Secretário Júnior Brandão e o pró-reitor da UFSB Sandro Augusto

Leia em: < 1 minuto

O pró-reitor de Ações Afirmativas da UFSB (Universidade Federal do Sul da Bahia), Professor Doutor Sandro Augusto Ferreira, anunciou que a instituição de ensino superior vai doar 14 novos microcomputadores para o Grupo Escolar Frederico Smith Lima, no Bairro Urbis IV, em Itabuna. Ele recebeu em audiência, o secretário municipal da Educação, professor Júnior Brandão, quinta (18.agosto).

A unidade escolar da Rede Municipal de Ensino sofreu as graves consequências das fortes chuvas e das enchentes do Rio Cachoeira que causaram destruição e inundações em cerca de 40% da zona urbana no final de dezembro do ano passado.

O Grupo Escolar Frederico Smith Lima, que foi requalificado e entregue à população pela Prefeitura de Itabuna, na semana passada, teve o seu Laboratório de Informática danificado.

Depois da tragédia que se abateu sobre o Sul e Extremo Sul da Bahia, no final de dezembro, a UFSB realizou uma mobilização em nível nacional para arrecadação de recursos, com o intuito de colaborar com a população itabunense e de outras cidades. Atualmente, a instituição tem sido parceira do município em diversos projetos.

Está em execução um programa de reforma e requalificação de creches e unidades escolares, a exemplo da Escola Flávio Simões, incluindo a construção da Escola Marechal Humberto de Alencar Castelo Branco, que será a primeira unidade escolar do Sul da Bahia, e de uma escola no Bairro do Zizo, com 70 salas de aulas.

//

Instituição assegura que medidas sanitárias de combate ao coronavírus vão continuar sendo adotadas

Leia em: < 1 minuto

A UFSB (Universidade Federal do Sul da Bahia) vai retomar as aulas de forma presencial no dia 27 de junho. A decisão foi tomada durante uma reunião do Conselho Superior da Universidade que, dentre outros motivos, priorizou a atual situação dos casos de Covid-19.

De acordo com a instituição, as medidas sanitárias de combate ao coronavírus vão continuar sendo adotadas com o objetivo de impedir a disseminação da doença. Caso o cenário epidemiológico mude, novas reuniões devem acontecer para definir os próximos passos.

//

Júnior Miranda é instrutor e piloto do Zé Drone Imagens Aéreas

Leia em: 2 minutos

O novo campus da UFSB (Universidade Federal do Sul da Bahia) foi inaugurado recentemente com a presença de autoridades municipais, estaduais e federais. O prédio localizado na BR-415, entre Itabuna e Ilhéus, foi cedido pela Ceplac (Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira) com o objetivo de dar lugar às novas salas de aula e laboratórios da instituição.

O canal do Youtube, Zé Drone Imagens Aéreas, capturou com precisão as novas instalações e mostrou a grandiosidade do projeto que tem 6 mil m² de área e um investimento que chegou a R$ 61 milhões. Para quem não teve a oportunidade de conhecer o campus, as imagens de primeiríssima qualidade retratam a beleza do centro educacional.

Novo campus está em aérea cedida pela Ceplac.

Em meio às belezas da Mata Atlântica, é possível ficar deslumbrado com o projeto que deu lugar às edificações que contam com diferentes tecnologias que promovem redução de gastos e reaproveitamento de recursos. Outras técnicas empregadas são o pavimento permeável, a segregação das águas residuárias, o tratamento de esgoto biológico, o aproveitamento de águas cinzas, amarelas e de água da chuva.

DÊ PLAY E ASSISTA ⤵️

//

Área de 6 hectares foi cedida à UFSB pela Ceplac

Leia em: 2 minutos

Já está quase tudo pronto para a grande inauguração do Campus Jorge Amado da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). A área de 6 hectares, localizada na sede da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac), na BR-415, entre as cidades de Itabuna e Ilhéus, vai ser aberta no próximo dia 6, às 14h. Na solenidade de inauguração, vão estar presentes autoridades municipais, estaduais e federais, além do ministro da Educação, Victor Godoy.

