//

Leia em: 3 minutos

O PDT, que tem o deputado federal Félix Mendonça Júnior no comando estadual da legenda, só tem dois caminhos na sucessão do governador Rui Costa (PT) : apoiar ACM Neto ou lançar candidatura própria.

Salvo engano, já é a terceira vez que comento essa situação do pedetismo baiano. Volto ao assunto em decorrência de Roberto Carlos, o deputado estadual mais petista da sigla, que não consegue esconder sua aderência ao lulopetismo e, muito menos, seu desejo de apoiar Jaques Wagner no pleito de 2022, quando o senador vai tentar conquistar o terceiro mandato como chefe do Palácio de Ondina.

Longe de mim querer dar conselhos ao experiente parlamentar e filiado histórico do PDT. Mas não posso ficar indiferente diante da incontida vontade de RC de se juntar a Wagner na sucessão estadual.

Questionado sobre seu apoio ao projeto do PT de continuar por mais quatro anos na frente do governo do Estado, o deputado deixou bem claro, sem precisar das entrelinhas, que deixará o PDT “se a sigla desviar-se do caminho que trilha há décadas”, já que “historicamente os pedetistas marcharam ao lado dos partidos de esquerda como o PT”.

Roberto Carlos, que tem sua principal base eleitoral em Juazeiro, cita até a eleição de 2006 para ornamentar seu discurso, quando João Durval (PDT) foi candidato a senador na chapa encabeçada por Wagner.

Obviamente que RC fala de um eventual apoio do PDT à pré-candidatura de ACM Neto, ex-prefeito de Salvador e presidente nacional do Partido do Democratas (DEM). Na sua opinião, a contrapartida de apoiar Ciro Gomes dificilmente será viabilizada, insinuando que o PDT pode ficar a ver navios.

Salta aos olhos que o deputado quer continuar na base aliada do governador Rui Costa porque não quer colocar em risco os espaços que tem na máquina administrativa, o que vai ajudar na sua re-reeleição para a Assembleia Legislativa (ALBA). Outro ponto é que o deputado deve ter informações de que a maioria do seu eleitorado prefere apoiar Wagner do que ACM Neto.

E aí, nesse emaranhado jogo político, cabe a pertinente e oportuna pergunta ao deputado Roberto Carlos: Como fica o presidenciável do PDT diante desse seu incontido desejo de se juntar ao lulopetismo para eleger Jaques Wagner?

Ora, ora, não tem cabimento apoiar um candidato ao governo da Bahia já em plena campanha para outro postulante à presidência da República. É inaceitável colocar os interesses e as conveniências políticas em detrimento da candidatura de Ciro.

Confesso que não sei o que vai acontecer com o PDT nessas eleições de 2022. A única certeza que tenho é que o partido, assim que passar o processo eleitoral, vai precisar de uma profunda reflexão, de uma arrumação, sob pena de ser mais uma sigla no meio de muitas outras. 


Marco Wense é Analista Político

*A análise do colunista não reflete, necessariamente, a opinião de Pauta.blog.br

//

Manchetes desta 3ª feira, 1º de junho

Leia em: < 1 minuto

// FOLHA DE S.PAULO: Com UTIs cheias, Bolsonaro negocia receber Copa América

// O ESTADO DE S.PAULO: Conmebol anuncia Copa América no País; caso pode ir à Justiça

// O GLOBO: Com alerta de terceira onda, Bolsonaro aceita Copa América

// EXTRA: 463 mil mortos e segue o jogo…

// CORREIO BRAZILIENE: Faltam vacinas no Brasil, mas não pode faltar a bola

// O DIA: Brasil vira alvo de críticas por sediar Copa América

// A TARDE: Copa América no Brasil agita a cena política

//

Alterações na produção podem influenciar no sabor e na qualidade dos produtos

Leia em: 2 minutos

Cálculos e equações são duas palavras que podem gerar receio em diversas pessoas que não possuem proximidade com as matérias exatas, mas é de conhecimento geral como elas fazem parte da rotina de todo ser humano. Agora, um pesquisador da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), chamado Jorge Sales, demonstra como essa área do conhecimento pode influenciar no processo de um dos alimentos preferidos mundialmente: o chocolate. “As propriedades térmicas são de grande importância na análise de processos de secagem, aeração e resfriamento dos grãos e impactam diretamente no sabor e textura desse alimento”, destaca o pesquisador.

Em seu projeto de pesquisa na Uesc, o professor propôs um novo modelo para um dos processos que envolvem a produção de chocolate e a secagem de amêndoas. Ele explica como isso pode ser fundamental para influenciar na qualidade desse doce. “O cacau comercial é resultante de um conjunto de operações unitárias, entre elas está o processamento das amêndoas desses frutos. Essas operações objetivam modificar as características das amêndoas frescas, que são indispensáveis à produção de chocolates. Elas são submetidas à secagem, depois de passar por um processo fermentativo que dura de 5 a 7 dias, a fim de realçar o sabor e o aroma, típicos do chocolate”, disse. E é nesta etapa de produção que Jorge decidiu aplicar as equações, com o objetivo de modelar a distribuição da temperatura na amêndoa do cacau.

