Para Fernando Gomes, "o que falta em Azevedo é determinação, mas ele tem outras qualidades"

Leia em: 2 minutos

Mesmo afirmando que não tem mágoas de Capitão Azevedo (PDT), Fernando Gomes (Agir) disse que o ex-aliado político é alguém “sem determinação”. Em outras palavras, Fernando declarou que o Capitão não tem vontade própria e costuma ser levado pela situação porque aceita ordens até ocupando um cargo importante como o de prefeito.

Um grande exemplo disso é que, recentemente, Azevedo se filiou ao PDT para, provavelmente, ser candidato a algum cargo nas eleições de outubro. Logo depois, ele mesmo não sustentou a decisão e chegou a dizer que ainda estava analisando as propostas de outros partidos sendo que já havia assinado a ficha de filiação. A declaração, é claro, pegou mal!

Seguindo a linha de raciocínio de Fernando, não é difícil concordar que o Capitão acata sugestões de terceiros já que o ex-presidente do PL na Bahia, José Carlos Araújo, afirmou que foi o responsável, juntamente com o pré-candidato a governador, ACM Neto (União Brasil), por convencê-lo a se tornar um pedetista. Quando negou que havia se filiado, ficou claro que estava contrariado com o rumo da prosa.

Mais uma vez, o militar parece ter aceitado o que impuseram a ele, mas, como tomou um “chá de sumiço” e o Pauta Blog não consegue manter contato telefônico, não há como tirar essa dúvida. O espaço continua aberto, Capitão!

LEIA TAMBÉM NO PAUTA BLOG ⤵️

Ex-prefeito de Itabuna, Fernando Gomes declara sobre eleições de outubro: “Eu sou amigo de Rui Costa! Não sou amigo do PT, eu não sou petista. Hoje, eu não tenho candidato a nada!”; Ouça algumas partes❗

ACM Neto foi quem convidou Valderico a concorrer às eleições deste ano

Leia em: 2 minutos

Na noite de ontem (28.abril), cerca de 500 pessoas se reuniram na Associação Desportiva 19 de março, em Ilhéus, para acompanhar o lançamento oficial da pré-candidatura do empresário Valderico Junior a deputado federal pelo União Brasil. O pré-candidato a governador pelo partido, ACM Neto, esteve no evento e foi o responsável por incentivar Valderico a participar das eleições deste ano.

Além de Neto, marcaram presença o atual vice-governador e pré-candidato ao Senado Federal, João Leão (PP), o ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro (PP), o deputado federal Marcelo Nilo (Republicanos), o deputado estadual Pedro Tavares (União Brasil) e o ex-prefeito de Feira de Santana, Zé Ronaldo (União Brasil).

No palco, ACM elogiou a postura de Valderico e disse que o objetivo é reescrever a história da Bahia. Neto salientou, inclusive, que o grande diferencial do futuro governo vai ser o povo: “Vou governar a Bahia ao lado do povo porque o povo da Bahia é o nosso grande padrinho. O povo da Bahia é o nosso grande protetor. O povo da Bahia é o nosso grande aliado e é para vocês que eu me comprometo em lutar para oferecer o melhor governo de todo o Brasil”.

Leia em: < 1 minuto

O pré-candidato a governador da Bahia, ex-ministro e deputado federal João Roma (PL), se reuniu com empresários baianos em almoço de adesão no restaurante Ferreiro, no Salvador Shopping, nesta 6ª feira (29.abril).

O ambiente desfavorável aos negócios no estado e na capital pautou o encontro com a presença de centenas de empreendedores.

Ao lado da pré-candidata a deputada federal Roberta Roma (PL), o ex-ministro da Cidadania reiterou o seu compromisso de colocar a Bahia de mãos dadas com o Brasil.

“A exemplo do que vem fazendo o presidente Bolsonaro no Brasil, vamos desonerar o setor produtivo na Bahia”, afirmou Roma.

Recuperar o protagonismo do estado baiano no cenário nacional é o objetivo do pré-candidato bolsonarista.

“Vamos promover o desenvolvimento social e econômico de mãos dadas com o setor produtivo e o povo da Bahia”, asseverou João Roma, que também estava acompanhado dos pré-candidatos a deputados estaduais Vítor Azevedo e Rosalvinho.

Durante os dias de operação, polícia acabou com 173 mil pés de maconha

Leia em: < 1 minuto

Entre os dias 5 e 14 deste mês, policiais federais da Bahia e de Pernambuco deflagraram a Operação Phaseoli II com o objetivo de identificar e erradicar plantios de maconha no sertão dos dois estados. Além da PF, militares da Bahia e do Distrito Federal, além de integrantes do Corpo de Bombeiros participaram da operação.