As obras do Núcleo Pedagógico e dos demais elementos da infraestrutura do Campus Jorge Amado foram licitadas nos anos de 2015 e 2017. O edifício do Núcleo Pedagógico, por exemplo, que vai concentrar salas de aula e laboratórios, possui 6 mil m² de área e, ao todo, o investimento na infraestrutura chegou a R$ 61 milhões.

As edificações contam com diferentes tecnologias que promovem redução de gastos e reaproveitamento de recursos. Outras técnicas empregadas são o pavimento permeável, a segregação das águas residuárias, o tratamento de esgoto biológico, o aproveitamento de águas cinzas (qualquer água residual não-industrial originada a partir de processos domésticos como lavar louça, roupa e tomar banho), amarelas (originadas do uso de vaso sanitário e mictórios) e de água da chuva. Os edifícios também estão dotados de painéis fotovoltaicos instalados nos terraços para geração de energia elétrica e de paisagismo com plantas da Mata Atlântica do sul da Bahia.

//

Reitora da UFSB, professora Joana Angélica, e prefeito de Itabuna, Augusto Castro, discutiram planejamento com alguns secretários municipais

Leia em: < 1 minuto

No último dia 12, a reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), professora Joana Angélica, se reuniu com o prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), com o objetivo de firmar parcerias entre a instituição e o município. Na ocasião, foi debatida entre as partes a possibilidade de viabilizar projetos que beneficiem a população itabunense.

Entre as ideias discutidas, estão a realização de ações culturais promovidas por estudantes e servidores(as) da UFSB nos teatros Candinha Dórea e Zélia Lessa, além da utilização da Praça José Bastos para essa finalidade. Além disso, os gestores discutiram a ampliação da oferta de estágios para estudantes das engenharias do Campus Jorge Amado e outras estratégias de parcerias possíveis com a Secretaria de Gestão e Inovação da Prefeitura de Itabuna.

Outro assunto de extrema importância e que foi discutido no encontro foram as estratégias para o enfrentamento dos impactos decorrentes das enchentes no intuito de viabilizar recursos ainda disponíveis por meio da Campanha “Ação Sul da Bahia Solidária”, promovida pela UFSB.

//

O Projeto surgiu no Grupo de Estudos e Pesquisas em Comportamento Motor

Leia em: < 1 minuto

O projeto “MoveIlhéus: conectando experiência, comportamento e espaço urbano” abriu a 5ª fase de consulta pública aos residentes de Ilhéus e região. A consulta vai até 5ª feira (22.dezembro). O Projeto surgiu no Gepecom (Grupo de Estudos e Pesquisas em Comportamento Motor) da Universidade Estadual de Santa Cruz.

“A ideia é, a partir das informações de consultas como a atual, realizar diagnósticos que possam contribuir para a elaboração de projetos e políticas públicas que melhorem os espaços urbanos, a mobilidade das pessoas na cidade e, principalmente, a prática de atividade física”, destaca a professora Peolla Paula Stein (UFSB), uma das colaboradoras do grupo.

“A participação de todos, respondendo ao questionário é muito importante. A pesquisa e as publicações dos dados das consultas são respaldadas pelo Comitê de Ética de Pesquisa da Uesc, têm apoio da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Instituto Nossa Ilhéus (INI) e Núcleo de Biologia Computacional e Gestão de Informações Biotecnológicas (NBCGIB)”, explica o professor Marcos Menuchi do Departamento de Ciências da Saúde, da Uesc e coordenador do MoviIlhéus.

Para mais informações: www.moveilheus.uesc.br

//

Leia em: < 1 minuto

Entre os dias 3 e 5 de novembro de 2021, o Programa de Pós-Graduação em Biossistemas da Ufsb (Universidade Federal do Sul da Bahia) promove o III Workshop de Plantas Medicinais e Fitoprodutos da Mata Atlântica.

