Secretário Júnior Brandão, prefeito Augusto Castro e a secretária Andrea Castro

Leia em: < 1 minuto

O município de Itabuna foi beneficiado nesta semana com mais um veículo para utilização no transporte dos alunos das escolas do campo da Rede Municipal de Ensino. O prefeito Augusto Castro (PSD), a Primeira-dama e secretária de Promoção Social e Combate à Pobreza, Andrea Castro, e o secretário da Educação, professor Júnior Brandão, participaram na 3ª feira, em Salvador, da solenidade de entrega de um micro-ônibus pelo governador Rui Costa.

O veículo foi resultado de uma emenda do deputado federal Paulo Magalhães (PSD-BA), segundo o secretário Júnior Brandão. Ele frisou o papel articulador que o prefeito Augusto Castro tem desempenhado ao longo de sua gestão, o que permite o recebimento de recursos e de equipamentos para a cidade.

O titular da Secretaria Municipal da Educação destacou a melhoria e ampliação do transporte escolar desse segmento da educação pública no campo. “Esse transporte público e gratuito não traz só o aluno da Rede Municipal de Ensino, mas também da Rede Estadual. O interessante é que muitos estudantes que lá estão, querem continuar no campo, mas não querem deixar os seus estudos. Então, é muito bem vindo esse micro-ônibus que o governador Rui Costa entregou ao prefeito Augusto Castro”, concluiu.

Leia em: 2 minutos

A prefeita de Ibicaraí, Monalisa Tavares, e a secretária municipal de Educação, Miriam Andrade, visitaram 2ª feira (21.novembro), a Creche Raimunda Mota, que fica situada no bairro do Luxo (ao lado da Escola Municipal Yêda Barradas Carneiro). A creche passa por uma ampla reforma e entrou na fase final com pintura e acabamento, além da construção de um parque infantil para a criançada.

Na oportunidade a prefeita Monalisa e a secretária Miriam estavam acompanhadas de Joubert Silva Cardoso, diretor da JB Transportes e Serviços, empresa responsável pelas reformas do prédio. Joubert aproveitou para mostrar pessoalmente todas as melhorias que foram feitas seguindo o projeto da reforma da creche.

“Assumi a prefeitura em meio a uma pandemia, as escolas fechadas e literalmente abandonadas. Encontrei prédios, como a creche Belizana Pereira, na Salomeia, com o telhado no chão. Fizemos um relatório detalhado de tudo e decidimos que mesmo sem recursos nós iriamos reformar todas as escolas e creches. Quem visitar hoje o Ramiro Berbert e a Creche Belisana Pereira (na Salomeia), o José Tito de Lima (no Bela Vista) ou o Olavo Bilac e o Raimundo Cordeiro de Almeida (nos Cajueiros) verá que são novos prédios. Aqui ao lado já reformamos e ampliamos o Yêda Barradas e agora estamos revitalizando a creche Raimunda Mota. Tenho orgulho em poder dizer que estamos reconstruindo uma nova história na educação local”, disse a prefeita Monalisa Tavares.

Provas de linguagens, ciências e humanas e redação vão ser aplicadas no primeiro dia

Leia em: < 1 minuto

Domingo (13.novembro), quase 3,4 milhões de candidatos vão realizar a primeira etapa de provas do Enem, Exame Nacional do Ensino Médio, em cerca de 1,7 mil municípios brasileiros. Nessa fase, os interessados vão ter 5 horas e maia para responder as questões das provas de linguagens, ciências humanas e escrever uma redação.

Para quem se inscreveu na prova e está infectado com o coronavírus ou outra doença infectocontagiosa, a orientação é que não compareça ao local de prova e, posteriormente, solicite a reaplicação das provas por meio da Página do Participante. Essa reaplicação está prevista para acontecer nos dias 10 e 11 de janeiro do próximo ano.

