Castro e Danilo se cumprimentaram cordialmente, apesar da tentativa de provocação do vereador

Leia em: 2 minutos

Tradicionalmente, os prefeitos costumam participar das sessões realizadas nas Câmaras municipais para reabrir os trabalhos no início do ano. O curioso é observar o comportamento dos edis considerados de oposição nesses momentos de comunhão entre os poderes Executivo e Legislativo.

No início deste mês, o prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), participou da sessão e cumprimentou os presentes. Um vídeo gravado dentro do plenário Raymundo Lima mostra que, enquanto o gestor se dirigia até a sala do presidente da Casa, Erasmo Ávila (PSD), “deu de cara” com o ferrenho opositor Danilo da Nova Itabuna (União Brasil). Até que Danilo ensaiou alguma provocação, mas Castro esnobou a tentativa e foi absolutamente cordial ao cumprimentá-lo.

Na última quarta (7.fevereiro), a situação foi um pouco mais constrangedora para o prefeito Marão (PSD) em Ilhéus. De sorriso fácil e considerado um político “boa praça”, Marão foi praticamente ignorado pelo vereador de oposição e policial rodoviário federal, Vinícius Alcântara (Cidadania). A falta de cortesia e educação do edil deram o que falar, mas ele fez questão de publicar um vídeo nas redes sociais mostrando o momento em que se negou a apertar a mão do gestor.

Parece que o ano eleitoral está deixando os ânimos um pouco mais exaltados que o normal. Em outros tempos, a regra básica da educação falaria mais alto, mas, com a proximidade do pleito de outubro, a tendência é que o ringue político tenha cada vez mais lutadores. Quem tiver a unha maior, sobe na parede!

Vinícius Alcântara se recusou a apertar a mão de Marão // 📽️ Reprodução/Instagram de Vinícius Alcântara

Vereador cumpriu punição imposta pelo Conselho de Ética durante 90 dias

Leia em: < 1 minuto

O vereador Danilo da Nova Itabuna (UB) vai voltar a utilizar os microfones da Câmara de Itabuna na próxima terça (12.dezembro). O edil perdeu o direito de falar em plenário durante 90 dias após uma decisão do Conselho de Ética da Casa.

Danilo referiu-se à primeira-dama do município, Andrea Castro, como “Lassie”. Após a repercussão negativa da declaração, o conselho decidiu pela punição do vereador mesmo após um pedido público de desculpas dele.

Durante o período em que ficou “silenciado”, o vereador não deixou de se manifestar e continuou fazendo oposição à gestão municipal. Dos 21 vereadores que compõem a Casa, Danilo é o único declaradamente opositor ao prefeito Augusto Castro (PSD).

Danilo da Nova Itabuna foi o vereador responsável por pedir esclarecimentos sobre contrato firmado entre prefeitura e empresa

Leia em: < 1 minuto

Na sessão ordinária realizada ontem (24.outubro) na Câmara de Itabuna, o vereador Danilo da Nova Itabuna (UB) apresentou um requerimento solicitando que o titular da secretaria de Indústria, Comércio, Emprego e Renda, Mauro Ribeiro, apresente a cópia do contrato firmado entre a prefeitura e a empresa responsável pelo telhado onde está funcionando a sede provisória da feira livre do Bairro São Caetano.

O vereador Danilo disse que fez o requerimento porque, no último dia 20, recebeu uma denúncia de que a empresa responsável pela cobertura da sede provisória da feira teria retirado o material da área porque, há dez meses, não recebe os pagamentos por parte da prefeitura.

Dos 15 vereadores presentes na sessão, 10 votaram a favor do requerimento e apenas cinco se posicionaram de forma contrária ao pedido. Os vereadores que votaram sim foram Adão Lima (PSB), Cosme Resolve (PMN), Danilo da Nova Itabuna (UB), Diego Pitanga (PT), Gilson da Oficina (PL), Israel Cardoso (Agir), Júnior do Trator (PMN), Luiz Júnior (DC), Sivaldo Reis (PL) e Solon Pinheiro (SD). Os que votaram contra foram Erasmo Ávila (PSD), Glebão (PDT), Ricardo Xavier (Cidadania), Ronaldão (PL) e Kaiá da Saúde (Avante).

Danilo diz que Solon "não tem moral" para acusá-lo de politicagem; Solon alega que houve quebra de decoro parlamentar

Leia em: < 1 minuto

Na sessão ordinária realizada na tarde desta terça-feira (24.outubro) na Câmara de Itabuna, os vereadores Danilo da Nova Itabuna (UB) e Solon Pinheiro (Solidariedade) trocaram farpas. Tudo começou quando Danilo ganhou o direito de se pronunciar porque Solon citou o nome dele ao falar que alguns colegas tomam decisões por “politicagem”.