Durante os dias, as forças de segurança intensificaram as fiscalizações terrestres e aéreas e, nesta fase, foi possível acabar com cerca de 173 mil pés de maconha. De acordo com a polícia, os plantios foram localizados em Santo Sé/BA, Abaré/BA, Jaguarari/BA, Dormentes/PE e Juazeiro/BA.

Com a destruição das plantações, a polícia evitou a produção de 57 toneladas da droga, gerando um prejuízo de, aproximadamente, R$ 60 milhões de reais para o crime organizado.

Podemos já afirmou que vai apoiar ACM Neto e Uziel deve ser candidato a deputado federal

Leia em: < 1 minuto

De acordo com o site Bahia Notícias, o presidente estadual do Podemos, Gabriel Melo, confirmou que o apresentador Uziel Bueno está sendo sondado para ser vice na chapa do pré-candidato a governador João Roma (PL). Mesmo assim, o partido afirma que vai caminhar ao lado de ACM Neto (União Brasil).

Segundo Melo, o prazo para negociações já acabou e a sigla se comprometeu a apoiar o ex-prefeito de Salvador na tentativa de se tornar governador do estado: “Temos um DNA do Podemos de ser cumpridor, tudo na vida tem seu momento de planejar, executar. O prazo para negociações terminou e vamos dar apoio a Neto. Não temos nenhuma pré-disposição ou condição de caminhar com Roma, mesmo que ele ofereça a vice com a gente. O crescimento não é a qualquer custo”.

Mesmo com os convites do grupo de Roma, Uziel Bueno deve disputar uma vaga como deputado federal nas eleições de outubro pelo Podemos e, assim, a legenda cumpre o combinado de apoiar Neto ao Palácio de Ondina.

Projeto do reservatório de 5 milhões de litros que será erguido no bairro Novo Jaçanã

Leia em: 2 minutos

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), autorizou o presidente da Emasa (Empresa Municipal de Águas e Saneamento), Raymundo Mendes Filho, a iniciar o processo de licitação para a execução de obras e serviços de ampliação do Sistema de Abastecimento de Água Potável de Itabuna. O Edital de Licitação nº 019/2022, foi publicado ontem (28.abril). As obras, prioridade da atual Administração municipal, estão orçadas em R$ 26 milhões.

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), autorizou o presidente da Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa), Raymundo Mendes Filho, a iniciar o processo de licitação para a execução de obras e serviços de ampliação do Sistema de Abastecimento de Água Potável de Itabuna. O Edital de Licitação nº 019/2022, foi publicado ontem, dia 28. As obras, prioridade da atual Administração municipal, estão orçadas em R$ 26 milhões.

Segundo o prefeito Augusto Castro, a falta de investimentos na Emasa é a principal causa para o fornecimento irregular de água. “Estamos realizando uma obra que vai resolver o problema do abastecimento de água de Itabuna em 90%. Esse é o maior investimento realizado nos últimos 40 anos pela empresa. Com essa obra, a dona de casa vai abrir sua torneira a qualquer hora e terá a água jorrando”, garante.

De acordo com presidente da Emasa, Raymundo Mendes Filho, o novo sistema de abastecimento vai potencializar a atração de novas empresas para a cidade, principalmente com chegada do Porto Sul e da Fiol (Ferrovia de Integração Oeste-Leste).

“A ampliação do sistema de abastecimento de água, além de resolver um problema crônico que afeta a população da cidade, será uma das marcas da administração do prefeito Augusto Castro. Com essa obra, Itabuna estará pronta para atrair novos investimentos e gerar muitos empregos”, diz entusiasmado o presidente da Emasa.

O deputado federal Paulo Magalhães (PSD-BA) já destinou emenda no valor de R$ 4 milhões para que a obra seja imediatamente iniciada e assumiu o compromisso de lutar por mais recursos em Brasília.

Segundo a previsão, até 2041, mais de 143 mil habitantes de Itabuna serão atendidos com o novo sistema.

NOVO SISTEMA DE ABASTECIMENTO
O novo sistema de abastecimento de água de Itabuna consiste na ampliação da estação elevatória de água tratada, na Eta (Estação de Tratamento de Água), com o acréscimo de duas motobombas. Além disso, haverá a implantação de 6.049 metros de rede adutora.

Na rodovia BR-101 e na Avenida José Soares Pinheiro em direção à zona sul será aplicado a tecnologia não destrutiva, garantindo que o pavimento, por onde a rede vai passar, não sofrerá danos.

