//

Leia em: 2 minutos

Os administradores do Instagram da Santa Casa de Itabuna foram surpreendidos quando tentaram movimentar a conta na rede social. Eles descobriram que, no último dia 11, criminosos hackearam a conta e alteraram a senha da rede social da instituição de saúde do sul da Bahia. Por isso, alertamos aos nossos seguidores que fiquem atentos para qualquer movimentação suspeita no nosso Instagram.

Hoje, 2ª feira (18.abril), os golpistas postaram uma mensagem nos Stories solicitando dinheiro emprestado. Não faça nenhum tipo de transação financeira, pois trata-se de golpe. Por isso, reforçamos que a SCMI não realiza negociações financeiras por telefone ou redes sociais. Somente presencialmente.

O Departamento de Comunicação adianta que, neste momento, a Santa Casa de Itabuna não está fazendo nenhuma campanha externa e que todas as medidas necessárias para retomada do controle da conta no Instagram já foram adotadas. Espera-se que o mais breve possível a situação seja resolvida e os criminosos sejam identificados e punidos.

O Instagram da Santa Casa tem 23,6 mil seguidores e mais de 1.600 publicações de ações desenvolvidas diariamente, como vídeos de campanhas de saúde e cards. A rede social também é uma das ferramentas de contato muito utilizada pelos usuários dos serviços prestados pelos hospitais Calixto Midlej Filho, Manoel Novaes e Ana Mariani.

//

Leia em: 2 minutos

Na manhã desta 6ª feira (18.março), o vereador Israel Cardoso (Agir) reuniu-se com a gestores da Santa Casa de Itabuna. O parlamentar foi recebido pelo provedor Francisco Valdece, 1º secretário Sílvio Roberto e pelo diretor administrativo, Wagner Alves.

Israel Cardoso estava acompanhado do advogado Alah Góes (membro da Irmandade da SCM). Na oportunidade, o vereador declarou seu apoio aos serviços prestados pela instituição. “Conheci melhor o trabalho da Santa Casa, vi de perto o que está em andamento e fiquei muito satisfeito em perceber que as melhorias são visíveis. Não tenho dúvidas que a população de Itabuna só tem a ganhar com esse trabalho”, afirmou o vereador.

De acordo com o provedor, além de estreitar as relações institucionais, a visita mostra a transparência na gestão e aproxima o Poder Legislativo das mudanças que estão sendo concretizadas nos hospitais da Santa Casa, possibilitando que conheçam a fundo o trabalho da instituição, suas necessidades, seus custos, processos e suas metas e objetivos.

Francisco Valdece afirmou que o encontro com Israel Cardoso foi muito proveitoso. “Ele conheceu um pouco do trabalho que estamos desempenhando frente a administração da Santa Casa. O vereador também se prontificou em auxiliar em projetos que beneficiem a população. O apoio político se somará aos esforços que temos empenhado nos últimos anos” ressaltou o provedor.

//

Leia em: 3 minutos

Com os estoques em situação crítica e zerado para a tipagem O- (doador universal) e O+, o Banco de Sangue da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna (SCMI) não está conseguindo atender os hospitais e pacientes estão precisando desta tipagem. Mas a unidade está em estado de alerta devido ao baixo número de bolsas de sangue de diferentes tipos no estoque, a exemplo A-, B+, B- e AB-.

Os estoques vem sofrendo grandes quedas e não estão conseguindo se manter dentro dos limites seguros desde o início da pandemia. Além disso, a cidade enfrenta nesse período um surto gripal com aumento das doenças respiratórias que afastam os doadores. Outro agravante é que as cirurgias, os procedimentos hospitalares e as demandas transfusionais nos hospitais da cidade aumentaram nos últimos dias.

INCAPACIDADE DE ABASTECER OS HOSPITAIS
De acordo com o captador do Banco de Sangue, Rosildo Ribeiro, o baixo estoque de ameaça cancelar cirurgias eletivas nos hospitais da cidade. “Cada vez mais pessoas precisam de doações, o que vem preocupando profissionais da saúde. Estamos fazendo um apelo para as pessoas estarem vindo fazer doação de sangue. Com apenas uma bolsa é possível salvar quatro vidas”, ressalta.

Diante da situação, não há a necessidade de agendamento para doação de sangue. Basta comparecer à sede, localizada no anexo do Hospital Calixto Midlej Filho, na rua Antônio Muniz, no bairro Pontalzinho. A unidade funciona de segunda a sexta-feira das 7 às 17h e não fecha para o almoço. Aos sábados o atendimento é das 7 ao meio dia. O telefone é o 73-3214-9126.

