//

Paciente tinha 72 anos de idade e várias comorbidades

Leia em: < 1 minuto

Uma mulher de 72 anos de idade morreu em São Paulo no dia 17 de outubro vítima da nova variante da Covid-19. De acordo com informações da secretaria de Saúde do estado, a paciente tinha várias comorbidades e ficou internada durante 7 dias até que foi a óbito.

Além dessa morte, a secretaria está monitorando o caso de um homem de 61 anos de idade que está infectado com a nova cepa da doença. O paciente cumpriu o isolamento necessário e evoluiu bem, mas continua sendo acompanhado.

Produção de ouro, cobre e níquel se manteve em destaque e representou 65% de toda a produção mineral da Bahia

Leia em: 2 minutos

Dados divulgados pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), por meio do Sumário Mineral de outubro de 2022, mostram que, de janeiro a setembro de 2022, a Produção Mineral Baiana Comercializada (PMBC) atingiu a marca de R$ 7,8 bilhões, R$ 1 bilhão a mais que o registrado no mesmo período do ano anterior. Durante o período computado, a produção de ouro (25%), cobre (21%) e níquel (19%), se manteve em destaque e representou 65% de toda a produção mineral da Bahia.

Esses números alavancaram a arrecadação da Contribuição Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM) nos municípios de Itagibá, Jacobina, Jaguarari e Juazeiro, respectivamente. Os quatro municípios foram responsáveis por arrecadar mais da metade da CFEM contabilizada em todo o estado e esses números significam mais dinheiro nos cofres públicos das cidades, uma vez que os municípios produtores ficam com 60% desta arrecadação. Do total arrecadado neste período, os municípios baianos ficaram com R$ 84 milhões, já o percentual do estado que fica com 15% da CFEM foi de R$ 21 milhões.

Conforme dados do Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM), no terceiro trimestre deste ano, 182 municípios baianos foram beneficiados pela CFEM. Dentre os municípios de destaque na arrecadação está Itagibá, que é uma das maiores produtoras de níquel do país e lidera a arrecadação de CFEM do estado em 2022. Os valores podem ser revertidos em infraestrutura, serviços sociais e para benefício da população, como educação, saúde, dentre outros, uma vez que é considerado como um recurso “não vinculado” – pois não há obrigatoriedade de utilização em área ou ação específica.

Além do reforço aos cofres dos municípios, a mineração é responsável por uma maior movimentação na economia com a geração de emprego e renda. Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), do Ministério da Economia, mostram que o setor emprega diretamente mais de 14 mil pessoas, apenas na Bahia, número que é ainda maior se levarmos em consideração os postos de trabalho indiretos que são criados. O IBRAM (Instituto Brasileiro de Mineração) estima que, para cada emprego direto, 11 indiretos são criados, o equivalente a mais de 150 mil postos de trabalho gerados, por conta da atividade mineral.

📷 Foto de Divulgação/Atlantic Nickel

Homem disse que comprou o carro com homem do Rio de Janeiro, mas o veículo foi entregue em Jequié

Leia em: < 1 minuto

Ontem (8.novembro), a Polícia Rodoviária Federal prendeu um idoso de 60 anos de idade que estava circulando com um veículo roubado. A prisão aconteceu na BR-116, trecho de Jequié, e o carro tinha registro de roubo em março deste ano em Salvador.

De acordo com a PRF, o veículo tinha placas clonadas e estava com caracteres adulterados. O motorista disse à polícia que comprou o carro na semana passada pelo valor de R$ 45 mil após dar uma entrada de R$ 5 mil a parcelar o valor restante.

Além disso, o homem disse que fechou negócio com um homem do Rio de Janeiro, mas o carro foi entregue para ele em Jequié. O homem, juntamente com o veículo, foi encaminhado à Polícia Civil e pode responder pelos crimes de receptação e adulteração de sinal identificar.

Zé Alberto e o prefeito Augusto Castro; Zé é ex-secretário municipal de Gestão e Inovação.