Além disso, serão construídos dois reservatórios. Um, no bairro Novo Lomanto, com capacidade para armazenar 3 milhões de litros de água. Outro, no bairro Novo Jaçanã, que vai acumular 5 milhões de litros de água.

Leia em: 2 minutos

Realizada ontem (28.abril), a abertura oficial do XV Congresso Nacional da Autorreforma do Partido Socialista Brasileiro (PSB), em Brasília, contou com a presença de lideranças políticas destacadas na Bahia, inclusive da região sul, como a pré-candidata a deputada estadual, Soane Galvão, que disputará, pela legenda, a uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia.

O líder do partido no Brasil, Carlos Siqueira, presidente do PSB nacional, iniciou o evento exortando que os partidos em geral não são um fim em si mesmos, mas devem ter objetivos muito claros. “Nós fixamos como discussão a construção de um projeto de desenvolvimento nacional para o Brasil”, disse, ao afirmar sobre a decisão de começar a mudar o próprio partido para modernizar, atualizar o programa e o manifesto. Siqueira oficializou o apoio à pré-candidatura da chapa Lula-Alckmin ao planalto. Na sequência, um ato de homenagem aos cem anos da Semana de Arte Moderna de 1922 foi realizado por meio da voz feminina da cantora lírica Janette Dornellas. Alckmin, em sua fala, destacou que o PSB do amanhã, da autorreforma, é um partido que vivenciará o tempo da mudança.

Ao lado do prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, e do vice-prefeito, Bebeto Galvão e que é membro ativo no PSB, Soane participou ativamente do evento dialogando com mulheres fortes como as deputadas Lídice da Mata e Fabíola Mansur, e a secretária de mulheres do PSB Bahia, Luciana Silva. “É por meio de políticas públicas para o fortalecimento dos municípios Bahia que ajudamos a melhorar a infraestrutura tanto na saúde, quanto na educação, na geração de emprego e renda, e sobretudo, na promoção dos direitos das mulheres. Participar do Congresso de Autorreforma do PSB foi crucial para estreitar e fortalecer relações políticas, bem como direcionar nossa linha de trabalho”, declarou Soane.

A pré-candidata também dialogou com autoridades políticas como o secretário estadual de agricultura João Carlos Oliveira, reforçando as demandas para mais desenvolvimento da agricultura familiar do Sul da Bahia.

"Eu amo mais Itabuna do que a mim mesmo", declara o ex-prefeito da cidade por 5 mandatos // 📷 Fotos de Tayna Borges

Leia em: 4 minutos

O Pauta Blog conversou com Fernando Gomes (Agir), pecuarista, ex-prefeito de Itabuna por 5 mandatos e ex-deputado federal pela Bahia durante 3 governos. O político de 82 anos está afastado da política e da cidade há mais de 1 ano quando deixou o Executivo itabunense, mas declarou amar a cidade “mais do que a ele mesmo”. Mesmo distante dos holofotes, Fernando garante que mantém um bom relacionamento com o governador Rui Costa (PT) e que, até então, “não tem candidato a nada” no pleito deste ano.

Para começar, o Pauta perguntou ao ex-prefeito qual é a receita para governar um município. O experiente político declarou que o segredo está no trabalho árduo: 📌”Trabalhar e respeitar o dinheiro público, que é o que eu sempre fiz. Dinheiro público é dinheiro público. Eu tenho processos, mas são processos de secretários que fizeram errado e roubaram. Foram burros, fizeram errado porque roubaram, mas quem responde é o prefeito. (…) Tem político aí que, no fim de semana, vai passear nas farras. Eu pegava meu carro, rodava 800km e amanhecia o dia na fazenda para trabalhar. Eu mesmo dirijo meu carro, motorista de prefeitura não pisava na minha fazenda”.

Sobre a aliança com a base aliada do governo do estado, Fernando declarou que o diferencial era o governador Rui Costa e o acordo selado entre eles logo quando assumiu a gestão: 📌“Quando fui eleito pela última vez, Rui me chamou. Tivemos 1 hora e meia de conversa e eu fui na casa dele lá no Palácio. Nós fizemos um acordo. Eu sou amigo de Rui Costa! Não sou amigo do PT, eu não sou petista. Nunca fui e não serei! Hoje, eu não tenho candidato a nada. Posso até ter amanhã, mas não tenho ainda. Se Rui Costa fosse candidato, eu estava com ele porque, hoje, não é Rui Costa petista, é o amigo particular que eu tenho. Ele me considera assim como eu considero ele. Não sei nem porque ele está nesse PT ainda! Ele tem carreira própria e foi um grande governador na Bahia”.