“Utilizamos a equação de Fick para o calor, que em certas condições especiais recai na equação de Fourier. Através desse método, podemos construir sensores para medir temperatura e umidade, junto com uma interface gráfica na qual será possível indicar o tempo ideal de secagem e fermentação para que o produtor tenha um melhor controle do seu processo e assim possa atingir um chocolate de alta qualidade”. Ainda segundo Jorge, o conhecimento das propriedades térmicas de produtos é de grande importância para a engenharia, pois é o que possibilita predizer a taxa de secagem e prever a distribuição de temperatura no interior de produtos agrícolas de composição e formas variadas, bem como sua esterilização e resfriamento.

Jorge afirma que com o secador e o sensor já prontos, a próxima etapa do trabalho seria o desenvolvimento de um programa que gerasse gráficos, a fim de facilitar a operação de controle do futuro usuário. “Nosso projeto pode gerar ganhos econômicos na produção de cacau e chocolates, fortes matérias-primas do Sul da Bahia. Além disso, o produtor poderá evitar contaminação no seu processo de secagem, pois terá um controle mais preciso da temperatura e umidade”, completou. O trabalho recebeu apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (Fapesb), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da empresa Legon, da cidade de Santa Rita, em Minas Gerais, que auxiliou no desenvolvimento do protótipo.

//

O produtor terá até o dia 15 de julho para entregar a declaração nos escritórios da Adab

Leia em: 2 minutos

A Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) informou, nesta quinta-feira (27), que a Campanha de Vacinação contra Febre Aftosa em todo estado será prorrogada até o dia 30 de junho. A agência foi autorizada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) a adotar a medida após solicitar a extensão do prazo, em virtude do desabastecimento do imunizante, em diversas regiões, logo na segunda semana da I Etapa de Vacinação de 2021, destinada a bovinos e bubalinos de todas as idades.

“Apesar dos efeitos da pandemia e do fechamento temporário de algumas cidades, não foi exatamente isso que motivou nossa decisão, e sim, a falta de vacinas. No entanto, o quantitativo de 1,7 milhão de doses chegará em breve para abastecer as revendas e atender a meta, que é a imunização de quase 11 milhões de animais, o que também deverá conter a especulação comercial sobre o preço final do produto, em função da insuficiência de vacina no mercado”, ressalta o diretor de Defesa Sanitária Animal da Adab, Carlos Augusto Spínola.

A vacinação contra a febre aftosa na Bahia, inicialmente prevista para ocorrer entre 1º e 31 de maio, tem superado as expectativas da coordenação da campanha, inclusive com a efetivação da declaração pelo produtor. “Estamos informando os representantes da cadeia produtiva sobre a prorrogação do prazo e todo nosso efetivo envolvido com a vacinação já está à disposição para esclarecer dúvidas e orientar os produtores para que possamos ultrapassar os 90% de imunização preconizados pelo MAPA e alcançados nas últimas etapas, o que nos confere grande possibilidade de assegurar o status de Bahia Zona Livre de Aftosa sem Vacinação, em 2023″, destaca Carlos Augusto Spínola.

Com a prorrogação da vacinação, o produtor terá até o dia 15 de julho para entregar a declaração nos escritórios da Adab, lojas de produtos agropecuários, sindicatos rurais ou por meio do site da agência.

Alex Freitas (ou Bibi) foi eleito presidente da Liga de Futebol Coaraciense

Leia em: 2 minutos

Grande parte da população de Coaraci que ama o esporte, em especial o futebol, comemora o novo comando da Liga de Futebol Coaraciense. Isto porque o comando da presidência da Seleção está agora sob a responsabilidade de membros da oposição política da atual gestão.

O presidente da Câmara de Vereadores, Marquinhos da Saúde (PCdoB), lembra que o município sempre participou do Intermunicipal, mas que infelizmente nos últimos cinco anos ficou fora do campeonato por conta da atual gestão municipal.

“Agora todo estão animados porque o município tem tudo para participar do Intermunicipal em 2022. Vamos colocar nossa querida Seleção no Intermunicipal”, frisa.

A vereadora Naarah Ribeiro (PROS) também comemorou. “Não vamos deixar acontecer o que ficou no passado. Vamos batalhar para que todos tenham alegria de novo com o futebol”.

O presidente da Liga, Alex Freitas, popularmente conhecido como Bibi, fala da satisfação em poder recuperar o tempo perdido da Seleção de Coaraci. “Vamos voltar a trabalhar neste primeiro momento a categoria de base, pois não tem como pensar no Intermunicipal sem pensar na Base, e depois fazer um Ruralzão, futebol feminino, e várias outras ações”.

A vereadora Ana Cruz (PDT) também estave presente além de outras lideranças.

O deputado Osni Cardoso tem sido um apoiador da agricultura familiar em Coaraci juntamente com Thallys Ribeiro

Leia em: 2 minutos

O deputado estadual Osni Cardoso, líder da bancada do PT na Assembleia Legislativa da Bahia, tem sido um verdadeiro apoiador da agricultura familiar de Coaraci, e com a parceria do jovem Thallys Ribeiro, presidente da Comissão Provisória Sind-Safer, o este setor tem caminhado a passos largos no município.