QUEM PODE DOAR
✅ Pessoas entre 16 e 69 anos. Mas, atenção: se o candidato à doação de sangue tem entre 16 e 17 anos somente poderão doar se acompanhados dos responsáveis legais ou portando autorização formal. Maiores de 60 anos somente poderão doar caso já tenham realizado uma doação antes e apresente comprovante.
✅ Quem tem e está com boa saúde;
✅ Quem pesa acima de 50 kg;
✅ Quem dormiu bem na noite anterior à doação;
✅ Mulheres, mesmo se menstruadas ou em uso de anticoncepcionais.

QUEM NÃO PODE DOAR
➖Quem teve hepatite após os 11 anos de idade;
➖Quem tomou a Vacina contra a COVID-19 deve aguardar 7 dias para doação;
➖Quem teve COVID-19 deve aguardar 30 dias após a Alta da quarentena;
➖Quem tem exposição a situações de risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis;
➖Quem teve gripe, resfriado ou diarreia nos sete dias anteriores à doação;
➖Quem ingeriu bebida alcoólica nas últimas 12 horas anterior à doação;
➖Quem já usou alguma vez drogas injetáveis;
➖Quem apresenta ferimento ainda não cicatrizado;
➖Quem estiver grávida ou em período de amamentação. Após o parto normal é necessário aguardar três (3) meses e após cesárea, seis (6) meses;
➖Quem fez qualquer exame endoscópico nos últimos seis (6) meses;
➖Quem fez cirurgia por laparoscopia, artroscopia ou exames de: endoscopia, colonoscopia ou broncoscopia; nos últimos seis (6) meses;
➖Quem fez tatuagem, maquiagem definitiva ou piercing nos últimos 12 meses;
➖Quem fez tratamento dentário recente (a pessoa pode ser impedida de doar por um período de 1 a 30 dias, conforme o caso).

//

Famílias de Ipiaú e Itabuna estão envolvidas na dolorosa situação

Leia em: 2 minutos

Duas famílias enlutadas e vivendo a dor de não dar um enterro digno aos bebês que vieram a óbito no último sábado (15.janeiro) no Hospital Manoel Novaes, em Itabuna. Isso porque um erro dentro da unidade hospitalar fez com que a família de Itabuna enterrasse o bebê que, na verdade, pertencia à família de Ipiaú.

O casal natural de Ipiaú estava com o bebê internado no hospital há 45 dias. No sábado, receberam um telefonema informando que a criança, infelizmente, havia falecido, porém, chegando ao hospital, a mãe não reconheceu o corpo da criança que foi entregue a ela. Além disso, ele estava com uma etiqueta no braço em que outro nome estava escrito.

A partir daí, os dois se dirigiram ao Complexo Policial de Itabuna para registrar um boletim de ocorrência sobre o caso. Chegando lá, eles se depararam com outro casal que também alegava que havia recebido um bebê que não era deles, porém o sepultamento já havia ocorrido.

Agora, as duas famílias se uniram para solicitar que o corpo do bebê enterrado seja exumado. Além disso, o corpo da outra criança continua no necrotério da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna porque a certidão de óbito precisa ser corrigida para que, então, o enterro aconteça.

Em entrevista concedida à Record TV Cabrália, o provedor da Santa Casa, Francisco Valdece, reconheceu o erro e afirmou que uma investigação interna já foi iniciada para que o responsável ou os responsáveis pelo erro sejam identificados e penalizados. A instituição declarou, ainda, que está auxiliando as famílias durante todo o processo.

LEIA TAMBÉM ⤵️

Inscrições abertas para processo seletivo da creche e dos colégios da Polícia Militar da Bahia

//

Unidade funciona nas instalações do Diagnosul Laboratório // Foto de Lucas França

Leia em: 2 minutos

A partir desta 2ª feira (17.janeiro), a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna retomará os serviços de exames laboratoriais para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) do município. Os serviços eram executados anteriormente no Hospital Manoel Novaes. A nova unidade passa a funcionar em parceria com o Diagnosul Laboratório, localizado na Rua Mariá Ferreira, Nº 245, em horário comercial.

A unidade permitirá que os usuários do SUS tenham acesso aos exames relacionados na tabela SUS em contrato com a Santa Casa. O laboratório é dotado de máquinas de última geração, que possibilitam a interface de todos os processos, a partir da integração entre os equipamentos de automação laboratorial.

Além de ótima localização, o equipamento possui pisos com cobertura antiderrapante e rampas de acesso, importantes para a segurança de pacientes que transitam com cadeira de rodas ou até carrinhos de bebê. Importante lembrar que, com o avanço das síndromes gripais no município, a unidade realizou, na última semana, os serviços de sanitização e limpeza em todo o prédio.

Com investimento em equipamentos de alta tecnologia que melhoram consideravelmente a exatidão dos resultados, a Diagnosul possui sistema operacional informatizado que incorpora a emissão de código de barras para os tubos de amostras, visando identificação segura; assinatura e impressão automática dos resultados; resultados online; acesso a resultados online pelos médicos da instituição.