Questionado pelo Pauta se apoia a eleição do pré-candidato a governador pelo PT, Jerônimo Rodrigues, Fernando salientou que essa é uma questão diferente do relacionamento dele com Rui: 📌 “[Votar em Jerônimo] Aí é outra história! Eu tô falando de Rui Costa, que é meu amigo, gosto dele, é um cara de bem, um cara sério e, para mim, foi o melhor governador que a Bahia já teve. (…) Rui Costa é diferenciado”.

O Pauta quis saber, também, se a ligação entre ele e o também ex-prefeito, Capitão Azevedo (PDT), está abalada, mas ele negou e disse que não tem inimigos políticos. Segundo o pecuarista, ele foi o grande responsável por inserir o militar na política, mas os dois têm estilos diferentes de governar: 📌 “Foi eu quem fiz Azevedo! Eu mantive ele 17 anos no Ciretran. Quando ele quis se candidatar a vereador, eu disse que não queria ele como vereador porque ele seria meu vice-prefeito. Azevedo não é um cara ruim, não. Infelizmente, ele diz uma coisa hoje e amanhã é outra. Ele não manda, mandam nele. Como ser humano, é um cara bom. (…) Eu não sou inimigo dele, não. O que falta em Azevedo é determinação, mas ele tem outras qualidades”.

Sobre um possível retorno à carreira política, o ex-prefeito praticamente descartou a possibilidade: 📌 “Aí tá difícil! Eu acho que eu já cumpri a minha missão que Deus me deu. Se eu não fosse político, eu era, hoje, o homem mais rico da Bahia. Quando eu me tornei político, eu era um homem rico e, hoje, eu não sou. Naquela época, eu já era rico, mas eu não ligo para dinheiro. Dinheiro é para eu comer e ajudar minha família. Eu não tenho ilusão por dinheiro. (…) Daqui eu não vou levar nada, ninguém leva nada”.

Para finalizar, Fernando Gomes declarou que ama Itabuna e que, mesmo sem ter pretensão de concorrer a algum cargo, deseja que a cidade seja bem governada e evolua: 📌 “Eu quero o melhor para Itabuna. Tem coisas para fazer em Itabuna. Itabuna precisa de obras. (…) Eu gosto mais de Itabuna do que de mim próprio. Quando eu viajo e passo 8 dias fora, eu começo a ficar nervoso lá fora e me sinto mal. Quando eu chego na entrada de Itabuna, eu me transformo. Eu amo mais Itabuna do que a mim mesmo. Tem que fazer obra, que sempre precisa, e ter respeito à população”.  

A entrevista foi concedida ao editor de política do Pauta Blog, Matheus Vital, na tarde de 4ª feira (27.abril), em seu escritório.

CLIQUE E OUÇA AS MELHORES PARTES DA ENTREVISTA!

Sobre candidatura a reeleição em 2020 ⤵️

 

Sobre a sua primeira gestão como prefeito de Itabuna ⤵️

 

Sobre a gestão de 2016 à 2020 como prefeito de Itabuna ⤵️

 

Qual é o segredo para conquistar grandes obras para Itabuna? ⤵️

 

Sobre o que é o político? / Inimigo de Antônio Carlos Magalhães ⤵️

 

Sobre a sua relação com o governador Rui Costa, do Partido dos Trabalhadores. ⤵️

 

Sobre o ex-prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo: “O Capitão Azevedo diz uma coisa hoje e amanhã é outra”. ⤵️

 

Existe alguma possibilidade do senhor retornar à política? ⤵️

//

Os vereadores: Lindomar, Professor Fabrício, Laryssa de Maurício, Dr Filemon Filho (coordenador odontológico), Juliana Chagas, Zé Coelho e Binho de Walmir

Leia em: < 1 minuto

Na última 2ª feira (25.abril), o cirurgião-dentista e coordenador odontológico do município de Arataca, Dr Filemon Filho, visitou à Câmara de Vereadores da cidade para assistir a uma sessão. Na ocasião, ele fez questão de registrar o momento ao lado dos edis e agradecer a recepção de todos.

De acordo com o odontólogo, é imprescindível que os Poderes e a sociedade em geral se unam em prol do bem comum, que é melhorar a vida das pessoas: “Eu me coloquei à disposição no que for preciso. Nosso partido tem que ser Arataca, esquecer os partidos, diferenças e lutarmos pelo bem comum de todos”.