Leia em: 2 minutos

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), precisa apertar o passo se quiser mesmo se reeleger nas eleições municipais de 2024. Em ‘’apertar o passo’’ entende-se, por exemplo, alterar o time de secretários que atuam na gestão e colocar os escolhidos para trabalharem a favor do povo e não da manutenção do status.

O advogado Zé Alberto (PSB) vem sendo cotado pelo prefeito para retornar ao Centro Administrativo Firmino Alves e comandar uma das pastas. Nas eleições deste ano, Zé Alberto concorreu a uma vaga na Alba (Assembleia Legislativa da Bahia) e obteve 41.798 votos em todo o estado, mas apenas 16.905 foram da cidade de Itabuna. Anteriormente, o advogado atuou como secretário de Gestão e Inovação do município.

Outro secretário que merece pedir para sair é o engenheiro civil e titular da secretaria de Infraestrutura, Almir Melo Júnior (MDB), que não atendeu às expectativas da população. Em alguns bairros, Almir garante que o asfalto vai chegar, então as máquinas chegam, mas o serviço não passa da etapa da terraplanagem.

Castro poderia pegar o embalo e trocar, também, o secretário de Transporte e Trânsito e possível candidato a vereador, Thales Silva. No início da gestão, Silva afirmou que os semáforos antigos seriam trocados, mas nenhuma mudança foi realizada até então. Além disso, as sinalizações horizontais devem ser feitas com material descartável porque as faixas de segurança vivem apagadas.

No caso do titular da secretaria de Segurança e Ordem Pública, Humberto Mattos (PSD), o que vai acontecer? O delegado de Polícia Civil aposentado fez campanha pela eleição de ACM Neto (União Brasil) mesmo fazendo parte de uma gestão que apoia o projeto petista de Jerônimo Rodrigues (PT). E aí?

O prefeito Augusto Castro tem tudo para conquistar a reeleição, mas os aliados não ajudam. Não teria, de uma vez por todas, chegado a hora de passar um pente fino na gestão, se livrar das ervas daninhas e focar, seriamente, em 2024? Caso contrário, o brilho do gestor vai se apagar.

CLIQUE AQUI E LEIA TAMBÉM NO PAUTA BLOG ⤵️

Vereadores de Itabuna não concordam com reforma proposta pelo presidente Erasmo Ávila; custos podem ultrapassar os R$ 3 milhões

Curso tem espaço para 40 estudantes, mas apenas 28 pessoas vão se formar nessa turma

Leia em: 1 minuto

O professor de Biologia, Dorival Junior, utilizou as redes sociais para denunciar uma situação que, segundo ele, é inconcebível, mas está acontecendo na Uesc (Universidade Estadual de Santa Cruz), em Ilhéus. De acordo com Dorival, a turma do 1º ano do curso de Medicina está com apenas 28 alunos quando, na realidade, 40 vagas são disponibilizadas.

Ainda segundo o educador, isso acontece porque os selecionados para estudar no curso são de várias partes do país graças ao Sisu (Sistema de Seleção Unificada). Acontece que esses estudantes, após a convocação, também são selecionados para estudar em outros lugares do Brasil e acabam optando por essas vagas, porém a Uesc não faz uma nova convocação para oportunizar que outras pessoas tenham acesso à instituição.

Conforme Dorival, a situação precisa ser revista pela UESC uma vez que pessoas da região que se dedicam aos estudos há anos estão perdendo a chance de ingressar na unidade de ensino por causa dessa situação, no mínimo, injusta. Ora, se a Uesc foi criada para atender o Sul do estado, a função não está sendo cumprida. 

DÊ PLAY E ASSISTA ⤵️

//

Outras 23 pacientes de Feira de Santana estão na "fila da morte" do Sistema de Regulação Estadual

Leia em: 2 minutos

Um homem de 58 anos de idade está internado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Mangabeira, em Feira de Santana, há 17 dias após ser diagnosticado com hemorragia intestinal. O paciente precisa ser transferido, com urgência, para uma unidade hospitalar para continuar o tratamento, mas está na conhecida “fila da morte” da regulação estadual.