Segundo Danilo, o colega criticou o fato dele apresentar pedidos de convocação a agentes públicos para que eles compareçam à Casa Legislativa, mas esse é o papel do vereador: 📌 “Essa é a minha obrigação. Eu fui eleito com 941 votos para cobrar o prefeito. Eu não fui eleito para ficar com medo do prefeito. Não fui eleito para chegar aqui e dizer que está tudo lindo e a cidade está jogada. Não fale que estou fazendo politicagem porque estou aqui representando o povo. O senhor não tem moral nenhuma para dizer que estou fazendo politicagem!”.

Solon subiu o tom e disse que Danilo cometeu quebra de decoro parlamentar durante o seu pronunciamento. Solon disse, também, que existem outras formas de cobrar respostas ao poder público, no entanto, o colega prefere a exposição: 📌 “O senhor prefere fazer aqui na sessão porque, aqui, o senhor vai expor a votação. O mesmo objetivo é possível alcançar via Comissões Técnicas, mas, nas Comissões, não dá ibope político porque sequer vai para votação. Prefere fazer na sessão para expor os colegas”.

Zé Alberto criticou decisão de Guinho de romper com o governo e declaração de Danilo sobre primeira-dama

Leia em: 2 minutos

O advogado e secretário de Planejamento de Itabuna, José Alberto de Lima Filho, mais conhecido como Zé Alberto (PSB), é aliado de primeira ordem do prefeito Augusto Castro (PSD). Zé foi candidato a deputado estadual nas eleições do ano passado com o aval do gestor, mas não conseguiu ser eleito.

Nesta sexta-feira (22.setembro), o secretário concedeu entrevista à Rádio Interativa FM e participou do quadro “Na Boca do Tubarão”. O advogado não teve papas na língua e soltou o verbo sobre a atuação de alguns políticos da região, especialmente sobre o vice-prefeito Guinho (UB) e o vereador Danilo da Nova Itabuna (UB).

Zé Alberto criticou, por exemplo, a ruptura de Guinho com o prefeito Augusto Castro: “O que eu colocaria na boca do tubarão é a decisão política dele de sair do governo, de abandonar o governo de forma repentina. Ele alega os motivos dele, mas eu achei que foi uma decisão política equivocada para o momento, mas é uma decisão dele que a gente respeita, mas eu não concordo”.

Segundo o secretário, o vice-prefeito tomou essa decisão porque pretendia ter mais espaço dentro da gestão, no entanto, Zé Alberto alega que presenciou o prefeito Augusto Castro conceder essas oportunidades para o vice, inclusive na secretaria de Esportes e Lazer.

Já sobre Danilo da Nova Itabuna, Zé Alberto condenou a fala do vereador sobre a primeira-dama Andrea Castro: “Danilo é uma figura que também conheci na vida pública aqui em Itabuna, criamos uma relação até de amizade, mas eu não posso deixar de colocar na boca do tubarão a fala dele, que foi uma fala desnecessária, infeliz e agressiva contra a primeira-dama. Foi uma fala gratuita porque ela não tinha dirigido nada contra ele. Ele reconheceu que errou e foi penalizado pelo Conselho de Ética da Câmara. Foi uma fala infeliz e que deve ser evitada”.

ENDERSON GUINHO NA BOCA DO TUBARÃO ⤵️

DANILO DA NOVA ITABUNA NA BOCA DO TUBARÃO ⤵️

Bastidores da política regional: Tem ex-prefeito cobiçado, briga interna de partido, ruptura de alianças e muitas articulações mirando 2024

Leia em: 10 minutos

🗣️ Para bom entendedor, meia palavra basta

O vereador de Itabuna, Diego Pitanga (por enquanto no PT), sinalizou ao prefeito Augusto que o líder político dele chama-se Lúcio Vieira Lima. Isso porque Pitanga chegou a ser nomeado assessor da secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado e comemorou a notícia: “Que o Senhor me abençoe nessa nova missão. Gostaria de agradecer ao amigo e governador Jerônimo Rodrigues (PT) pela confiança. Gratidão é a palavra”.

Acontece que o secretário da pasta é Dr. José Antônio Maia, ligado ao MDB de Vieira. Entendeu ou não? O recado de Pitanga foi bastante claro: Não valorizou, mas tem quem me valorize!

Na última sessão realizada na Câmara de Itabuna, Pitanga já havia demonstrado certa insatisfação com a gestão municipal ao criticar a demora do governo em realizar melhorias na localidade onde mora, mesmo ele tendo feito a solicitação há meses.

O pior é que o prefeito Augusto não rebate as críticas de Lúcio, logo, perdeu um soldado da política itabunense vindo em uma velha caixa de surpresa. Inclusive, Pitanga deixou no ar que o seguro morreu de velho, ou seja, escreveu, não foi atendido, bye bye. Revés para AC!

Esta Coluna Balão tentou manter contato com o setor jurídico da Câmara de Itabuna para entender se o vereador vai acumular as funções no município e no estado, mas não obteve retorno até o fechamento dessa edição.

📝 Recado da política (1)

Na política, é difícil alguém conseguir dizer que coloca a mão no fogo por outra pessoa.