//

Leia em: 2 minutos

O vereador Tandick Resende (Cidadania) cobrou à Embasa uma solução definitiva para os inúmeros esgotos a céu aberto espalhados por toda a cidade. “Existem lugares que o esgoto está aberto há anos e os moradores continuam pagando a taxa de esgoto, isso não pode continuar”, reivindicou o vereador.

Segundo Tandick, os moradores das ruas afetadas relatam ter que conviver com o risco iminente de doenças e problemas de saúde causados pelos dejetos espalhados a céu aberto. “O que a Embasa está fazendo na nossa cidade atenta contra a saúde pública”, complementou o edil.

Além dos problemas na prestação do serviço do esgotamento sanitário, Tandick apontou que a pavimentação das ruas também vem sendo destruída por conta das falhas na prestação de serviço da empresa, “eles [Embasa] começam uma obra de manutenção ou implementação do esgotamento em uma rua e, quando terminam o serviço, não deixam a pavimentação da mesma forma que estava antes”, explicou Dr. Tandick

O parlamentar falou que as cobranças da população em relação à reparação das vias públicas danificadas pela Embasa (Empresa Baiana de Águas e Saneamento) chegam todos os dias e que a empresa precisa dar uma solução para essa problemática. “A Embasa tem destruído praticamente toda a parte de via pública de Ilhéus”, concluiu.

Reiterando as cobranças realizadas à Embasa, Tandick apresentou nos últimos dias os Requerimentos Legislativos nº 267-268/2022, que cobram solução para essa problemática em algumas ruas da cidade.

Leia em: < 1 minuto

Os conselheiros do TCM (Tribunal de Contas dos Municípios) da Bahia, na sessão desta 5ª feira (28.abril), emitiram parecer prévio indicando a rejeição das contas da Prefeitura de Itapé, de responsabilidade do prefeito Naeliton Rosa Pinto (PP).

O parecer foi motivado pelo descumprimento do artigo 42 da LRF e pelo não recolhimento de multas impostas anteriormente pelo TCM. Todas essas contas são referentes ao exercício de 2020. As contas – governo e gestão – são de responsabilidade do próprio prefeito, que atua concomitantemente como chefe de governo e ordenador de despesas.

Os conselheiros relatores, ao final de cada voto, também apresentaram DID (Deliberação de Imputação de Débito), com proposta de multa no valor R$ 6 mil para o gestor, em razão das ressalvas indicadas nos relatórios técnicos.

Foi determinada, ainda, a formulação de representação ao Ministério Público Estadual contra o gestor pelo descumprimento do art.42 da LRF. Cabe recurso da decisão.

Sessões da Câmara acontecem na sala de Comissões ou na Biblioteca: Até quando, Erasmo Ávila?

Leia em: < 1 minuto

Pelo visto, a única urgência do presidente da Câmara de Vereadores de Itabuna, Erasmo Ávila (PSD), era antecipar a eleição da mesa diretora e garantir a reeleição antes do pleito de outubro. Feito isso, outras demandas ficaram de lado, a exemplo da reforma no plenário da Casa Legislativa.

O mês de maio se aproxima e a reforma ainda não foi concluída, ou seja, já são mais de 120 dias em obras e nada! A alternativa tem sido realizar as sessões na sala de Comissões ou na Biblioteca Municipal, mas parece que os vereadores não se importam com a situação porque ninguém toca no assunto. Em uma sessão realizada neste ano, o presidente da Câmara de Itabuna garantiu que a reforma estaria pronta em abril, mas, até agora, NADA!

//

Doria era aliado de Bolsonaro em 2018

Leia em: < 1 minuto

Nesta 5ª feira (28.abril), o ex-governador de São Paulo e pré-candidato a presidente, João Doria (PSDB), concedeu entrevista ao portal Uol e admitiu que está aberto ao diálogo com o ex-presidente Lula (PT). Ontem (27.abril), o político já havia declarado que “Lula e Bolsonaro não são parecidos porque Lula tem passado e eu o respeito”.

O que causa estranheza na declaração de Doria é que ele sempre foi um crítico ferrenho do PT e, em 2018, era aliado às ideias do presidente Jair Bolsonaro (PL). Como política se faz com muita conversa e pensando nos interesses futuros, o ex-governador tem demonstrado arrependimento mesmo depois de ter utilizado a popularidade de Bolsonaro (BolsoDoria) para se promover. Que coisa, hein?!