 

Recentemente, o deputado Osni Cardoso participou de um encontro com agricultores familiares, quando na oportunidade debateu melhorias para a região. “Aproveitei a ocasião e anunciei a confirmação da implementação dos equipamentos para a fábrica de charque, uma luta minha com o deputado Joseildo Ramos e que pôde ser articulada graças a emenda da ex-deputada federal e hoje prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho”, anunciou o deputado.

Ele ainda disse que está confirmada, para a partir de junho, a implantação do PAA Alimentos no município. “Serão mais de R$ 80 mil que beneficiarão os agricultores familiares e famílias carentes”. Durante sua passagem por Coaraci, o parlamentar fez questão de agradecer a recepção do jovem Thallys Ribeiro, presidente da Comissão Provisória Sind-Safer.

 

“Também contei com o abraço dos amigos Marcelo Pinheiro, Pastor Abraão, Soares Neto e Rosival Carvalho”, completou, lembrando que ainda em Coaraci conheceu a Laticínios Almada, implementada em 2013 no Governo Wagner e que segue até hoje beneficiando a produção local. E finalizou registrando a presença durante sua passagem pelo município, dos vereadores Naarah Ribeiro (PROS), Marquinho da Saúde (PCdoB) e Ana Cruz (PDT). 

Cotações desta 2ª feira, 31 de maio de 2021

Leia em: < 1 minuto

🍫 Cotação do Cacau 
Ilhéus > R$ 201,00 (comum > arroba)
Nova York > R$ 2.409,50 (futuro > tonelada)

☕ Cotação do Café Conillon (60 kg) 
Eunápolis > Café Tipo 7/8 > R$ 435,00
Eunápolis > Café Tipo 7 > R$ 440,00

🐂 Cotação do Boi Gordo @ arroba 
Jequié > sem contação
Barreiras > R$ 292,00
Feira de Santana > R$ 300,00
Santo Antônio de Jesus > R$ 300,00
Itapetinga > R$ 290,00
Salvador > R$ 301,00

Flávio Bolsonaro deixou o PSL, partido que foi eleito em 2018

Leia em: < 1 minuto

O senador Flávio Bolsonaro anuncia filiação ao Patriotas e aproveita para revelar que o presidente da República, Jair Bolsonaro, que também deve ingressar na sigla pela qual disputará a reeleição em 2022.

“É motivo de motivo de muita honra ser convidado para entrar num partido em que, talvez, eu devesse ter me filiado lá atrás. Me sinto um dos fundadores, participei da escolha do nome. Minha vinda para esse partido é para somar”, disse o senador, que pretende fazer o Patriota o maior partido do Brasil após o pleito em 2022. 

Os combustíveis estão caros por conta da política econômica, de desmonte e atrelada ao dólar, do governo Bolsonaro, que ACM Neto apoia, esclareceu deputado estadual Robinson Almeida

Leia em: 2 minutos

O deputado estadual Robinson Almeida (PT) rebateu críticas do presidente Nacional do Democratas, ACM Neto, sobre possível aumento da carga tributária na Bahia, que incide sobre o preços dos combustíveis.

Em entrevista a rádio de Bom Jesus da Lapa, Neto disse que governo do estado é um dos “mais perversos” na tributação sobre combustíveis. Robinson Almeida, contudo, esclarece que o aumento do preço dos combustíveis e do gás de gozinha tem relação com a política econômica e de desmonte do governo Bolsonaro, que atrelou o preço das commodities ao dólar e reduziu a capacidade de produção e refino de petróleo das refinarias, dando preferência a importação dos combustíveis dos Estados Unidos. Robinson lembra também que o DEM, de ACM Neto, apoia a privatização das refinarias brasileiras, como a baiana Landulpho Alves, em São Francisco do Conde, o que tornará ainda mais caro não só o preço dos combustíveis, como dos alimentos também.

“Como se ver, ACM Neto, como seu líder e aliado, Bolsonaro, gosta de jogar para plateia e esconder a verdade dos fatos. Ele, por exemplo, apoia a venda da refinaria Landulpho Alves na Bahia, abaixo da metade do seu valor de mercado para um fundo Árabe. Ele sabe que essa privatização irá impactar ainda mais nos preços dos combustíveis, podendo causar até desabastecimento do gás de cozinha no estado e na região nordeste, mas mesmo sabendo disso, ele compactua com essa perversidade do governo Bolsonaro, que ele apoia e dá sustentação política”, contextualizou.

O deputado Robinson Almeida também reelembra que em sua gestão na prefeitura de Salvador ACM Neto elevou o preço dos impostos municipais com os projetos de lei que implementaram a reforma tributária e com aumento abusivo no valor do IPTU e do Imposto sobre a Transmissão Inter Vivos de Bens Imóveis (ITIV).