📝 Recado da política (2)

Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje! Enquanto ninguém acorda, o amanhã fica cada vez mais distante.

🥊 GS vs RP: Na mesma mesa, não!

Já diria o saudoso radialista e ex-vereador Roberto de Souza (escute o áudio ⬇️): Não convidem para a mesma mesa!

Nesse caso, a situação envolve o ex-prefeito de Itabuna, Geraldo Simões (PT), e o deputado estadual Rosemberg Pinto (PT). Recentemente, Simões disse que, se Rosemberg morasse em Itabuna, ele não apoiaria a reeleição do prefeito Augusto Castro (PSD). Bateu seguro, hein?

Por sua vez, Pinto sabe que não tem “jeitinho” político no PT e vai tentar inviabilizar a candidatura de Geraldo dentro do partido. Para isso, já alinhou uma reunião com alguns membros sob a liderança do vereador licenciado, Manoel Porfírio (PT), com o objetivo de fortalecer o apoio a Augusto Castro.

A briga interna no PT de Itabuna começou há algum tempo, mas essa confusão só deve acabar depois das convenções de 2024. Até lá, Porfírio conta com a ajuda de Pinto para auxiliar na queda de braço contra Simões e o presidente de honra do MDB na Bahia, Lúcio Vieira Lima.

O duelo é antigo, mas novos capítulos devem ir ao ar em breve!

👀 Azevedo é cortejado

Apesar de “parado” politicamente, o ex-prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo (por enquanto no PDT), está sendo cortejado por vários partidos para oficializar a pré-candidatura a prefeito em 2024, no entanto, quem conhece o jeito de AZ, sabe que ele só vai tomar uma decisão aos 45 minutos do segundo tempo.

Azevedo vem de cinco derrotas consecutivas nas urnas; três para prefeito e duas para deputado. De concreto, até agora, é o fato do Capitão estar na quarta sigla e caminhando para a quinta.

Será que ele vai ter pulso firme para arcar com a própria decisão ou vai deixar Salvador definir o seu futuro (de novo)?

✅ Marão enfrenta maré revolta em Ilhéus

Bento, Marão e Fábio Júnior.

O prefeito de Ilhéus, Marão (PSD), está com uma batata assando na mão, mas, pelo visto, vai esperar queimar os dedos para tomar uma atitude. Alguns casos polêmicos envolvendo os secretários Fábio Manzi Júnior (Turismo) e Bento Lima (Gestão) vieram à tona recentemente, mas o gestor escolheu o silêncio.

Na semana passada, Fábio foi parar na delegacia de Polícia Civil para prestar esclarecimentos sobre uma suposta ameaça feita à esposa. Maria da Penha ou não, o fato é que Júnior chegou ao local acompanhado de dois advogados, pagou fiança e foi liberado. Já Bento Lima foi alvo de uma operação da Polícia Federal, mas permanece tranquilamente no governo.

Enquanto isso, Marão não se posiciona e finge que nada está acontecendo dentro da prefeitura. Que coisa, hein?

❗ Senado Político Itabunense (SPI)

O cerimonialista Paulo Lima, que preside o SPI (Senado Político Itabunense), convidou Lúcio Vieira Lima para comparecer ao local. Em alguns momentos, Lima teve que colocar “ordem” na sessão por causa dos ânimos exaltados de alguns presentes.

O Senado vem dando um show ao propor discussões políticas voltadas para o desenvolvimento de Itabuna. Parabéns a todos os “Senadores”!

❓ Danilo da Nova Itabuna no MDB?

O dono do controle do MDB na Bahia, Lúcio Vieira Lima, convidou o vereador Danilo da Nova Itabuna (UB) para se filiar à legenda. Assista ao vídeo ⬇️!

🚫 Mangabeira no circuito

Lúcio Vieira Lima chamou Dr. Mangabeira (PL) para conversar com o ex-prefeito Geraldo Simões. Escute ⬇️ o posicionamento do ex-candidato a prefeito de Itabuna e ex-candidato a deputado:

 

🔍 França sem expressão

O pré-candidato a prefeito de Itabuna pelo PL, Chico França, rebateu a foto de Mangabeira e Lúcio na rede social: “Outras fotos podem circular como quiserem, mas, a foto de verdade é essa!”.

França é tecnicamente capacitado, porém, segue sem expressão política e, principalmente, sem carisma e proximidade com o povo.

😎 Púlpito diferente

O convidado do Senado Itabunense, Lúcio Vieira Lima, chegou alguns minutos atrasado e excedeu o período de funcionamento do Café Pomar. O experiente político não perdeu o rebolado e subiu em um banco na Avenida Cinquentenário para responder a todas as perguntas feitas pelos Senadores.

🔰 Presentes

O ex-vereador de Itabuna, Clóvis Loiola, marcou presença no Senado para ouvir as palavras de Lúcio.

Loiola chegou a ser condenado a 19 anos e cinco meses de prisão em regime fechado por causa de contratações irregulares de empresas por meio de processos licitatórios nulos e fraudulentos. O caso aconteceu em 2012.