Os vereadores de Itabuna que apoiam: Proposta está sendo analisada pela Câmara e, se aprovada, segue para sanção do prefeito

Leia em: 3 minutos

Uma proposta de emenda à Lei Orgânica do Município que sugere que, da verba destinada à cidade de Itabuna para a realização de shows e festejos, 50% do valor seja destinado para a contratação de artistas itabunenses, está sendo analisada pela Câmara de Vereadores. Atualmente, esse valor é de 30%, mas a ideia do edil Fabrício Pancadinha (Solidariedade) é aumentar esse percentual.

Para o vereador, a proposta tem o objetivo de valorizar a classe artística da cidade: 📌“Aqui em Itabuna, a gente quer incentivar os artistas e colocar uma emenda que já existe, é de 30% e a gente quer mudar para 50%, que toda verba destinada para atividades culturais e eventos em Itabuna, que seja destinado 50% da verba para contratação de artistas da nossa cidade. Essa é uma forma da gente incentivar a cultura da nossa cidade que é um celeiro muito grande de artistas”.

Segundo Pancadinha, até o momento, ele e outros 8 vereadores assinaram o documento, mas é necessário de mais apoio para que a emenda seja aprovada: 📌“Caso seja aprovado, já passa a valer a partir da festa de São Pedro. Temos a assinatura de 8 vereadores e esperamos a colaboração dos outros vereadores também para que olhem por essa classe. Necessitava de 8 assinaturas para ir para as Comissões e, agora, precisa de mais 6 para ser aprovado. Depois daí, vai para a mão do prefeito sancionar ou não. Aí fica na mão do prefeito, né?”.

O cantor Ítalo Carloni (foto 👆), que tem 25 anos de carreira e é um dos 600 músicos cadastrados que atuam na cidade, comemorou a iniciativa: 📌 “Essa é uma vitória para os artistas aqui da terra porque, realmente, nós passamos dificuldades na pandemia e, agora, com essa proposta do nosso amigo, músico e vereador Pancadinha, ele deu o primeiro passo para ajudar essa família. Os músicos são uma família e a gente precisa um do outro para criar situações para que ninguém passe fome”.

A radialista e cantora Rose Oliveira (foto 👆) relembrou que o segmento de eventos foi um dos mais prejudicados desde o início da pandemia da Covid-19, portanto, essa mudança na emenda é essencial: 📌“É um projeto de lei que beneficia a classe artística da nossa cidade, que anda esquecida por tantos governos que vieram anteriormente. No período da pandemia, a gente foi a primeira classe a parar e passamos por determinadas situações em que muitos de nós precisamos vender nossos materiais de trabalho para se sustentar e pagar as contas. Esse projeto vem para beneficiar e, além do mais, muitos eventos realizados aqui são feitos com músicos de fora esquecendo que Itabuna é um berço cultural imenso e daqui saíram grandes nomes para o Brasil e o exterior”.

Alguns músicos que estão buscando esta aprovação para alavancar a classe artística de Itabuna.

Porfírio não gostou de ouvir Solon dizer que Rui Costa deixou de vir para Itabuna por causa da operação da Polícia Federal

Leia em: 3 minutos

A sessão ordinária realizada nesta 4ª feira (27.abril) na Câmara de Vereadores de Itabuna pegou fogo! Os vereadores Solon Pinheiro (Solidariedade) e Manoel Porfírio (PT) protagonizaram um momento tenso depois que Solon citou o cancelamento da vinda do governador Rui Costa (PT) à cidade de Itabuna.

De acordo com Solon, Rui desistiu da visita depois que a Polícia Federal deflagrou uma operação para investigar a compra de 300 respiradores pelo Consórcio Nordeste no auge da pandemia da Covid-19. Em tom de provocação, o vereador disse que era solidário ao colega Manoel Porfírio, que faz parte da base aliada do governo estadual: 📌 “Quero aproveitar esse momento para ser solidário ao colega vereador Manoel Porfírio. Ontem, foi anunciada a vinda do governador Rui Costa para a nossa cidade e, com certeza, prepararam fogos, charanga, militância toda de vermelho para recepcionar o governador, mas o governador fujão não apareceu. Ele não apareceu simplesmente porque foi deflagrada uma operação em Salvador ontem que teve como alvo o ex-secretário da Casa Civil do governo Rui Costa. É lamentável, né? Eu quero ser solidário ao colega porque, por conta desse motivo grave, o governador não pode se fazer presente em nossa cidade”.