Além desse homem, outras 23 pessoas com problemas de saúde estão internadas em UPAs do município aguardando a boa vontade do governo estadual em transferi-las para hospitais. A justificativa do sistema é sempre a mesma: aguarda-se o surgimento de vagas nas unidades para que os pacientes sejam, finalmente, transferidos.

O Sistema de Regulação Estadual é uma ferramenta do Governo do Estado que tem o objetivo de disponibilizar vagas em unidades públicas de acordo com o critério de gravidade do paciente. Após realizar uma triagem na unidade onde foi atendida, a pessoa é colocada nessa fila de espera e aí, então, começa o “Deus, nos acuda!”.

Infelizmente, há alguns anos, essa fila ficou popularmente conhecida como “fila da morte”. Isso porque muitas pessoas não têm a chance de chegar até os hospitais e acabam morrendo antes mesmo de iniciar o tratamento adequado. Uma das promessas de campanha do governador eleito, Jerônimo Rodrigues (PT), foi justamente rever essa situação e dar mais celeridade ao processo.

Pelo visto, o atual governador, Rui Costa (PT), não pretende rever a situação e vai deixar esse pepino para o próximo gestor descascar. Enquanto isso, a população sente na pele o preço de depender do poder público e, muitas vezes, ser decepcionada.

CLIQUE AQUI E LEIA TAMBÉM NO PAUTA BLOG ⤵️

Professor denuncia que curso de Medicina da Uesc está com apenas 28 alunos na turma do 1º ano; Assista o vídeo!

Abraão é o nome mais cotado para ocupar cargo

Leia em: < 1 minuto

Está prevista para acontecer nos próximos dias a eleição da nova mesa diretora da Câmara de Vereadores de Ilhéus. Na ocasião, vão ser escolhidos os novos nomes que vão suceder a atual gestão do presidente Jerbson Moraes (PSD).

Jerbson, inclusive, se destacou bastante durante a atuação como presidente da Casa Legislativa e, como o Pauta Blog adiantou, deve ser indicado como sucessor do prefeito da cidade, Mário Alexandre (PSD).

Nos bastidores, o nome do vereador Abraão (PDT) vem sendo cogitado como novo presidente da Câmara. Agora, a articulação segue para angariar mais votos para o edil, mas, ao que tudo indica, ele é o nome favorito do prefeito Marão para ocupar a cadeira.

Neto e União Brasil devem tentar ajudar Reis a se reeleger em 2024

Leia em: < 1 minuto

O ex-prefeito de Salvador e ex-candidato a governador da Bahia, ACM Neto (União Brasil), declarou, em entrevista ao Metro1, que não pretende voltar ao cargo de prefeito da capital baiana. De acordo com Neto, a intenção é que o grupo apoie a tentativa de reeleição de Bruno Reis (União Brasil).

Ainda segundo Neto, o apoio a Reis é fruto da atuação dele durante a campanha deste ano: “O nosso candidato em 2024 é Bruno Reis. As pessoas enxergaram nessa campanha a lealdade e o companheirismo dele”.

Marão chega a Brasília nesta terça

Leia em: < 1 minuto

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre (PSD), desembarca na capital federal hoje (8.novembro) para buscar recursos federais junto aos deputados.

Após o ritmo intenso da campanha eleitoral, o gestor está empenhado em conseguir novos investimentos para o município, afinal, chegou a hora de cobrar os apoios firmados durante o processo eleitoral.

CLIQUE AQUI E LEIA TAMBÉM NO PAUTA BLOG ⤵️

Vereadores de Itabuna não concordam com reforma proposta pelo presidente Erasmo Ávila; custos podem ultrapassar os R$ 3 milhões

Ferlú foi um dos grandes incentivadores pela vitória de Jerônimo para governador do estado

Leia em: < 1 minuto

O prefeito de Arataca, Ferlú Mansur (PSD), foi um dos políticos convidados para jantar no Palácio de Ondina, em Salvador, ao lado do governador eleito, Jerônimo Rodrigues (PT), e do atual governador, Rui Costa (PT). O encontro fez parte das comemorações pela campanha bem sucedida da base aliada nas eleições gerais.