O evento online e gratuito traz em pauta a estruturação da cadeia produtiva de plantas medicinais no Brasil, abordando temas como o marco legal do acesso à biodiversidade, práticas de cultivo e manejo, processamento e tecnologias, além de marketing eco-inovativo e parcerias estratégicas.

É possível se inscrever pelo site do evento e obter mais detalhes sobre as palestras e minicursos seguindo o perfil no Instagram

“Somos gratos pelo seu trabalho, que se reflete nos benefícios que a universidade tem trazido para todos nós. Me coloco à disposição, como presidente, para trabalhar em prol da região”, disse Marcone Amaral

Leia em: 2 minutos

O presidente da Amurc e prefeito de Itajuípe, Marcone Amaral (PSD) participou da cerimônia de inauguração da nova sede da reitoria da UFSB (Universidade Federal do Sul da Bahia), ontem 4ª feira (28.julho), data em que marca também, o aniversário de 111 anos de emancipação de Itabuna. O evento contou com a participação da comunidade acadêmica regional, autoridades políticas locais, regionais, estaduais e federais.

Marcone parabenizou a cidade de Itabuna pelos 111 anos de emancipação e o prefeito Augusto Castro (PSD), que juntamente com sua equipe de trabalho, tem levado esperança aos municípios menores para uma região mais fortalecida. “Nós, das cidades menores, precisamos tanto de Itabuna, e hoje, a sua gestão nos traz uma esperança muito grande”, destacou Marcone.

A reitora Joana Angélica Guimarães e o presidente Marcone relembraram que a Amurc foi a primeira sede da UFSB no início da sua criação, em 2013, para depois ser instalada no bairro Ferradas, em Itabuna.

Marcone ainda destacou a atuação da reitora Joana, natural da cidade de Itajuípe, e que, segundo ele, tem “abraçado” a região, através da universidade, promovendo diálogo com todos os municípios, visando o avanço regional.

Fachada nova reitoria UFSB no centro de Itabuna

Leia em: < 1 minuto

Após a cessão do prédio do antigo fórum Ruy Barbosa pela Justiça do Estado da Bahia, em 2019, a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) finaliza os preparativos para conclusão da mudança da reitoria, do espaço alugado no bairro Ferradas para a nova sede. O espaço foi reformado para abrigar o gabinete da Reitoria, suas assessorias, as pró-reitorias e o centro de dados da instituição.

A previsão é de inaugurar a nova sede da administração da universidade no dia 28 de julho, feriado em homenagem aos 111 anos da emancipação política de Itabuna, oficializada em 1910. Devido aos protocolos sanitários em vigor devido à pandemia de covid-19, a solenidade será transmitida e não haverá aglomeração. Os detalhes da cerimônia estão em fase final de preparação e devem ser divulgados nos próximos dias.

O prédio foi cedido à universidade em 05 de fevereiro de 2019, após negociação com o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia. A licitação para a reforma do edifício foi lançada em setembro do mesmo ano, prevendo serviços especializados de arquitetura, climatização, comunicação visual, rede elétrica, estrutura, rede hidráulica, prevenção de incêndios, paisagismo, escoamento pluvial, rede sanitária e telefonia.

//

A Andredoxa flava é uma espécie raríssima do Sul da Bahia

Leia em: < 1 minuto

Professores da Universidade Federal do Sul da Bahia tem trabalhado em um projeto que tem sido destaque por desenvolver ações possam conservar espécies de árvores da Mata Atlântica que estão ameaçadas de extinção.

Os professores Daniel Piotto e Jomar Jardim, executam o Projeto “Conservação de espécies ameaçadas de árvores da Mata Atlântica do Sul da Bahia” e mostram, em seu primeiro episódio, a árvore Andreadoxa flava, uma árvore raríssima do sul da Bahia.

O projeto é uma parceria da Universidade Federal do Sul da Bahia e Jardim Botânico de Nova Iorque (NYBG), com financiamento da Fundação Franklinia e apoio da CEPLAC (Herbário CEPEC) e Jardim Botânico de Serra Grande. Assista o vídeo completo da UFSB.

Notícias mais lidas

Outros assuntos