“A verdade é que ele aumentou a carga tributária em Salvador, fez o IPTU subir mais de 240% para imóveis comerciais e mais de 21,5% para os residenciais, num verdadeiro tarifaço, instituiu a outorga onerosa, falindo as empresas do transporte público, agravando o quadro da pandemia na cidade, tornou Salvador pouco atrativa para os investidores e, com essas e outras iniciativas, consoliou Salvador como a capital nacional do desemprego, com um dos piores indicadores de desigualdade social do Brasil. Isso, tenho certeza, ele não contou na rádio, porque, como seu líder Bolsonaro, ele é averso a verdade”, ironizou Robinson. 

Em entrevista a rádio de Bom Jesus da Lapa, ACM Neto citou a infraestrutura e a questão hídrica como desafios para o desenvolvimento da Bahia

Leia em: 4 minutos

O presidente nacional do Democratas, ACM Neto, afirmou nesta 2ª feira (31.maio) que o governo da Bahia tem sido um dos “mais perversos” na tributação sobre combustíveis. Em entrevista à rádio Nova Lapa FM, de Bom Jesus da Lapa, ele comentou sobre o novo aumento promovido pelo Executivo estadual do ICMS sobre combustíveis, variando de 11% a 23%. Foi o quinto crescimento do imposto somente este ano.

“Quando a gente olha o problema da Bahia hoje o governo é um dos que tem sido mais perversos em relação à tributação dos combustíveis. Toda hora é um aumento de ICMS. Todos os fatores internacionais que contribuem (para o aumento) se somam aos fatores locais, e a questão do ICMS é decisiva. É um dos tributos que mais oneram o combustível no Brasil. Ao contrário, devia o governo do estado estar pensando em desoneração para combustível, sobretudo para não penalizar o setor produtivo do nosso estado”, afirmou.

Ele pontuou que o aumento afeta a todos. “Quem abastece seu carro, sua moto, quem tem que abastecer seu ônibus ou caminhão para fazer frete, sabe o que eu estou falando. A consequência disso é em toda a cadeia, vai da coisa mais simples como a compra de um alimento até situações mais complexas envolvendo a política externa brasileira”, explicou.

Neto ainda ponderou que falta ao governo ações para dar suporte ao setor produtivo afetado durante a pandemia da covid-19. Ele lembrou que, enquanto prefeito de Salvador, implantou um pacote de medidas para atenuar os impactos provocados pela crise. “Fiz um pacote enorme para ajudar os setores econômicos, refinanciei dívidas, isentei multas e juros, dei desconto no principal para quem não conseguiu pagar imposto. Não adianta ter um estado rico se as pessoas estão pobres”, frisou.

ACM Neto comentou sobre infraestrutura e a questão hídrica, que na visão dele são desafios para potencializar o desenvolvimento da Bahia. Citou, por exemplo, a falta de uma indústria para beneficiamento da banana – Bom Jesus da Lapa é o maior produtor do país desta fruta. “Quando a gente olha não só a Lapa, mas Serra do Ramalho, Sítio do Mato, Santa Maria da Vitória, São Félix do Coribe que acabam tendo sua economia diretamente vinculada à capacidade de produção, a agricultura e o agronegócio para a Bahia têm que ser vistos de maneira estratégica, com olhar prioritário por parte do estado”, salientou.

Na infraestrutura, ele explica que é fundamental dar prioridade à recuperação, construção e a manutenção da malha viária, das estradas, para garantir mais segurança e qualidade de vida e também para garantir o escoamento da produção, integrando de maneira racional a região com os demais lugares do país.

Sobre a questão hídrica, ele diz que o legado dos governos do PT em pontos como barragens, no trabalho de armazenamento da água, de fazer água chegar de maneira mais fácil, é modesto. “Eu recentemente estava na Chapada Diamantina e onde você chega, no Oeste, no Sudoeste, em qualquer região da Bahia que tenha essa vocação para o agronegócio, é uma geral, todos dizem que está difícil porque a gente não tem acesso à água como precisava ter”, disse.

O presidente nacional do Democratas também comentou sobre a pobreza na Bahia e ressaltou que o caminho é ter um plano para promover o desenvolvimento econômico do estado. Vale lembrar que a Bahia tem o maior número de pessoas extremamente pobres, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“Porque no fundo o que as pessoas querem é trabalho. As pessoas querem trabalhar, querem oportunidade para trabalhar, uma chance na vida para com o seu suor, produzir, e vencer na vida. E é isso que a Bahia precisa oferecer aos baianos: uma perspectiva de desenvolvimento futuro muito mais consistente, inclusive que preveja a superação dessas enormes desigualdades”, afirmou.

Ao falar sobre política, ACM Neto voltou a destacar que, caso seja candidato no próximo ano, será ao governo da Bahia. Disse, ainda, que seu desejo é “ver a Bahia liderar o país” e que, caso seja candidato e eleito, pretende ser “o melhor governador do Brasil”. Sobre o cenário nacional, afirmou que ainda é cedo para fazer prognósticos para 2022 e destacou o nome do ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta como nome do partido no debate.