Durante o período de campanha, Ferlú fez questão de reafirmar, em vários momentos, o apoio irrestrito à eleição de Jerônimo e à continuidade do projeto petista na Bahia. Inclusive, Ferlú foi o grande responsável pela votação expressiva de Jerônimo e Lula (PT) em Arataca.

De acordo com Ferlú, agora é momento de olhar pra frente e viabilizar investimentos no município: “Nós e o governo do estado estamos alinhados com o mesmo pensamento, que é trazer melhorias para a vida do povo. A partir de agora, Rui passa o bastão para Jerônimo, mas o empenho por melhorias continua o mesmo”.

Hilton Coelho disse que apoio do PSOL à candidatura de Jerônimo Rodrigues foi "apoio crítico" e que "não há como participar da gestão"

Leia em: < 1 minuto

O deputado estadual Hilton Coelho (PSOL) se pronunciou a respeito da informação que circula e afirma que o partido vai assumir cargos no governo de Jerônimo Rodrigues (PT). De acordo com o parlamentar, essa discussão ainda não foi pautada dentro da legenda e, quando isso acontecer, o seu pronunciamento será absolutamente contrário.

Vale salientar que, durante o 2º turno, o candidato do PSOL ao governo, Kleber Rosa, apoiou a candidatura de Jerônimo, o que, segundo o deputado, foi um “apoio crítico para evitar um mal maior”: “Sempre fui oposição programática de esquerda ao governo Rui Costa, mas não poderia me abster de lutar pela democracia em uma eleição tão difícil quanto a que enfrentamos em 2022”.

Além disso, Coelho disse que existem muitas discordâncias entre o PSOL e o PT e, por isso, não há como participar da gestão. Para ele, a colocação do nome de Kleber era uma oportunidade da população mudar essa realidade: “Nosso intuito foi apresentar uma alternativa popular e socialista para a Bahia. Não vemos sentido em participar da estrutura governamental agora, algo que dentre outras coisas, impedirá nossa independência de ação e crítica”.

//

Ação quer sensibilizar pessoas sobre importância de garantir pleno atendimento ao direito de convivência familiar

Leia em: < 1 minuto

Ontem (7.novembro), o Ministério Público da Bahia, em parceria com o Tribunal de Justiça e com a Defensoria Pública do Estado, lançou uma campanha para estimular a adoção de crianças com mais de 6 anos de idade e adolescentes. O tema escolhido para a campanha é “O amor não tem tamanho”.

Essa ação faz parte do projeto institucional do MP intitulado como “Tecendo o Amanhã”. O projeto quer sensibilizar as pessoas sobre a importância de garantir o pleno atendimento ao direito à convivência familiar e comunitária, especialmente diante de situações que impliquem no afastamento da família natural.

Atualmente, existem cerca de 214 crianças e adolescentes na Bahia aptas à adoção. Desse total, 177 têm acima de 6 anos de idade. Dados do Conselho Nacional de Justiça apontam que quase 70% dos aptos à adoção, em todo o Brasil, têm idade acima de 6 anos.

De acordo com o Sistema Nacional da Adoção e Acolhimento, a maior quantidade de crianças e adolescentes disponíveis para adoção concentra-se na faixa etária de 6 a 17 anos. Esse perfil, no entanto, não corresponde ao mais desejado pelos habilitados à adoção já que mais de 50% dos 39.957 pretendentes cadastrados têm preferência por até três anos.

Operação Parker investiga 50 boletins de ocorrência, totalizando prejuízo superior a R$ 500 mil das vítimas

Leia em: < 1 minuto

Na manhã de hoje (8.novembro), a Polícia Civil de Vitória da Conquista cumpriu mandados de busca e apreensão durante uma operação de combate às fraudes mediante consórcios. A Operação Parker é relacionada aos crimes de estelionato e associação criminosa.