💡 João antenado

Quem também esteve presente no Senado foi o presidente do PMN municipal, João Preto. Será que ele estava representando o deputado estadual Pancadinha (Solidariedade)? Perguntar não ofende!

🔄 Aproximação de fininho ou jogo lá e cá?

No último sábado, o vereador Solon Pinheiro (Solidariedade) posou com Geraldo Simões e Lúcio Vieira Lima. O ato pode representar uma tímida aproximação?

O mais estranho é que, menos de 24 horas depois, no domingo pela manhã, Solon correu para abraçar o prefeito Augusto Castro. Na política, essa jogada é conhecida como “lá e cá”.

Abre o olho, Solon! Tem colega de mandato que tirou foto com o grupo da oposição e, depois, ficou parecendo folha de papel em branco com medo do gestor municipal ficar sabendo.

🕹️ Sem controle

No quesito Segurança Pública da Bahia, o governador Jerônimo Rodrigues (PT) ainda não mostrou resultados. Talvez se ele tivesse o mesmo empenho que tem para viajar, o cenário baiano seria outro.

Falou em viajar, Jerô é o rei! Ele ganha disparado até para o ex-governador e atual ministro-chefe da Casa Civil, Rui Costa (PT). E olha que o apelido de Rui era “correria”. Imagine!

Enquanto o rei Jerô sobe e desce pra cima e pra baixo, a Bahia segue sem controle com cada vez mais registros de crimes contra a vida. Situação preocupante!

📷 Foto de Feijão Almeida

🥳 Cansou de pedir

O vereador da base do prefeito Augusto Castro, Piçarra (Solidariedade), deve ter cansado de esperar o poder público e resolveu “meter a mão na massa” para recuperar uma passarela localizada no Bairro Fonseca.

Nas redes sociais, o edil soltou o verbo: “Vereador Piçarra e equipe fizeram um grande mutirão para a recuperação da passarela na rua Betildes Fonseca”.

A verdade é que, para garantir os votos, cada um vai se virando como pode!

🥱 Calado!

Segundo informações obtidas por esta Coluna Balão, o vereador Glebão (PDT) fica calado nas sessões por motivos de saúde já que sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral) há pouco tempo.

Enquanto isso, Itabuna está esperando o edil pegar no microfone e falar em nome do povo.

🛑 PSOL Bahia sob novo comando (1)

Um dos fundadores do PSOL, o servidor público Zem Costa, foi derrotado na convenção estadual do partido realizada nesse final de semana em Salvador. Por apenas seis votos de diferença, Zem não foi escolhido para comandar a legenda na Bahia.

Mesmo com a derrota, Zem foi escolhido delegado da sigla e vai até Brasília, em breve, para representar o PSOL e lutar pelo acolhimento das pautas defendidas pelo Partido Socialista.

Sobre as eleições municipais de 2024, Zem disse que não vê empecilho em apoiar a pré-candidatura de Geraldo Simões, mas que não pode responder pela legenda: “Eu não tenho problema nenhum em sentar e apoiar Geraldo, que é um cara de esquerda e que eu gosto muito, mas eu não posso mais falar pelo partido. A gente precisa sentar e discutir”.

🛑 PSOL Bahia sob novo comando (2)

O ex-candidato a vice-governador da Bahia, Ronaldo Mansur, foi o presidente eleito do PSOL ao conquistar 106 votos dos delegados. Após a vitória, Mansur disse que pretende transformar o partido na maior força política da esquerda socialista.

Ronaldo lidera a corrente Revolução Solidária e planeja ter candidaturas próprias a prefeito em vários municípios da Bahia no próximo ano. O partido, inclusive, decidiu se afastar da composição do governo Jerônimo e entregar todos os cargos de confiança.

👠 Representação feminina

A líder política e técnica de Enfermagem em Itabuna, Solange da Saúde, posou ao lado do novo presidente do PSOL e comemorou o resultado. Para ela, o grande objetivo, a partir de agora, é buscar o alinhamento e o fortalecimento da sigla que tem 18 anos de existência.

📣 Quem não ouve conselho…

O vereador Luiz Júnior da Saúde (DC) não perdeu a chance de cutucar o prefeito Augusto Castro. Ao criticar a atuação da secretária municipal de Infraestrutura, Sônia Fontes, o edil mandou um recado para a gestão: “Augusto, toma cuidado com o secretariado!”.

Vale ressaltar que o vereador faz parte da base aliada, mas, assim como alguns aliados, não está satisfeito com os pedidos feitos e não atendidos pelo secretariado.

Dizem por aí que, se conselho fosse bom, ninguém dava, vendia. Vai entender, né?

2️⃣ Nos dois lados

Nos bastidores, interlocutores comentam que o deputado estadual Pancadinha anda conversando com o governador Jerônimo. Vale ressaltar que o Solidariedade, partido ao qual é filiado, já compõe a base do governo estadual.