Além disso, é obrigatória a utilização de máscaras de proteção facial contra a Covid-19 nos locais de prova, exceto em estados e municípios onde o uso já esteja liberado por decreto ou ato administrativo. Neste ano, o distanciamento entre os candidatos vai ser mantido nas salas de provas para garantir a proteção contra a doença.

De acordo com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, 70 mil profissionais de órgãos federais e estaduais vão atuar para garantir a segurança da aplicação do Enem. Policiais, bombeiros, agentes de trânsito e socorristas vão monitorar possíveis ocorrências e marcar presença em gráficas na escolta de malotes, na distribuição e no armazenamento das provas.

Boa sorte a todos os candidatos!

Ônibus vão sair da Praça João Gonçalves de Queiroz em direção a Itabuna e Camacan

Leia em: < 1 minuto

No próximo domingo (13.novembro), os candidatos inscritos no Enem, Exame Nacional do Ensino Médio, vão realizar o primeiro dia de provas. Pensando nisso, a prefeitura de Arataca, por meio da secretaria de Educação, vai ofertar transporte gratuito para quem for fazer a prova.

Para ter acesso ao transporte, basta comparecer ao local de embarque com o comprovante de inscrição no exame. Os ônibus vão sair da Praça João Gonçalves de Queiroz em direção a Itabuna às 10h e em direção a Camacan às 11h.

Desde o início da gestão, o prefeito do município, Ferlú Mansur (PSD), se compromete em ofertar o transporte gratuito para quem tenta ingressar em alguma universidade por meio do Enem: “A educação é a única forma de mudar o mundo e a realidade das pessoas. A gente tem esse compromisso de ofertar o transporte gratuito para que os estudantes tenham a oportunidade de começar a realizar esse sonho”.

Foram entregues 50 certificados aos alunos do conjunto residencial São José

Leia em: < 1 minuto

Nesta 5ª feira (10.novembro) a Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza, entregou os certificados para os alunos do conjunto residencial São José que concluíram os cursos profissionalizantes da área de alimentos e construção.

Oferecidos gratuitamente, através do Programa Casa Verde e Amarela, os cursos executados pela Secretaria, por meio da Divisão de Melhoria Habitacional do Departamento de Combate à Pobreza, depois da contratação do Senai.

Foram entregues 50 certificados para os alunos concluintes dos cursos de pedreiro, panificação, pizzaiolo, produção de salgados e folhados. Os cursos fizeram parte do Plano de Desenvolvimento Socioterritorial, atendendo ao eixo de Desenvolvimento Socioeconômico.

“É o segundo grupo que formamos nos habitacionais, já finalizamos uma turma no Itabuna Park e agora aqui no São José. Temos a grata satisfação de ver que esses alunos estão em condições de ingressar imediatamente no mercado de trabalho. É uma oportunidade de melhorarem sua condição de vida, gerar a própria renda e, se desejarem iniciar o próprio negócio”, celebrou à secretária Andrea Castro.

Curso tem espaço para 40 estudantes, mas apenas 28 pessoas vão se formar nessa turma

Leia em: 1 minuto

O professor de Biologia, Dorival Junior, utilizou as redes sociais para denunciar uma situação que, segundo ele, é inconcebível, mas está acontecendo na Uesc (Universidade Estadual de Santa Cruz), em Ilhéus. De acordo com Dorival, a turma do 1º ano do curso de Medicina está com apenas 28 alunos quando, na realidade, 40 vagas são disponibilizadas.

Ainda segundo o educador, isso acontece porque os selecionados para estudar no curso são de várias partes do país graças ao Sisu (Sistema de Seleção Unificada). Acontece que esses estudantes, após a convocação, também são selecionados para estudar em outros lugares do Brasil e acabam optando por essas vagas, porém a Uesc não faz uma nova convocação para oportunizar que outras pessoas tenham acesso à instituição.