De acordo com a polícia, cinco inquéritos policiais foram instaurados para apurar os crimes e, aproximadamente, cinquenta boletins de ocorrência foram registrados, totalizando um prejuízo superior a R$ 500 mil. Na ação de hoje, cerca de 50 policiais entre delegados, investigadores e escrivães estão envolvidos. 

DÊ PLAY E ASSISTA ⤵️

Além da Bahia, foram cumpridos mandados de busca e apreensão no Espírito Santo, Rio de Janeiro e Alagoas

Leia em: < 1 minuto

Nesta 3ª feira (8.novembro), três mandados de busca e apreensão contra a exploração ilegal do Pau-Brasil e outras espécies em extinção foram cumpridos em Camacã por equipes da Polícia Federal e do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). A operação foi intitulada de Ibirapitanga II e, de acordo com a polícia, o material era comercializado no exterior e usado para fabricar instrumentos musicais.

Além da Bahia, outros 34 mandados de busca e apreensão foram cumpridos nos estados do Espírito Santo, Rio de Janeiro e Alagoas. Os crimes envolvem extratores, transportadores, intermediários, atravessadores, arqueiros e empresas de produção e exportação de acessórios de instrumentos musicais de corda.

Ainda de acordo com a Polícia Federal, no Brasil, as varetas de Pau-Brasil são adquiridas por entre R$ 20 e R$ 40. No exterior, elas podem ser comercializados por até U$ 2.600, cerca de R$ 14.600 na cotação atual. As investigações começaram após fiscalizações do IBAMA, onde mais de 42 mil varetas de Pau-Brasil e 150 toretes foram apreendidos.

Os suspeitos podem responder pela prática de associação criminosa, contrabando, crimes contra a flora e outros crimes contra a administração ambiental, com penas combinadas que podem ultrapassar 15 anos de prisão.

//

Solicitações podem ser realizadas pelos canais virtuais ou presencialmente nos cartórios eleitorais

Leia em: < 1 minuto

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia reabriu hoje (8.novembro) o cadastro para alistamento de eleitores, atualização e regularização de títulos eleitorais. O acesso ao serviço pode acontecer por meio dos canais virtuais ou presencialmente nos cartórios eleitorais e postos de atendimento em todo o estado.

Para quem optar pelo atendimento remoto, basta acessar o Título Net no site do TRE da Bahia. Por meio desse sistema, é possível requerer a emissão da primeira via do documento, solicitar transferência de domicílio eleitoral, verificar débitos, alterar dados, mudar para seções acessíveis e solicitar revisão para regularizar inscrições que estejam canceladas.

No caso de quem preferir o atendimento presencial, é possível se dirigir aos cartórios eleitorais do estado. De acordo com a seção, o serviço vai acontecer por agendamento ou não.

//

Obras do novo sistema de abastecimento de água de Itabuna

Leia em: 2 minutos

As obras do Projeto Mais Água para a Cidade, executada pela Emasa (Empresa Municipal de Águas e Saneamento), segue avançando pelo Bairro Jaçanã. O projeto visa solucionar o problema do abastecimento de água. Até agora, já foram implantados 1.480 metros de rede adutora e 600 metros de rede de distribuição.

De acordo com o encarregado da obra Osmair Ribeiro, da C&R Engenharia, empresa responsável pela execução do projeto, até a próxima semana a rede adutora que segue pela Rua 15 de Novembro estará concluída e será ligada à rede implantada nas proximidades de um posto de combustíveis na Avenida Manoel Chaves.

A Emasa e a Prefeitura estão investindo nessa primeira etapa do Projeto Mais Água para a Cidade, pouco mais de R$ 17 milhões. Na segunda fase, com a implantação de dois reservatórios, com capacidade para armazenar três e cinco milhões de litros de água, nos bairros Novo Jaçanã e Novo Lomanto, respectivamente, mais de 80% dos bairros da zona sul de Itabuna terão o fornecimento de água regularizado, eliminando o atual sistema de manobras.