Pancadinha, no entanto, foi eleito com o apoio do ex-prefeito de Salvador e ex-candidato a governador da Bahia, ACM Neto (UB), a quem demonstra extrema gratidão.

Hoje, ao participar de uma reunião ao lado do prefeito da capital baiana, Bruno Reis (UB), ele se declarou como componente da bancada da minoria. Então, tá!

🍽️ Almoço político

A ex-vereadora de Itabuna, Charliane Sousa, pode estar com os pés de volta ao MDB, partido pelo qual chegou a se candidatar à prefeitura de Itabuna no pleito de 2020.

Após a passagem do mandachuva Lúcio Vieira Lima pela cidade, Charliane iniciou diversas reuniões, inclusive com o empresário do ramo esportivo, Roberto Lemos, mais conhecido como Beré da Mangabinha, que é pré-candidato a vereador. Beré já atuou como assessor político e estava acompanhado pelo empresário do ramo farmacêutico, Railan Silva (de vermelho).

Não existe almoço de graça, né? Qual será que foi a pauta discutida entre o trio e que pode acender o farol de alguns políticos itabunenses?

⚠️ Cada vez mais longe!

Quem se perdeu no caminho entre as eleições gerais de 2022 e as municipais de 2024 foi o Dr. Isaac Nery (por enquanto no Republicanos). O ditado popular diz que “diga-me com quem andas e lhe direi quem és”, porém, politicamente, o médico não anda com ninguém e continua pregando o extremismo por aí.

O viés escolhido por Dr. Isaac pode custar caro em 24 porque, sozinho, ele tende a ficar cada vez mais longe do Centro Administrativo Firmino Alves.

Matheus Vital é editor de Política do Pauta Blog. Envie a sua sugestão de pauta: matheus@pauta.blog.br

Danilo queria convocar presidente da Fasi para prestar esclarecimentos e acesso ao extrato bancário da prefeitura

Leia em: < 1 minuto

Na sessão ordinária desta terça (12.setembro) na Câmara de Vereadores de Itabuna, o vereador Danilo da Nova Itabuna (União Brasil) apresentou dois requerimentos aos colegas de Casa, mas ambos os pedidos foram rejeitados.

A primeira solicitação de Danilo é que o atual presidente da Fasi (Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna), Roberto Gama, fosse convocado para prestar esclarecimentos sobre a situação do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães. Antes de iniciar a votação, o líder do governo municipal na Casa, Ricardo Xavier (Cidadania), solicitou que os edis que compõem a base fossem contrários à convocação.

O segundo requerimento apresentado por Danilo solicitava que o extrato bancário da prefeitura de Itabuna fosse divulgado para comprovar que os salários pagos até o mês de julho para o servidor falecido em 18 de março foram devolvidos. Mais uma vez, Xavier pediu a rejeição do pedido porque não existe Comissão de Investigação contra a prefeitura.

Ao todo, 18 vereadores votaram de forma contrária aos dois requerimentos apresentados por Danilo da Nova Itabuna.

"Aldo tem que estar na boca do tubarão e não pode sair de lá!", disse Danilo na Rádio Interativa FM

Leia em: 2 minutos

O vereador Danilo da Nova Itabuna (União Brasil) participou de uma entrevista com o radialista Neto Terra Branca na Rádio Interativa FM. Durante o quadro “Na Boca do Tubarão”, Danilo não economizou críticas ao presidente da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC), Aldo Rebouças.

Para Danilo, Aldo não está atuando como presidente da instituição que deveria promover políticas culturais na cidade: “Eu não considero Aldo [Rebouças] presidente da FICC, eu considero Aldo um produtor de eventos da FICC. Quanto foi investido em Cultura? Nós temos um orçamento de R$ 12 milhões na FICC. Quantas casas das artes nós temos abertas? Quantos ‘vivartes’ temos hoje na cidade? Quantos programas sociais, culturais, nós temos dentro de Itabuna? Eu não conheço!”.

O vereador subiu ao tom ao dizer que não existe cultura em Itabuna: “Aldo [Rebouças] tem que estar dentro da barriga do tubarão, nem na boca é, ele tem que passar direto. Aldo, como gestor da cultura de Itabuna, é uma vergonha! Não temos cultura em Itabuna! Não temos políticas culturais em Itabuna! Nós temos datas festivas que a FICC faz. Aldo tem que estar na boca do tubarão e não pode sair de lá, pelo amor de Deus!”.

O edil cobrou a construção de casa voltadas para a cultura e o resgate de tradições: “Nós temos a sede da FICC, que é um dos pontos turísticos da nossa cidade, faz vergonha. Nós estamos indo para três anos de governo e não conseguiram reformar aquilo ali. Cadê a Casa de Jorge Amado em Ferradas? Cadê a Vila Gastronômica que ia ser feita em Ferradas? Cadê o evento gospel? Para você ver como é o interesse de algumas pessoas do governo em se beneficiar com a máquina pública. Você que é crente, que é evangélico, teve alguma programação para você neste ano?”.