Ele falou também sobre o movimento “Pela Bahia”, iniciado recentemente por ele com o objetivo de percorrer o estado até maio de 2022. Iniciado na Chapada Diamantina, o movimento deve ter como próximo destino o Sudoeste do estado e, segundo Neto, a Lapa e a região também estão no radar para as edições seguintes. 

O OUTRO LADO

Em razão da matéria publicada em que ACM Neto fala que o governo da Bahia é um dos mais perversos quando se trata de tributação, a Sefaz esclarece que:

“Estão circulando informações equivocadas sobre o ICMS dos combustíveis. Neste caso, há um valor referencial pré-determinado para cobrança. Só depois que o preço real sobe ou desce na bomba, e isso é constatado em pesquisa da Agência Nacional de Petróleo (ANP), esse preço referencial que serve para cobrança do ICMS é ajustado. Logo, o ICMS não é nem nunca foi causa do aumento ou diminuição dos preços dos combustíveis, até porque só é ajustado com alguma defasagem.

Em nome dos fatos, é importante registrar que não há correlação entre os valores de referência para cobrança do ICMS sobre os combustíveis e os sucessivos reajustes praticados pelos postos na Bahia.

Observe-se, por exemplo, que mesmo com a última atualização dos preços referenciais para o diesel S10 tendo ocorrido em 1⁰ de fevereiro, os postos seguiram reajustando o combustível nos últimos meses em percentuais expressivos, totalizando um aumento de 21,75%.

Os reajustes ocorreram inclusive ao longo dos meses de março e abril, a despeito da desoneração de impostos federais sobre o diesel neste período, promovida pela União como forma de compensar os aumentos nas refinarias.

Os valores de referência válidos a partir do próximo dia 1⁰ de junho, 120 dias após a última atualização, baseiam-se em pesquisa realizada regularmente nos postos de todo o Estado pela ANP e, cumprindo a legislação nacional, meramente adequam a cobrança do imposto aos valores reais cobrados nas bombas”.

ATUALIZADA ÀS 17H57MIN DESTA 2ª FEIRA (31.MAIO)

//

A Seinfra irá realizar a recuperação de 42,5 km da rodovia

Leia em: 2 minutos

A BA-001, entre a BR-367 e os acessos aos distritos de Arraial D’Ajuda e Trancoso, em Porto Seguro, é o caminho utilizado por moradores e turistas que vão aproveitar as belas praias da região. A Seinfra (Secretaria de Infraestrutura da Bahia) irá realizar a recuperação de 42,5 km da rodovia. Os serviços também incluem melhoramentos em pontos localizados no trecho. A publicação do aviso de licitação saiu no Diário Oficial do Estado desta 6ª feira (28.maio).

A próxima etapa será a abertura dos envelopes com as propostas das empresas interessadas em 6 de julho. O secretário de Infraestrutura Marcus Cavalcanti ressalta a importância da requalificação da via. “A obra vai contribuir para o desenvolvimento do turismo na Costa do Descobrimento. Também vai atender mais de 146 mil moradores de Porto Seguro. O investimento previsto é de R$ 13,9 milhões”, destacou o secretário.

Na região, outras importantes ações são feitas pela Seinfra. A restauração de um total de 17,3 km dos acessos aos distritos de Arraial D’Ajuda e Trancoso já se encontra com 90% de execução e tem a previsão de ser concluída no mês de julho. O processo de licitação para a pavimentação em 5,3 km da travessia urbana de Santa Cruz Cabrália, que liga a BR-367 com a BA-685, está em andamento.

MAIS OBRAS
As licitações de outras obras a serem feitas pela Seinfra também foram publicadas no Diário Oficial desta sexta (28). A recuperação e pavimentação de 36,9 km da BA-220, entre Euclides da Cunha e Monte Santo. Os 7,1 km do acesso a Elísio Medrado, que liga o entroncamento da BA-026 ao município, serão restaurados. 

//

A diretora técnica do Hospital Manoel Novaes, Fabiana Chávez, comemorou o sucesso da primeira cirurgia cardíaca pediátrica no sul da Bahia. “Esse procedimento significa um avanço fantástico na nossa assistência. Pela primeira vez na nossa história realizamos um procedimento desse tipo na nossa região. Essa é uma conquista para ser celebrada por todos, principalmente por ter sido realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS)”

Leia em: 3 minutos

Recupera-se bem uma bebê de 40 dias que foi submetida a uma cirurgia de correção de persistência do canal arterial, procedimento inédito no sul da Bahia. Prematura de 29 semanas e quatro dias, Alice está internada, desde o dia 17 de abril, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Manoel Novaes (HMN), em Itabuna, para ganhar peso, pois nasceu com 1,225 kg, e com problema de canal arterial persistente. Por isso, fora submetida a uma cirurgia de emergência.

Conduzido pelos médicos Sidnei Nardeli, coordenador do Serviço de Cirurgia Cardiovascular da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna (SCMI), e Pablo Namorato, cirurgião cardiovascular pediátrico da SCMI, o procedimento foi feito na noite da última 5ª feira (27.maio) no Centro Cirúrgico do HMN. “Inicialmente, tentamos resolver o problema com medicamentos, mas sem o resultado esperado. Por isso, decidimos pela intervenção e o bebê está apresentando uma evolução muito boa”, relata Pablo Namorato.

