses.

De acordo com os pesquisadores, as bebidas alcoólicas são ingeridas para aliviar o estresse do isolamento. Do total, 52,8% dos entrevistados que exageram no consumo relataram pelo menos um sintoma emocional como ansiedade, nervosismo, insônia, preocupação, medo, irritabilidade e dificuldade para relaxar.

Apesar de ter se agravado durante a pandemia, este é um problema que já vem crescendo há alguns anos. De acordo com a Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), publicada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o consumo médio de álcool do brasileiro aumentou nos últimos sete anos e 40,2% dos entrevistados afirmaram ter consumido bebida alcoólica ao menos uma vez na semana. Salvador e Florianópolis estão entre as capitais que apresentaram as maiores taxas de consumo de álcool.

Para a médica psiquiatra Miriam Gorender, professora dos cursos de Medicina da Rede UniFTC, pessoas que exageram no consumo de álcool podem apresentar depressão, ansiedade e até psicose. “Sugiro passar a realizar outras formas de alívio dos sintomas. Exercício físico, meditação, rotina regular e estruturada, contato frequente mesmo que virtual com os parentes e amigos. Caso não melhore, é importante lembrar que bebida não é medicação. Procure um psiquiatra e o mesmo poderá dizer qual tratamento é mais indicado” alertou a especialista.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), se a pessoa consome mais de 20 g de álcool puro por dia ou se não deixa de beber por, pelo menos, dois dias na semana, corre riscos de saúde e outros problemas. Ainda segundo a Instituição, não existe um nível seguro para o uso de bebidas alcoólicas, considerando que mesmo pequenas doses ainda podem estar associadas a riscos significativos, como maior predisposição para desenvolver doenças hepáticas ou vulnerabilidade genética para dependência do álcool.

Segundo o Centro de Informações de Saúde e Álcool, a meta estipulada pela OMS é de reduzir em, pelo menos, 10% o consumo nocivo de álcool até 2025. Tal padrão é notoriamente reconhecido como um importante problema de saúde, associado a cerca de 5% de todas as mortes no mundo e a 200 tipos de doenças e lesões.

A psiquiatra destaca que é importante que os amigos e a família estejam atentos aos sinais que indicam que é a hora de entrar em contato com um profissional “consumo diário excessivo, alteração de comportamento relacionada à bebida, incapacidade de reduzir o consumo, pôr de lado interesses importantes por causa do álcool”, destacou a médica.  

//

Projeto busca minimizar danos ao meio ambiente causados por agrotóxicos

Leia em: 2 minutos

O estudante Iran de Oliveira, do Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão e Tecnologia da Informação Álvaro Melo Vieira, em Ilhéus, fez uma constatação curiosa enquanto observava diversas formigas cortando as plantas que eram cultivadas na horta de seu pai: elas ficavam longe das folhas de mandioca que permaneciam intactas.

Foi a partir desta constatação que Iran decidiu investir seus esforços em pesquisas relacionadas ao fato e descobriu que a planta possui uma substância chamada ácido nítrico (HCN) que pode servir de repelente para diversos insetos. O garoto decidiu aplicar sua descoberta em uma solução a ser utilizada por agricultores para que possam proteger suas plantações sem poluir o meio ambiente.

De acordo com Iran, o objetivo de desenvolver este inseticida é torná-lo um produto mais barato e de fácil acesso, para que os agrotóxicos se tornem cada vez menos presentes no dia a dia dos agricultores.

“Nosso grupo espera ajudar diversos trabalhadores a manter suas plantações, estimulando o empreendedorismo social como chave para a oportunidade de melhoria de vida. A forma que encontramos para alcançar esta meta é baseada no manejo sustentável de recursos naturais e na criatividade para fornecer produtos e serviços que possibilitem mais conforto na rotina dessas pessoas, além de atuar na preservação e reduzir os impactos dos agrotóxicos no meio ambiente”.

Para a orientadora do trabalho, a professora Margarete de Araújo, o crescimento das mudas e o aumento de temperaturas podem levar ao surgimento de muitos insetos, como, por exemplo, as formigas.

“Esses animais são essenciais para o meio ambiente, mas por se tratar de insetos muito organizados e populares, eles aparecem nas hortas, em colônias, podendo se tornar uma praga e destruir a vegetação. Como alternativa para este problema, temos os inseticidas naturais. Produzido a partir de plantas, com o propósito de não permitir que as pragas criem resistência, esse tipo de inseticida é mais seguro para o meio ambiente e para a saúde da população. Na nossa receita, utilizamos somente folha da mandioca, etanol, água, óleo de soja e vinagre”.

Ainda segundo Margarete, todas as etapas propostas no plano de pesquisa foram realizadas e o processo de produção será refeito no laboratório da escola assim que as aulas, interrompidas pela pandemia de Covid-19, voltarem, pois com o resultado da análise de pH já foi possível verificar que o inseticida produzido se encontra dentro dos padrões de eficácia.

“O produto agiu sobre as formigas e lagartas, eliminando-os sem danificar a planta”. Além disso, o projeto está entre os finalistas da 19ª edição da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), realizada na Universidade de São Paulo (USP), em uma grande mostra de projetos. O evento busca estimular novas vocações em ciências e engenharia através do desenvolvimento de projetos criativos e inovadores para aproximar as escolas públicas e privadas das universidades. 