Porfírio, por sua vez, não deixou passar a colocação do colega e subiu o tom ao dizer que não precisa da solidariedade de Solon. Disse, ainda, que o edil agia de má fé ao fazer o comentário: 📌 “Vereador Solon, a sua solidariedade, eu quero que o senhor engula! O senhor passou 8 anos penando enquanto esse prefeito era prefeito de Salvador, então de sua solidariedade eu não preciso. Eu quero dizer ao senhor que o dinheiro dos respiradores foi devolvido à Bahia. Foi devolvido e o senhor está mal informando ou agindo de má fé e má fé eu não aceito! Faça política com grandeza reconhecendo os seus adversários com honestidade e grandeza. Se o senhor quer usar essa casa para fazer palanque político, eu não vou aceitar!”.

Durante o pronunciamento de Porfírio, o vereador Solon pediu espaço e se defendeu das acusações: 📌 “Eu apenas quero pedir à Vossa Excelência, com todo carinho, que tenha mais humildade. Eu falei com Vossa Excelência de forma humilde e Vossa Excelência está usando sua fala para me ofender. Seja humilde e tenha calma! O embate político faz parte! Em nenhum momento, eu precisei buscar ajuda de político em Salvador porque, graças a Deus, eu tenho a minha profissão. Fora dessa Casa, eu tinha o que fazer!”.

O líder do governo Augusto Castro (PSD) na Câmara encerrou a fala dizendo que sempre vai defender os correligionários dentro da Casa: 📌 “Toda vez que algum colega dessa Casa tentar ser leviano com algum companheiro meu, eu vou pra cima! Já sabe o meu perfil! Se falar a verdade, eu aceito! (…) Se for para se preocupar com o povo, tem que se preocupar com a roubalheira do Governo Federal, tem que se preocupar com o presidente que aí está vendendo a nossa Pátria!”.

DÊ PLAY E OUÇA O ÁUDIO DO VEREADOR SOLON PINHEIRO ⤵️

 

DÊ PLAY E OUÇA O ÁUDIO DO VEREADOR MANOEL PORFÍRIO VS SOLON PINHEIRO ⤵️

LEIA TAMBÉM NO PAUTA BLOG ⤵️

ATÉ QUANDO❓ Reforma no plenário da Câmara de Itabuna anda a passos de tartaruga

//

Ferlú agradeceu a parceria com Otto Filho e a viabilização de recursos para Arataca

Leia em: < 1 minuto

O prefeito de Arataca, Ferlú Mansur (PSD), permanece em Brasília participando da XXIII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. Nesta 5ª feira (28.abril), ele aproveitou a viagem para visitar o gabinete do deputado federal e grande aliado do município do sul da Bahia, Otto Filho (PSD).

Na ocasião, Ferlú apresentou ao parlamentar algumas demandas de Arataca e aproveitou para solicitar mais recursos para a cidade. O gestor fez questão de ressaltar a importante parceria com o deputado: “Otto é um aliado de longa data e tem viabilizado muitas obras na nossa cidade. A maior delas, sem dúvidas, é a estrada para Anuri que, nesta semana, teve o aviso de licitação publicado no Diário Oficial do Estado. Para um prefeito, é motivo de muita satisfação poder contar com um deputado tão comprometido com a população”.

No cenário estimulado, ACM lidera com 61,54% e, no cenário espontâneo, o ex-prefeito de Salvador alcança 39,19%

Leia em: < 1 minuto

Na manhã de hoje (28.abril), o Instituto Séculus divulgou o resultado de uma pesquisa de intenção de voto para o governo da Bahia. Nos cenários avaliados, o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União Brasil), aparece como líder da preferência do eleitorado baiano.

No cenário estimulado, que é quando os entrevistadores apresentam os nomes dos pré-candidatos, ACM alcança 61,54%, seguido do ex-secretário de Educação do estado, Jerônimo Rodrigues (PT), com 11,26, e do ex-ministro da Cidadania, João Roma (PL), com 5,47%. Completam a lista o professor Kleber Rosa (PSOL) com 0,77% e o professor Giovani Damico (PCB) com 0,45%.

Já na pesquisa espontânea, que é quando os nomes não são sugeridos, ACM aparece com 39,19% dos votos e Jerônimo permanece como segundo colocado com 9,40%, seguido de Roma com 5,21%. O nome do governador Rui Costa (PT) foi citado pelos entrevistados e ele obteve 1,99%. Depois dele, tem Kleber Rosa com 0,13% e Giovani Damico com 0,13%.

De acordo com o Instituto, 1.526 eleitores com 16 anos de idade ou mais foram entrevistados em 72 municípios durante os dias 20, 21 e 22 de abril. A margem de erro do levantamento é contabilizada em 2,5% para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.