De acordo com o médico Pablo Namorato, a persistência do canal arterial é necessária para o crescimento do bebê. “Depois do nascimento, esse canal é fechado naturalmente. Quando isso não ocorre, é feito tratamento com medicação. Quando resultado não é satisfatório, fazemos intervenção cirúrgica. Este foi o caso da nossa paciente, que tinha muita dificuldade para respirar e hoje está bem”. Hoje, Alice está com um pouco mais de 1,715kg.

O QUE É PERSISTÊNCIA DO CANAL ARTERIAL?
O cirurgião cardiovascular Sidnei Nardeli explica que o canal arterial é uma estrutura fetal que existe entre as duas artérias que saem do coração (aorta e pulmonar). “Uma estrutura que todas as pessoas têm aberta e com fluxo, quando estão no útero materno. Quando o bebê nasce, o canal deve fechar. No caso dessa criança, não fechou, o que estava possibilitando a passagem de uma grande quantidade de sangue para o pulmão, podendo causar insuficiência respiratória e outras complicações. Caso não seja cuidado, a longo prazo, essa complicação pode até causar danos irreversíveis. O bebê poderia torna-se um adulto com a qualidade de vida muito ruim”, conta.

Sidnei Nardeli detalha que esse tipo de patologia no bebê pode enfrentar uma série de complicações de saúde, porque causa o roubo de fluxo, encharca o pulmão e pode levar comprometimento de outros órgãos. “Durante muito tempo, aqui na Bahia, esse tipo de cirurgia era feita em outros centros distantes, como Salvador, mas há dois anos implantamos em Vitória da Conquista, no Hospital IBR, e agora trouxemos esse serviço para Itabuna”.

LOGÍSTICA COMPLEXA E ALTO CUSTO
O cirurgião cardiovascular destaca que antes esse tipo de cirurgia exigia uma logística complexa. “Para levar essa paciente para Salvador, por exemplo, precisaria de uma UTI área porque é um prematuro extremo, de alto risco. Fazendo esse procedimento na unidade onde ela está internada reduz muito o risco de ter uma complicação no transporte. Além do alto risco no deslocamento, o serviço de transporte é muito caro. São muitas as vantagens com a realização desse tipo de precedimento aqui em Itabuna”.

Quem também comemorou muito o sucesso da cirurgia foram o motoboy André Luís de Souza e a estudante Thalia de Oliveira Ferreira, pais da pequena Alice, moradores do bairro Novo Prado, em Itamaraju, no extremo-sul da Bahia. “A gravidez da minha esposa foi de alto risco e tivemos que esperar o município regular para que ela recebesse o atendimento adequado. Ela ficou uma semana esperando lá. Sofreu muito antes de ser transferida para aqui, onde teve atendimento de excelência”, recordou-se. 

A vacinação atende a demanda solicitada durante reunião com o Executivo Municipal na última semana

Leia em: < 1 minuto

A Secretaria de Saúde de Ilhéus iniciou nesta 2ª feira (31.maio) a imunização dos funcionários do Polo Industrial de Ilhéus, no Iguape. O serviço também será ofertado na 3ª feira (1º.junho), no pátio da empresa Daten e visa atender nesta primeira etapa os trabalhadores das empresas vinculadas ao setor de informática, produtos eletrônicos e à produção de borracha.

A vacinação atende a demanda solicitada por entidades e sindicatos ligados ao setor produtivo de Ilhéus, pautada em reunião com o Executivo Municipal na última semana. Na ocasião, a categoria apresentou propostas e dialogou com o vice-prefeito Bebeto Galvão sobre as dificuldades impostas pela pandemia, enfatizando a importância da atividade para a retomada econômica do município.

Os profissionais atuam nos serviços essenciais e não paralisaram a atividade, mesmo com o avanço da doença. De acordo com a Secretaria de Saúde, Ilhéus é a primeira cidade baiana a incluir os colaboradores da indústria na estratégia de imunização.

O planejamento também insere os profissionais do turismo, conforme alinhamento realizado com o trade do município. 

O Soldado PM, Kléber Sousa, tinha 42 anos

Leia em: < 1 minuto

⚫ O Policial Militar Kléber Sousa, de 42 anos, morreu nesta 2ª feira (31.maio) em decorrência da Covid-19. Sousa era integrante da Ceto (Companhia de Emprego Tático Operacional), do 15° 15º BPM. 