//

Coletiva à imprensa às 10 horas desta terça-feira (dia 2)

Leia em: < 1 minuto

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), concederá entrevista coletiva à imprensa às 10 horas desta terça-feira (dia 2), no Teatro Candinha Dórea. Serão adotadas medidas preventivas contra o novo coronavírus, distanciamento social e uso de máscaras e álcool gel a 70%.

Na pauta, a reunião com o governador Rui Costa, as novas medidas de combate ao Covid-19, o funcionamento do comércio, a partir de quarta-feira, e o planejamento para a implantação do Hospital de Campanha para atender pacientes com sintomas da doença. 

Manoel Porfírio fala da necessidade de um entendimento entre os setores envolvidos

Leia em: < 1 minuto

O vereador Manoel Porfírio (PT) esteve presente durante todo o tempo no movimento realizado nessa segunda-feira (1º.mar), pelos comerciantes da cidade. Eles protestaram contra o fechamento do comércio total, até quarta-feira (03), como medida restritiva para conter o avanço da covid-19.

“Estamos passando pela maior crise da humanidade. Tenho muita preocupação, principalmente porque é preciso se manifestar de forma ordeira, preservando vidas, por conta da covid-19, mas também preservando os empregos”, disse o vereador Manoel Porfírio (PT), que também é líder do governo na Câmara. 

Erasmo Ávila defende a reabertura do comércio de Itabuna

Leia em: < 1 minuto

O vereador e presidente da Câmara de Vereadores de Itabuna, Erasmo Ávila (PSD), representou o Legislativo Municipal durante manifestação dos empresários na manhã de hoje, em frente a Prefeitura de Itabuna, e também na reunião em que representantes da classe empresarial foram recebidos pelos Secretários Lívia Mendes (Saúde), Ricardo Xavier (Indústria, Comércio, Emprego e Renda) e Thales Silva (Transporte e Trânsito).

“Temos que pensar a situação como um todo. A Câmara de Itabuna é do povo, vai ouvir sempre o povo e estamos acompanhando o trabalho executado pelo nosso prefeito Augusto Castro”, disse o vereador.

E completou ressaltando que a posição do governador Rui Costa foi arbitrária. “Mas também temos que ter a consciência de que o mundo está em crise e a Bahia também. Não vamos jogar pedra no governador, é o momento de tomar nossas providencias, não adianta o comércio fechado, mas matando as pessoas de fome”. 

Comerciantes fizeram uma manifestação em frente ao Centro Administrativo Firmino Alves

Leia em: 3 minutos

Tendo como palavra de ordem “Queremos o comércio aberto, já!”. Comerciantes fizeram uma manifestação em frente ao Centro Administrativo Firmino Alves, em Itabuna, para cobrar do prefeito Augusto Castro um posicionamento que não compactue com a decisão do Governo do Estado da Bahia, em deixar o comércio fechado.

Desde sábado (27.fev.2021), que estão fechados os estabelecimentos que atuam em atividades consideradas não essenciais, por conta de medidas restritivas que visam a redução dos casos da Covid-19. Com o anúncio de prolongamento por mais dois dias, até quarta-feira (03.mar.2021), os comerciantes temem um estrangulamento da economia local. Eles afirmam que não tem mais condições de segurar suas lojas tanto tempo com as portas fechadas.

Para Luiz Ribeiro, das lojas Buriti, é com muita tristeza que recebemos essa notícia de novo fechamento do comércio de Itabuna, “mas tenho certeza que o prefeito Augusto Castro não irá desprezar os 40 mil votos que ele recebeu de pessoas que acreditaram nele. Ele garantiu que amanhã ouvirá a classe empresarial, que estará do lado da população de Itabuna”, disse.

O empresário Iran Júnior, que atua há 20 anos no comércio de Itabuna, também desabafou durante reunião com os Secretários Lívia Mendes (Saúde), Ricardo Xavier (Indústria, Comércio, Emprego e Renda) e Thales Silva (Transporte e Trânsito), quando falou do seu temor de ficar com as portas fechadas por mais 100 dias.

E denunciou que “enquanto que no centro as lojas fecham, os comércios dos bairros funcionam normalmente. Somos penalizados demais”, disse o empresário Iran Júnior.

 

O diretor da Associação Comercial de Empresarial de Itabuna (ACI), Mauro Ribeiro, destacou que a entidade é contra o fechamento do comércio, que ele não é o vilão do vírus. “A ACI entende que esse não é o melhor caminho. O comércio não tem culpa da crescente incidência de novos casos da covid-19. Somos a favor do diálogo, da fiscalização, mas do fechamento não”.

A Secretária de Saúde, Lívia Mendes, reiterou que pelo fato da decisão de prorrogar ter sido tomada de última hora pelo governador Rui Costa, foi liberado que no período da manhã os comerciantes tivessem um tempo de conversar com seus funcionários. E alertou que Itabuna vive um grave momento.

 

“Itabuna saiu da terceira para segunda posição em número de óbitos na Bahia. Isso é muito grave. Os óbitos são o que mais claramente refletem a situação crítica de Itabuna”, disse a secretária Lívia Mendes.

Por sua vez, o Secretário Ricardo Xavier ressaltou o esforço do município para tentar viabilizar uma flexibilização e não penalizar o comércio.

O Secretário Thales Silva finalizou ressaltando a importância da colaboração de todos para que os casos de covid-19 tenham uma redução. “Pedimos consciência de todos para vencermos essa batalha. Não está sendo fácil para ninguém”.  

 

▶️ Dê play e assista o vídeo de um dos organizadores, o empresário Ailton Gomes.

Notícias mais lidas

Outros assuntos