Conforme Dorival, a situação precisa ser revista pela UESC uma vez que pessoas da região que se dedicam aos estudos há anos estão perdendo a chance de ingressar na unidade de ensino por causa dessa situação, no mínimo, injusta. Ora, se a Uesc foi criada para atender o Sul do estado, a função não está sendo cumprida. 

DÊ PLAY E ASSISTA ⤵️

Leia em: 2 minutos

As provas do concurso público para professor e coordenador pedagógico, promovido pelo Governo do Estado da Bahia, serão realizadas no próximo domingo (6.novembro), às 9h. Os locais de aplicação das provas podem ser consultados através do endereço www.concursosfcc.com.br. São 2.113 vagas ofertadas, sendo 1.806 para professor de diferentes disciplinas e 307 para coordenador pedagógico, distribuídas em diferentes Núcleos Territoriais de Educação (NTEs). Este é o segundo concurso realizado nos últimos cinco anos. No primeiro, em 2017, foram nomeados 3.404 professores e 708 coordenadores pedagógicos.

As provas serão realizadas nos seguintes municípios: Alagoinhas, Amargosa, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Caetité, Eunápolis, Feira de Santana, Ipirá, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Itapetinga, Jacobina, Juazeiro, Jequié, Macaúbas, Paulo Afonso, Ribeira do Pombal, Salvador, Santa Maria da Vitória, Seabra, Serrinha, Santo Antônio de Jesus, Senhor do Bonfim, Teixeira de Freitas, Valença e Vitória da Conquista.

As provas objetivas terão 50 questões para o cargo de professor e 40 para o cargo de coordenador pedagógico, além da prova discursiva que abordará conhecimentos gerais, conhecimentos específicos e conhecimentos interdisciplinares, a depender do cargo. Já a prova de títulos, de caráter classificatório, será aplicada aos habilitados na segunda etapa do certame, de acordo com o previsto em edital.

O resultado final do concurso, bem como todas as suas etapas e informações complementares, será divulgado no site da FCC e também no Portal do Servidor (www.portaldoservidor.ba.gov.br). Vale ressaltar que ainda há a reserva de 5% das vagas destinadas a candidatos deficientes e 30% para aqueles que se autodeclararem negros. O concurso terá validade de um ano, podendo ser prorrogado apenas uma vez, por igual período. Outras informações, como conteúdo programático e cronograma provisório, deverão ser consultadas no edital.

📷 Foto de Pedro Moraes

//

Inscrições acontecem na segunda-feira e na terça-feira na sede da Unati na Uesc

Leia em: < 1 minuto

A Unati (Universidade Aberta à Terceira Idade) da Uesc (Universidade Estadual de Santa Cruz) vai retomar as atividades presenciais a partir da próxima 5ª feira, dia 3 de novembro. As inscrições para participar do projeto vão acontecer nas próximas segunda (31.outubro) e 3ª feira (1º.novembro) na sede da Unati, localizada no térreo do Pavilhão Adonias Filho, das 8h30 às 11h30 e das 13h30min às 15h30min.

Para participar, é preciso ter 50 anos de idade ou mais, apresentar cópias do RG, CPF, título de eleitor, comprovante de residência, comprovante de vacinação contra a Covid-19 e uma foto 3×4. Há vagas para os cursos de Conversa Filosófica, Patchwork geométrico, Arte em tela, Educação afetiva, Costura criativa, Oficinas diversas, Terapias corporais, Ioga, Arte em tecido, Xadrez, Espanhol, Francês, Construindo novas janelas na maturidade e Tai Chi Chuan.

Ao final das atividades, previsto para acontecer no dia 22 de dezembro, os participantes vão receber um certificado.

//

Leia em: 2 minutos

A Secretaria Municipal da Educação, passou a adotar o conceito de escolas sustentáveis na construção de novas unidades escolares na Rede Pública Municipal de Ensino.

Segue o conceito de sustentabilidade da Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da ONU, que diz: “É o desenvolvimento capaz de suprir as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender à necessidade das futuras gerações”.