Que Deus conforte todos os familiares 🙏

//

Manchetes desta 2ª feira, 31 de maio

Leia em: < 1 minuto

// Correio*: Os golpes do Pix

// A TARDE: Taxa de mortalidade entre internados é de 39,6%

// FOLHA DE S.PAULO: Após atos, governo mira Lula, que joga por desgaste

// O ESTADO DE S.PAULO: Projeções econômicas animam novas ofetas de ações na Bolsa

// O GLOBO: Orçamento para pesquisa do CNPq é o menor em 20 anos

// VALOR ECONÔMICO: Empresas tentam reerguer planos de saúde individuais

// ESTADO DE MINAS: Polos comerciais de BH lutam contra a Pandemia

// ZERO HORA: Juro mais em conta e busca por maior comodidade aquecem construção civil

// CORREIO DO POVO: País precisa passar a aplicar 1,2 milhão de doses ao dia

// O DIA: Justiça libera R$ 9,9 bilhões em pagamentos de precatórios

// LANCE!: Solidariedade geral

//

Cola foi o fundador da Viação Itapemirim

Leia em: < 1 minuto

O ex-deputado Camilo Cola morreu no último sábado, em Cachoeiro de Itapemirim, Vitória do Espírito Santo. Ele tinha 97 anos e morreu de causas naturais.

Cola foi deputado federal por duas legislaturas, de 2007 a 2015, sempre pelo PMDB (atual MDB). Integrou, entre outras, a Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados e a comissão especial criada em 2009 para discutir a crise econômico-financeira da indústria.

O ex-deputado também era empresário, foi o fundador da Viação Itapemirim, e, na juventude, integrou a Força Expedicionária Brasileira (FEB) na Segunda Guerra Mundial. 

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) diz já ter “provas sobejas” da existência de um “ministério paralelo” da Saúde // Foto de Jefferson Rudy/Agência Senado

Leia em: 2 minutos

O relator da CPI da Pandemia, senador Renan Calheiros (MDB-AL), diz já ter “provas sobejas” da existência de um “ministério paralelo” da Saúde e da falta de prioridade do governo federal para a compra de vacinas. O relatório final da CPI deve ser apresentado e votado pela comissão até o dia 8 de agosto.

“Temos provas sobejas da existência de um instituto paralelo, de uma consultoria paralela que despachava com o presidente da República e decidia, diferentemente do que acontecia com o próprio Ministério da Saúde. Temos já a comprovação de algumas pessoas que participaram dessa consultoria”, afirmou Renan, sem citar nomes.

Para o relator, a CPI da Pandemia também já conseguiu comprovar a falta de empenho do Palácio do Planalto para a compra de imunizantes contra o coronavírus. Segundo o parlamentar, o presidente Jair Bolsonaro “não acredita na eficácia” das vacinas e por isso preferiu apostar no tratamento precoce e em drogas como a cloroquina.

“O que nós queremos investigar é se essas coisas foram priorizadas, em detrimento da vacinação dos brasileiros. Isso poderia ter salvado muitas vidas que se foram. O grande problema do Brasil permanece: o governo não comprou vacina apenas porque não quis. O governo não comprou vacina porque não acreditava na eficácia da vacina e, por isso, queria o tratamento precoce. O presidente dizia que quem tomasse vacina viraria jacaré, que ia nascer barba nas mulheres, que o homem iria afinar a voz. Ele estava sentado em cima de um cheque de R$ 20 bilhões dado pelo Congresso Nacional e não ia comprar nenhuma vacina”, critica.

A comissão recebeu mais de 300 gigabytes em documentos. Desse total, 100 gigabytes respondem por informações consideradas sigilosas. Para se ter uma ideia do volume de dados, a CPMI da Fake News — instalada em setembro de 2019 — recebeu até agora cerca de 5 gigabytes em documentos. 

Calendário de vacinação contra o vírus Influenza (gripe) e Covid-19 que contempla a semana de 31 de maio a 5 de junho

Leia em: 4 minutos

A Secretária de Saúde de Itabuna, divulgou o calendário de vacinação contra o vírus Influenza (gripe) e Covid-19 que contempla a semana de 31 de maio a 5 de junho.

Desta 2ª feira (31.maio) à 6ª feira (4.junho), das 8h às 11 horas, prossegue a vacinação contra a gripe (vírus Influenza) nas Unidades Básicas e de Saúde da Família para os grupos prioritários. Serão vacinados idosos acima de 60 anos, professores, profissionais de saúde da rede pública ou privada, criança de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes e puérperas. Aos profissionais é necessária a apresentação da Carteira Profissional ou crachá.

No período da tarde prossegue também nas Unidades Básicas e de Saúde da Família, a aplicação da 1ª dose da Oxford/Astrazenica contra a Covid-19. A aplicação da vacina será realizada das 13h às 16 horas.

Também nesta 2ª feira (31.maio), serão vacinadas as pessoas com idade a partir dos 58 anos, nascidas entre setembro e dezembro. Além daquelas com comorbidades a partir de 18 anos, sendo necessária a apresentação de laudo médico com CID.

Na 3ª feira (1º.junho), será a vez de receber a primeira dose os indivíduos com idade a partir de 57 anos, nascidos entre janeiro e junho. E também, pessoas com idade a partir de 18 anos com comorbidades, sendo necessária a apresentação de laudo médico com CID.

Na 4ª feira (2.junho), serão imunizados pessoas a partir de 57 anos nascidas entre julho e dezembro. Além de todos com comorbidades e idade a partir de 18 anos, sendo necessária a apresentação de laudo médico com CID.