De acordo com Danilo, há vereadores preocupados com os partidos, mas não com o povo: "Eu queria que, nessa Casa, se preocupassem, realmente, com a população que foi atingida com a enchente"

Leia em: 2 minutos

O vereador Danilo da Nova Itabuna (PSL) não poupou críticas ao governador Rui Costa (PT) durante sessão realizada hoje (27.abril) na Câmara de Vereadores. O edil fez questão de lembrar que as pessoas atingidas pela enchente do Rio Cachoeira em dezembro do ano passado continuam passando necessidades e precisando de moradia, principalmente das 1.100 casas prometidas pelo governo estadual.

De acordo com Danilo, dentro da Casa Legislativa, há vários colegas preocupados em defender partidos ao invés de pensar na população: “Infelizmente, muitos ainda se preocupam com a bandeira do partido e com a sigla partidária. Eu queria que, nessa Casa, se preocupassem, realmente, com a população que foi atingida com a enchente”.

Danilo subiu o tom ao dizer que Rui Costa também não está preocupado com o bem estar do povo e que a promessa da construção das casas ainda não saiu do papel: “O governador, no período de dezembro, sobrevoou a região de Itabuna, mas não colocou o pé na lama! O governador foi para o programa de televisão para dizer que ia fazer 1.100 casas em Itabuna e, se fosse o joão-de-barro, já tinha feito a casa dele, mas o governador nem nessas casas apareceu! Cadê o seu Rui Costa que não veio aqui falar nada para esse povo? As pessoas estão morando de favor nas casas. As pessoas estão padecendo na cidade e muitos sem condição de pagar aluguel. As pessoas estão esquecendo de defender quem colocou a gente aqui. Cadê o governador que prometeu 1.100 casas em Itabuna? Por que não se fala mais nada? Será que a necessidade do povo passou?”.

Além disso, o vereador classificou como “oportunistas” as pessoas que utilizam a população para se promover, mas não gostam da cidade, assim como não investem nela: “Me mostre alguma empresa em Itabuna gerada pelo governo do estado nesses últimos 16 anos. Quantas indústrias trouxeram para cá? Covardes! Essas pessoas não gostam de Itabuna e são oportunistas! Essas pessoas são covardes para se beneficiar e fortalecer as bases eleitorais! (…) Respeito todos os vereadores dessa Casa, mas vamos nos preocupar com Itabuna! Eu respeito os vereadores, mas não bajuladores de governador, de candidato nem de ninguém”.

Por fim, Danilo lembrou que os anos passam e nenhum político dura para sempre: “Nós temos uma missão nessa cidade que é reerguer a desgraça que estava nessa cidade. Nós não somos capachos de políticos. Isso aqui é passageiro e a conta de todos nós vai chegar. Daqui a 2 anos, a conta chega e muita conta não fecha!”.

Leia em: 2 minutos

“A retomada e transformação em realidade do projeto de irrigação Baixios de Irecê, depois de anos de descaso, marca a diferença entre o governo Bolsonaro e as gestões do PT”, disse o pré-candidato a governador da Bahia, ex-ministro da Cidadania e deputado federal, João Roma, em entrevista à rádio Caraíbas, de Irecê, na tarde desta 5ª feira (27.abril). “Enquanto Bolsonaro trabalha e realiza, o PT vive de propaganda”, acrescentou.

Localizado no município de Itaguaçu da Bahia, o projeto de 1987, segundo Roma, vai começar a cumprir depois de décadas seu objetivo de ser um poderoso vetor de desenvolvimento para a região de Irecê, composta por 19 municípios e população de cerca de 500 mil habitantes. “Parece que os governos petistas consideram como adversários todos aqueles que querem produzir e, por isso, não contribuem com o setor produtivo. Esquecem que o agronegócio representa quase 30% da economia estadual”, comentou.

Para o pré-candidato bolsonarista, o descaso não foi diferente com a duplicação das BRs 101 e 116, que foram ampliadas nos estados vizinhos, mas o trecho da Bahia permaneceu inalterado na era petista. “O mesmo se repetiu na Fiol que só agora saiu da propaganda do PT para entrar de verdade nos trilhos, durante o governo Bolsonaro”.

João Roma garantiu que, no caso de eleito, vai promover avanços não só na infraestrutura da Bahia. “Vamos também melhorar os serviços públicos. Criar condições para que a saúde ofereça um atendimento digno e os baianos não fiquem sujeitos à roleta russa da regulação. Vamos investir na segurança pública e impedir o avanço da escalada da violência, bem como oferecer uma educação decente, à altura dos baianos, que não merecem o pior ensino do Brasil”.

Notícias mais lidas

Outros assuntos