A previsão de conclusão das obras é para o primeiro trimestre de 2024 beneficiando os bairros que compõem a zona sul da cidade, que são os que mais sofrem com o atual sistema de manobras. Em alguns casos, o fornecimento de água é executado a cada 15 dias.

Com a conclusão do projeto, os bairros da região do São Caetano, Pedro Jerônimo, Banco Raso, Vila Anália, Sarinha dentre outros terão fornecimento de água diariamente.

As obras também contemplarão os bairros que abrangem o Conceição, São Judas Tadeu, Vila Zara e Góes Calmon, que passarão a ser abastecidos a cada cinco dias.

Já os bairros da zona oeste, que engloba Nova Itabuna, Ferradas e Nova Ferradas, terão o fornecimento de água a cada seis dias.

//

Leia em: < 1 minuto

O Ministério Público da Bahia recomendou que a prefeitura do município de Macaúbas retire os nomes de pessoas vivas dos bens públicos da cidade. A recomendação do órgão deve ser atendida em um prazo de até 120 dias.

De acordo com o MP, a cidade ainda tem duas ruas que levam nomes de pessoas que estão vivas e, portanto, não podem ser homenageadas. Além de retirar os nomes, a prefeitura vai precisar remover placas, pinturas e faixas que identifiquem o bem público com os nomes dessas pessoas.

O MP recomendou, ainda, que a presidência da Câmara de Vereadores de Macaúbas não dê encaminhamento a projetos de lei que tenham como objeto a atribuição de nome de pessoas vivas a bens públicos.

Projeto Aquático é gratuito e desde o ano passado já vem sendo executado no Colégio Ciso, no Bairro de Fátima

Leia em: 2 minutos

A Secretaria de Esportes e Lazer, ampliou a oferta de vagas para um dos mais importantes projetos que beneficia adultos e idosos, crianças, a partir de três anos, e jovens acima de 16 anos  de idade. Trata-se do Projeto Aquático da Vila Olímpica Everaldo Cardoso, no Bairro São Caetano, depois da piscina olímpica, Ginásio de Esportes e áreas externas terem sido requalificadas pelo Governo do Estado.

As matrículas continuam abertas até o dia 30 deste mês, de segunda a sexta, das 9 ao meio-dia, na  própria Secretaria de Esportes e Lazer, na Rua Casemiro Rego, 42, no Bairro Conceição. Para isso, é necessária a apresentação de documento oficial com foto e duas fotos 3×4.

Para crianças e adolescentes, além da certidão de nascimento, documento de pais ou tutores. E ainda, atestado médico com a declaração de que o aluno esta apto fisicamente à prática de natação e ou de hidroginástica.

Coordenado pela professora de Educação Física, Nilza Maria Rodrigues de Almeida Campos, da Secretaria de Esporte e Lazer, o Projeto Aquático é atividade para a saúde e o bem-estar de quem o pratica. Segundo ela, a natação e a hidroginástica trazem inúmeros benefícios, a exemplo de um melhor condicionamento físico, fortalecimento dos músculos e a melhoria do sistema respiratório.

INVESTIMENTOS
O titular da Secretaria de Esportes e Lazer, José Alcântara Pellegrini, lembra que: “além de aproveitar o espaço da Vila Olímpica, com a prática de modalidades esportivas, estamos ampliando a oferta de vagas para atender pessoas que nem sempre têm condições de frequentar uma academia”, destacou.

//

Evento é voltado para profissionais do Direito, ativistas, estudantes, professores e pesquisadores

Leia em: < 1 minuto

Com o tema “O Direito na contemporaneidade: aporias, desafios e perspectivas interdisciplinares e interculturais”, a Uesc (Universidade Estadual de Santa Cruz) vai realizar a XXII Semana Jurídica entre os dias 29 de novembro e 2 de dezembro de 2022. As inscrições podem ser feitas por meio do link Semana Jurídica 2022 – Uesc.