Na 6ª feira (4.junho), receberão a primeira dose do imunizante quem tem idade a partir de 56 anos e nasceu entre janeiro e dezembro. Também serão imunizadas as pessoas com idade a partir de 18 anos com comorbidades, sendo necessária a apresentação de laudo médico com CID.

Ao se dirigir a Unidade Básica de Saúde para receber o imunizante é preciso apresentar a carteira de identidade, CPF ou cartão do SUS e comprovante de residência. Para quem tem comorbidade também é necessário apresentar o relatório médico atualizado (06 meses) com CID. Devido ao feriado de Corpus Christi, no dia 3, não haverá vacinação nas unidades de saúde.

SEGUNDA DOSE OXFORD
Na 4ª feira (2.junho), receberão a 2ª dose contra Covid-19 (Oxford/Astrazenica) idosos a partir de 80 anos, que tomaram a primeira dose no Drive-Thru realizado no dia 31 de março. A segunda aplicação de Drive-Thru será no Teatro Municipal Candinha Dórea e na UNIME das 8h30min às 14 horas.

Também haverá a segunda aplicação para pessoas na Sala de Vacina da Rede de Frio, fundos do Centro de Saúde José Maria de Magalhães Neto (antigo Sesp), com limitação a 300 senhas. É necessário apresentar a Carteira de Identidade (RG), CPF ou Cartão SUS, Cartão de Vacina com o registro da 1ª dose.

REPESCAGEM 2ª DOSE
Ainda na 2ª feira (31.maio), das 8h30min as 12 e das 13h30min às 15h30min, receberão a aplicação da segunda dose Coronavac e Oxford-Astrazenica àqueles que já receberam a primeira aplicação destas vacinas.

Estão incluídos neste grupo, as pessoas com Síndrome de Down, trabalhadores da saúde e indivíduos de grupos prioritários que utilizaram primeira dose da lista da xepa. A aplicação será na Rede de Frio, no antigo Sesp.

EDUCAÇÃO
No decorrer desta semana, prossegue a vacinação da primeira dose contra Covid-19, com o imunizante Oxford/Astrazenica dos trabalhadores da Educação.

Na 3ª feira (1º.junho), serão imunizados os profissionais de Educação e funcionários com idade a partir de 18 anos das faculdades UNIME e UniFTC. O horário será das 8 às 14 horas na sede da UniFTC, na praça José Bastos, centro.

Na 6ª feira (4.junho), a aplicação será destinada aos profissionais com idade de 18 a 29 anos das Redes Municipal e Estadual de Ensino e também da UFSB. O horário será das 8h30min às 14 horas no IMEAM.

Todos os profissionais da Educação no momento da imunização deverão apresentar a Carteira de Identidade (RG), CPF ou Cartão SUS e contracheque impresso.

RODOVIÁRIOS
No sábado (5.junho), a vacinação da primeira dose contra Covid-19 com a vacina Oxford/Astrazenica será destinada aos trabalhadores rodoviários, taxistas, mototaxistas, motoristas do transporte escolar e motoristas e ajudantes de transportadoras de carga. O horário será das 8h30min às 14 horas, na USEMI, no São Caetano.

Ao se dirigir para ser imunizada, a pessoa terá que levar a Carteira de Identidade (RG), CPF ou Cartão SUS, contracheque impresso ou fotocópia da Carteira de trabalho (parte do contrato e da identificação). No caso dos motoristas autônomos, é necessário apresentar o Alvará emitido pela Secretaria de Transporte e Trânsito do Município. 

Carga de cerveja apreendida sem nota fiscal

Leia em: < 1 minuto

Um caminhão com cerca de 25.980 litros de cerveja foi apreendido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Eunápolis.

O motorista de 42 anos apresentou os documentos de porte obrigatório, porém não foi apresentada a nota fiscal da carga de cerveja, o que constitui crime tributário.

Foram apreendidas centenas de caixas de cerveja de marcas diversas, acondicionadas em latas e garrafas, totalizando 25.980 litros.

A mercadoria foi retida e foi feito contato com a Sefaz (Secretaria de Fazenda da Bahia), que realizou os procedimentos administrativos. As multas somaram 36.000 reais. 

Apreensão gerou prejuízo de R$ 1.877.500,00 para o tráfico

Leia em: < 1 minuto

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu 375.500 maços de cigarros em Feira de Santana. Caminhoneiro foi preso pelo crime de contrabando.

Os policiais abordaram uma carreta baú com placas de Santo Antônio do Monte/MG. Foram solicitados os documentos de porte obrigatório e durante a entrevista o motorista apresentou nervosismo e informações desencontradas, o que levou a equipe a aprofundar a vistoria no conjunto.

Em revista ao interior do baú, os policiais encontraram as caixas de cigarro, de origem estrangeira, totalizando 375.500 maços de cigarros. Essa apreensão deu um prejuízo de quase dois milhões de reais no crime organizado.

O homem foi preso pelo crime de contrabando e apresentado a autoridade policial com todo material do crime na Delegacia de Polícia Judiciária. A pena base para o crime de contrabando e descaminho varia de 2 a 5 anos de reclusão. 

Notícias mais lidas

Outros assuntos