OUTROS VEREADORES
Ainda durante a entrevista, Danilo poupou os colegas de Casa, Sivaldo Reis (PL) e Ronaldão (PL), mas o presidente da Câmara, Erasmo Ávila (PSD), foi parar na boca do tubarão também. O edil pegou ar!

GESTÃO ITABUNENSE
O vereador, que faz oposição declarada à atual gestão, não deixou o prefeito Augusto Castro (PSD) escapar da boca do tubarão. Ele, inclusive, solicitou ao radialista da Rádio Interativa FM, Neto Terra Branca, que convide o gestor para um desafio durante o programa. Será que vai rolar?

O OUTRO LADO
Este Pauta Blog tentou manter contato com Aldo Rebouças para que ele pudesse se manifestar sobre as declarações de Danilo, mas, até o fechamento dessa edição, nossas mensagens não foram respondidas. O espaço permanece aberto para esclarecimentos.

DÊ PLAY E ASSISTA ⤵️

Danilo da Nova Itabuna reconheceu o erro, mas disse que não vai ficar calado

Leia em: 2 minutos

Na sessão ordinária realizada na tarde de hoje (5.setembro), a Câmara de Vereadores de Itabuna anunciou o que o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar decidiu sobre a postura do edil Danilo da Nova Itabuna (União Brasil). A análise foi iniciada logo depois de Danilo se referir à primeira-dama do município, Andrea Castro, como “Lassie”.

O Conselho de Ética decidiu punir o vereador e, pelos próximos 90 dias, ele não vai poder se pronunciar durante as sessões realizadas no Plenário Raymundo Lima por ter apresentado uma “conduta desrespeitosa e ofensiva”, além de ter que redigir um documento de retratação pública, que deve ser lido na Câmara e publicado nas mídias sociais. Segundo o presidente da Casa, Erasmo Ávila (PSD), a punição começa a valer no dia 11 de setembro e segue até o dia 11 de dezembro.

NÃO VAI SE CALAR!
Após o anúncio da punição, este Pauta Blog conversou com o vereador, que assumiu estar arrependido: “Quero pedir perdão a Dra Andrea, quero pedir perdão a sua filha, que é uma criança, e quero pedir perdão a toda mulher itabunense. Reconheço que foi um erro e recebo a punição tranquilamente. Quero dizer pra Itabuna que errei, mas tenho consciência de que vou sair daqui sem ganhar nem um real e sem participar de esquema nenhum. O que eu garanto é uma coisa: calado eu não vou ficar. Vou começar a mostrar coisas de Itabuna que as pessoas precisam saber! Deixa ver o que ainda tem pra acontecer nessa Casa”.

📷 Foto de Matheus Vital

DÊ PLAY E ASSISTA ⤵️

Bastidores da política regional: Depois de uma semana agitada com muitos vazamentos e poucas explicações, o comportamento omisso da oposição impressiona. Leia a Coluna completa ⬇️

Leia em: 9 minutos

🎺 Transparência viral

Dois dias após o prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), conceder uma entrevista em uma emissora de rádio e falar sobre a suposta lista de funcionários “fantasmas” da prefeitura, foi divulgada outra lista comprometedora, mas a estratégia não viralizou como a primeira.

📢 Oposição (1)

Guinho, Danilo e Diego em Brasília.

Em entrevista à rádio Interativa FM, Augusto Castro pegou ar e mandou um recado para o vice-prefeito, Enderson Guinho (União Brasil), e para o vereador Danilo da Nova Itabuna (União Brasil), que estavam participando de um evento em Brasília.

O gestor só esqueceu que, além de Danilo, o vereador Diego Pitanga (PT), que integra a base aliada, também estava participando do evento.

📢 Oposição (2)

O prefeito disse que espera que a viagem traga recursos para Itabuna por meio de articulações de Danilo da Nova Itabuna.

Em resposta, o edil mandou um recado pelas redes sociais: “Quero dizer ao prefeito que ele tenha calma porque, na hora certa, eu vou responder”. Esse não tem papas na língua, viu?

🚫 Embargo

A população do Bairro Nova Califórnia, em Itabuna, está chateada com Augusto. Isso porque a comunidade estava “metendo a mão na massa” para construir uma praça e o prefeito mandou embargar a obra.

O pessoal tá “na bronca” e já deu a letra de que ou o mandatário mostra serviço ou essa proibição vai dar muito pano pra manga!

😴 No migué

Parece que o secretário de comunicação de Itabuna, Thiago Barra, não sabe o que é manter a palavra. Comenta-se por aí que o publicitário gosta mesmo é de “dar migué”.

Cabe ao prefeito abrir os olhos!

👀 O Capitão é omisso?

O ex-prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo (PDT), “engoliu o gogó” e se calou diante da atual gestão. A população tem diversos questionamentos, mas o Capitão parece ter abandonado a patente da política ou será que prefere se omitir?

Como líder político e conhecedor do Centro Administrativo Firmino Alves, o político deveria se posicionar para defender os anseios da população e periciar a pilotagem do prefeito Augusto Castro. Quase três anos se passaram, mas Azevedo parece estar gostando da administração.