O evento é gratuito e vai ter transmissão pelo Youtube (os links serão disponibilizados aos inscritos). O público-alvo é formado pelos operadores do Direito em diversas áreas, ativistas de direitos humanos, estudantes, professores, pesquisadores de diversos domínios do conhecimento e cidadãos em geral.

Na programação, estão previstas palestras e minicursos on-line, além de dois blocos de minicursos presenciais no turno vespertino. A XXII Semjur vai ter uma dimensão temática em diversas áreas do Direito e disciplinas com dezenas de expositores de diversas instituições nacionais e estrangeiras, tendo como objetivo integrar e ampliar o conhecimento dos alunos da Uesc, de outras instituições e da comunidade em geral.

//

Serra do Córrego Grande, no lado norte de Ibicaraí

Leia em: 3 minutos

Na manhã do último domingo (6.novembro), 27 aventureiros (sendo 10 de Itabuna), saíram da rodoviária de Ibicaraí (bem cedinho), com destino a Serra do Córrego Grande, no lado norte do município.

A serra, ou “Montanha Mágica” (como gostamos de chamar), tem cada vez mais conquistado e encantado pessoas de Ibicaraí e cidades vizinhas que buscam o turismo ecológico vertical e o contato direto com a natureza e o meio ambiente.

Dessa vez a caminhada aconteceu a pedido da minha cunhada Márcia (que é de Ibicaraí) mas mora em Itabuna. Ela subiu a serra por curiosidade e ficou encantada com tudo. Márcia hoje propaga a montanha por onde passa e convenceu parentes e amigos a conhecerem o local em uma aventura insana.

Além de Márcia e o seu esposo Kildren, vieram de Itabuna Lula e os filhos Lyssa e André; Fredson, Rafael, Adriana, Aninha e Júnior, que se juntaram a Arnold (esse que escreve essas mal traçadas linhas), Lucas, Thiago, Sandoval, Márcio, Zaro e a irmã Maria Soledade (Sula), Clébia e a sua filha Ivy Victória, Cezar com sua esposa Cirleide e a sua filha Raquel, Rodolfo com sua noiva Kevyne, Eliene, Fábio e Julia.

A caminhada mais uma vez foi encantadora. A subida levou aproximadamente quatro horas pelas ‘intermináveis’ ladeiras da serra, passando por roças de cacau, represas, fazendas, matas, muitas nascentes e o ribeirão do Córrego Grande, até a casa de Ana, nossa anfitriã, que subiu no dia anterior para fazer um delicioso café da manhã para a turma.


Os 27 aventureiros chegaram exaustos e se esbaldaram no famoso cuscuz de Ana. Teve ainda bolo doce e salgado, café, chocolate e uma pinga com limão pra esquentar o sangue.

Alguns ‘insanos’ ainda se aventuraram até a represa de Rui para tomar um banho de bica e outros ‘loucos por caminhada’ foram mais além, até a região dos Gouveias, para conhecer uma família que vive isolada no lado leste da serra.

Passamos também pela fazenda de Abel de Furtuoso, que mais uma vez estava na “lida” tirando leite das vacas. Abel e a esposa Cristiane nos receberam de braços abertos e na volta para casa ainda nos ofereceu leite e ofertou cinco cachos de banana, que foram repartidos entre a maioria dos participantes. Abel ainda desceu a serra de carro, dando carona para o amigo Cezar.

No final do dia, após 12 horas e mais de 28 Km de caminhada, chegamos exaustos em Ibicaraí (parte da turma ainda desceu de carro para Itabuna), com o corpo e a alma revigorados. Os próximos dias serão de lembranças, muitas histórias e a vontade de um dia voltar à “MONTANHA MÁGICA”. 

No link para conhecer o local visto de cima pelo Google Earth.


Arnold Coelho
Buscando sempre ‘FOOORÇA’ para subir a Montanha Mágica

Notícias mais lidas

Outros assuntos