Neste sentido, um projeto-piloto começou a ser executado com a reconstrução e requalificação da Escola Municipal Marechal Humberto de Alencar Castelo Branco, no Bairro Califórnia. Segundo o secretário municipal da Educação, Júnior Brandão, serão implantadas modernas tecnologias de conceito sustentável.

Dentre as tecnologias, o reaproveitamento da água de chuva, instalação de painéis fotovoltaicos para utilização de energia renovável e geração própria injetando o excedente na rede de distribuição da concessionária e redução da conta de consumo, coleta seletiva e uso de telhas isotérmicas.

“A requalificação da Escola Marechal Castelo Branco servirá de modelo para as futuras intervenções e ou construção de novas unidades escolares na Rede Municipal, inclusive incentivando a comunidade escolar à conservação ambiental”, diz Júnior Brandão.

Responsável pela concepção do projeto, a engenheira Amanda Alves ao detalhar a requalificação, frisou que o sistema hidráulico da escola passará por uma revisão geral, sendo obrigatória a implantação do reaproveitamento de água de chuva para as bacias sanitárias e torneiras de jardim, além da captação para reservatórios apropriados.

“Todo paisagismo existente será requalificado, acrescentada uma área na entrada escolar e uma outra, com gramado sintético para recreação dos alunos”, pontuou.

Amanda disse ainda que para o abastecimento de água na unidade escolar será construído um reservatório com capacidade para armazenar 10 mil litros, sendo 5 mil litros de água potável e 5 mil litros para captação de água da chuva.

“Toda a área interna da escola receberá forro de gesso acartonado e revestimento cerâmico no piso e paredes até 1,20 metros. Na parte externa, o revestimento cerâmico será total, ou seja, piso e paredes”, explicou.

Escola 28 de Julho será requalificada pela Prefeitura de Itabuna // 📷 Foto de Pedro Augusto.

Leia em: 2 minutos

Alunos da Escola Municipal 28 de Julho, no Califórnia, que atende á 562 alunos, tiveram o primeiro dia de aula presencial nesta 4ª feira (26.outubro), no 3º andar do antigo Ciso (Colégio Sesquicentenário), no Bairro de Fátima, para onde foram transferidos. A mudança é provisória em virtude das obras de reforma que serão realizadas no telhado e no muro da unidade.

O terceiro andar do prédio do Ciso passou por adequações porque estava fechado. Dentre elas, no forro, pintura e telhado e ganhou mobiliário. “O espaço foi cedido sem ônus para o município após um diálogo com a direção do educandário. Antes, cogitamos o espaço de uma escola particular, no Parque Boa Vista, mas o imóvel não comportava os estudantes”, explicou o secretário da Educação, Júnior Brandão.

A  diretora do Departamento de Educação Básica (DEB) da Secretaria Municipal da Educação, Elioenai Farias, lembra que os alunos transferidos estavam recebendo Blocos de Atividades. A partir de agora terão  atendimento com professores em sala de aula, na sala multifuncional e atendimento do Grupo de Estudos e Intervenção na Alfabetização(GEIA). “É um novo tempo para  essa comunidade escolar”, frisa.

Ela disse ainda que a escola municipal também tem alunos cadeirantes. Por isso, foi necessária a adequação de uma sala no andar térreo do Ciso para atender esses estudantes. “Essas turmas  não retornaram  hoje, porque o piso será trocado. Mas na próxima semana estarão na sala de aula”, afirmou.

PASSE ESCOLAR
Por causa do deslocamento dos estudantes para a nova unidade, 151 alunos já  foram cadastrados, par fazer o cartão de meia passagem no transporte público. A recomendação é que os alunos da Escola 28 de Julho se dirijam à sede da empresa de ônibus Atlântico, na Avenida Manoel Chaves, no São Caetano, para  confeccionar o referido cartão. É necessário apresentar RG, CPF, comprovantes e de residência e de matrícula.

Notícias mais lidas

Outros assuntos