Azevedo ainda está filiado ao PDT, mas pode desembarcar em outra sigla (ou não) em breve. Tudo vai depender do cenário político de 2024.

Segundo informações de uma fonte ligada a este Pauta Blog, o Capitão está afiando as estratégias e vai entrar na pré-campanha para prefeito a partir do final deste ano.

Lembrete: Quem não é visto, não é lembrado, Capitão!

💪 Queda de braço (1)

Tudo indica que, internamente, o Partido dos Trabalhadores terá uma grande dor de cabeça para solucionar o impasse entre o ex-prefeito Geraldo Simões e o vereador Manoel Porfírio.

Porfírio garantiu que o PT de Itabuna vai apoiar a tentativa de reeleição de Augusto Castro, mas Simões segue firme com a ideia de tentar retornar ao Centro Administrativo Firmino Alves.

Lembrando que o PT tem outros partidos como federados (PCdoB e PV) e Castro, que não é besta nem nada, já cuidou de puxar as legendas para dentro da gestão ainda neste ano.

💪 Queda de braço (2)

Fica o questionamento: Caso o PT apoie a pré-candidatura de Geraldo Simões, Porfírio vai deixar o Partido dos Trabalhadores para seguir ao lado de Castro ou vai calçar as sandálias da humildade e seguir a determinação da legenda?

🔎 Porfírio e o retorno à Câmara 

A Coluna Balão obteve a informação de que o vereador licenciado, Manoel Porfírio, estaria de malas prontas para retornar à Câmara. Atualmente, ele está como presidente da Fundação Marimbeta e a vaga deixada por ele na Casa foi ocupada pelo suplente Diego Pitanga.

A este Pauta Blog, Porfírio negou o retorno à vereança: “Não procede, não. Conversei hoje com o prefeito porque estamos planejando todas as reformas dos sítios, inclusive, com todo o apoio dele. Na minha conversa com ele hoje, não houve nenhuma sinalização nesse sentido”.

❓ Mangabeira vs França

Tudo indica que Dr. Mangabeira tirou o time de campo quando o assunto é política ou a pré-candidatura a prefeito de Itabuna.

O empresário e engenheiro civil, Chico França (PL), confirmou à Coluna Balão que a pré-candidatura a prefeito de Itabuna nas eleições de 2024 está mantida.

Na última semana, França se reuniu com o líder do PL na Bahia, João Roma, que assegurou que recebeu o pré-candidato “a pedido do presidente do PL em Itabuna, Dr Mangabeira”.

Dúvida da Coluna: Mangabeira vai abraçar a política de França, assim como caminhou com o ex-deputado João Roma em 2020?

🤷‍♂️ Mangabeira vs Nobre

O empresário Harrison Nobre (PL) colocou Dr. Mangabeira “na boca do tubarão” durante o quadro político da rádio Interativa FM. Nobre frisou que respeita Mangabeira como pessoa, mas não concorda com o político.

✅ PSDB de Itabuna

Ubaldo e Afonso Dantas.

O publicitário Afonso Dantas assumiu a presidência do PSDB de Itabuna. O partido deve aderir ao projeto de reeleição do prefeito Augusto Castro.

Afonso faz parte da gestão e é filho do ex-prefeito Ubaldo Dantas, um dos quadros históricos do tucanato.

🍾 Pegou pressão

A ex-vereadora Charliane Sousa (ex-PCdoB) estreou um podcast no Youtube ao lado da jornalista Larissa Castro.

Ao abrir uma garrafa de espumante para comemorar a estreia, o líquido pegou pressão e molhou uma parte da mesa do cenário. Na classe, Charliane seguiu o baile com muito jogo de cintura.

Desejamos sucesso nesse novo desafio!

🚗 Carrões de luxo

O ex-candidato a prefeito de Almadina, Dr. Ademir Gomes (PP), pegou ar com o atual prefeito Milton Cerqueira (Pode) e o vice-prefeito Marcos Maciel (PL).

Por meio de um vídeo divulgado nas redes sociais, o ex-candidato denunciou a suposta “farra da locação de veículos” que estaria acontecendo no município já que, segundo ele, “até o momento, mais de R$ 5 milhões foram gastos com locações para que Milton e Maciel desfilem de SW4 e Hillux o dia todo”.

💨 Sabe correr 

Valério Aguiar (MDB), pré-candidato a prefeito de Itaju do Colônia, vem demonstrando uma excelente performance política.

Residente no município, conhecedor das necessidades da população, boa praça e cortês, Aguiar vem conquistando a sociedade com seu carisma característico. Além disso, é um atleta apaixonado pela corrida e faz jus ao esporte porque corre muito pelos bairros e distritos de Itaju.

Em contrapartida, do outro lado, tem pré-candidato que só pisa na cidade “de caju em caju”.

🏁 De olho no futuro

Jerbson Moraes (PSD), ex-presidente da Câmara de Ilhéus, garantiu a esta Coluna Balão que mantém a pré-candidatura a prefeito de Ilhéus mesmo tendo sido derrotado politicamente com a decisão da 1ª Vara da Fazenda Pública que anulou o pleito interno da Casa e afastou o vereador Abraão Santos (PDT) da presidência, assim como os demais membros da Mesa.

Jerbson faz parte do mesmo partido do prefeito Marão, seu antigo aliado. O rompimento da dupla se deu, justamente, porque o atual gestor não “abraçou” a possibilidade do vereador ser seu sucessor.

Será que vai decolar?

🔰 Sob nova gestão

O vereador Paulo Carqueija (PSD) foi eleito presidente da Câmara de Vereadores de Ilhéus com 18 votos. Os vereadores Ivo Evangelista (Republicanos) e Vinícius Alcântara (Cidadania) não votaram. Um dos 19 parlamentares presentes optou por votar em branco.

2️⃣ Comando do PL em Ilhéus

O ex-candidato a deputado federal e bolsonarista, Thiago Martins, assumiu, oficialmente, a presidência do Partido Liberal em Ilhéus. A certidão de composição foi expedida pela Justiça Eleitoral.

O político também disse que, em 2024, a legenda vai apresentar o nome de Roberto Barbosa como pré-candidato a prefeito da cidade. Atualmente, Thiago Martins cogita ser pré-candidato a vereador.

Além de Martins na presidência, compõem o diretório municipal Roberto Lemos Júnior como vice-presidente, Thaís Cristine como tesoureira e Aldircemiro Ferreira como secretário.

💰 Superfaturamento em Canavieiras

Os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA) acataram uma denúncia formulada contra o prefeito de Canavieiras, Dr. Almeida (PROS), por causa das irregularidades encontradas em um contrato firmado para a locação de veículos. O documento é de 2017 e tem um custo total de R$ 2,3 milhões.

O TCM determinou, ainda, que o gestor devolva a quantia de R$ 275.454,12 aos cofres municipais, com recursos pessoais, em razão da ocorrência de superfaturamento no reajuste do contrato e da ausência dos boletins de medição em alguns processos de pagamento. Além disso, Dr. Almeida foi multado em R$ 5 mil.

✂️ Câmara quer afastar Dr. Almeida

A Câmara de Vereadores de Canavieiras votou, favoravelmente, para que haja uma investigação das supostas irregularidades cometidas pelo prefeito Dr. Almeida. O pedido foi feito por um morador do município, amparado legalmente pela sua advogada.

Dos 11 vereadores que compõem a Câmara, 6 votaram a favor da investigação e apenas 4 foram contra. O presidente da Casa anunciou o prosseguimento da ação e autorizou a abertura do processo.

🤜🤛 Embate

A Câmara de Eunápolis e a prefeita Córdelia Torres (União Brasil) estão travando um embate que parece não ter fim. Ora a Câmara tenta levar em votação, via Comissão Processante, a possibilidade de cassação do mandato da prefeita, ora a Justiça barra.

A confusão, no entanto, está longe de acabar!

📝 Agenda no Sudoeste

O governador do estado, Jerônimo Rodrigues (PT), vai entregar a recuperação da pista de pouso do aeródromo de Itapetinga no próximo domingo (27.agosto), às 9h. Em seguida, Jerônimo vai inaugurar o Complexo Poliesportivo Educacional.

⚠️ “Traidora” 

A deputada estadual Olívia Santana (PCdoB) foi chamada de “traidora” por um grupo de professores que estava no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) antes da votação do pagamento da segunda parcela dos precatórios do Fundo de Desenvolvimento da Educação Fundamental (Fundef).

A parlamentar também é professora e já foi secretária de Educação e Cultura de Salvador.

❌ TCE aponta irregularidades (1)

Uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) identificou que o governo da Bahia manteve servidores e pensionistas falecidos na folha de pagamento da secretaria estadual de Administração. As irregularidades aconteceram em 2020 quando Rui Costa (PT) ainda era o governador.

As contas da secretaria foram aprovadas pelo TCE, mas com orientações expressas de que tais erros, considerados “grotescos”, não voltem a se repetir.

❌ TCE aponta irregularidades (2)

Nessa mesma análise, foi identificado que servidores com mais de 75 anos de idade estavam na folha recebendo salários integrais quando, na realidade, eles deveriam receber valores proporcionais ao tempo de serviço. Ainda de acordo com a auditoria, as irregularidades geraram um prejuízo de mais de R$ 26 milhões aos cofres públicos.

O líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), deputado estadual Alan Sanches (União Brasil), cobrou explicações: “O governo precisa dar transparência e explicações à população sobre o que está sendo feito com o dinheiro público. Não é possível admitir esse grau de gestão com o dinheiro suado dos baianos”.

Matheus Vital é editor de Política do Pauta Blog. Envie a sua sugestão de pauta: matheus@pauta.blog.br

Notícias mais lidas

Outros assuntos