A ampliação da parceria significa mais uma unidade laboratorial da Santa Casa de Itabuna na cidade e amplia a oferta e acesso de todos para a realização dos exames. 

Quer saber de outras notícias? Siga-nos no Instagram @pauta.blog.br.

//

Leia em: 2 minutos

O provedor da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, Francisco Valdece, confirmou nesta 6ª feira (17.dezembro) que a reforma do São Lucas começa em janeiro e a primeira etapa do projeto será concluída até julho, quando a unidade hospitalar retornará as suas atividades. O anúncio foi feito após reunião com o deputado federal Paulo Magalhães, prefeito Augusto Castro e secretária de Saúde do município Lívia Mendes, que hoje visitaram a Provedoria e o prédio do São Lucas.

Durante o encontro, o deputado reafirmou que serão repassados R$ 2 milhões em emendas parlamentares de sua autoria. O montante será destinado para o início da primeira etapa da obra. A previsão é que, inicialmente, sejam investidos mais de R$ 12 milhões na reforma total do prédio e compra de equipamentos. “Esse é um hospital muito importante não só para Itabuna, mas para todo o sul da Bahia. É por isso que assumimos esse compromisso”, afirmou o deputado.

O prefeito Augusto Castro, por sua vez, disse que não faltará esforço do município para viabilizar a reabertura do Hospital São Lucas. “O nosso compromisso é fazer com que este hospital do SUS esteja funcionando com 100% de sua capacidade em dezembro do próximo ano. A reabertura dessa unidade representará um grande ganho para a saúde de Itabuna. É a Prefeitura, junto com a Santa Casa, com apoio do deputado Paulo Magalhães, buscando ofertar mais serviços de saúde para a população”.

RECURSOS LIBERADOS

Augusto Castro também anunciou a liberação de R$ 2,8 milhões que estavam retidos pelo município. O dinheiro é referente ao repasse feito pelo Ministério da Saúde para serviços contratualizados com os hospitais administrados pela Santa Casa de Itabuna. Esse montante será usado para complementar o pagamento do 13º salário dos empregados da instituição. O 13% está previsto para a próxima semana.

O São Lucas funcionará com equipamentos modernos com salas para atendimento de urgência e emergência. O provedor Francisco Valdece ressaltou que, além de mais serviços, a população de Itabuna será beneficiada com geração de empregos e renda. “Vamos gerar dezenas de postos de trabalho com carteira assinada, que vão impactar diretamente na economia local. São pessoas que terão renda mensal garantida para consumir no comércio local”.

Além de destacar o esforço do deputado Paulo Magalhães e do prefeito Augusto Castro, o provedor Francisco Valdece agradeceu o apoio dos antigos proprietários do São Lucas, dentre os quais os médicos Paulo de Tarso; Luciano Peixoto; Eduardo Fontes e Amilton Gomes, que entenderam a importância da reabertura da unidade hospitalar para atender os moradores de Itabuna e municípios pactuados.

//

Leia em: 2 minutos

Com oferta de vários serviços classificados como de referência na Bahia, a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna venceu a licitação para gestão, operacionalização, execução e prestação de serviços de saúde no Hospital Municipal Ana Mariani, no município de Barra, no Oeste do estado, e assumirá a gestão da unidade hospitalar a partir de 1º de janeiro, conforme previsto em edital. O Chamamento Público 004/2021 foi realizado na última 4ª feira (15.dezembro).

Equipado para atender e executar procedimentos de média complexidade, a unidade possui 40 leitos que são disponibilizados para atendimento de urgência e emergência, clínica médica, cirúrgica, obstetrícia e pediatria. “Estamos assumindo o compromisso de ofertar para a população dessa região atendimento humanizado, com assistência médica 24 horas nos sete dias da semana”, esclarece o provedor Francisco Valdece.

O Hospital Municipal Ana Mariani contará, inicialmente, com uma equipe composta de 15 médicos e 130 empregados que atuarão no acolhimento das pessoas que buscarem atendimento médico. “Os serviços ofertados nos hospitais Manoel Novaes e Calixto Midlej Filho, em Itabuna, no sul da Bahia, são a referência que levaremos para a região de Barra e, com isso, vamos estabelecer uma forte parceria com a população e com o município”.

O Hospital Municipal Ana Mariani terá Mônica Ferreira na gerência administrativa e o médico Valker Souza Silva Filho no cargo de diretor técnico.

//

Leia em: 2 minutos

Um projeto desenvolvido numa parceria entre o Banco de Leito Humano da Santa Casa de Itabuna e o 4º GBM (Grupamento de Bombeiros Militar da Bahia) tem ajudado a garantir o alimento diário de dezenas de bebês prematuros internados na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTI) do Hospital Manoel Novaes. A ação voluntária dos bombeiros garante que o leite disponibilizado em bairros de Itabuna seja coletado todas as segundas-feiras, por meio do Projeto Amigos do Peito.

Uma vez por semana os bombeiros deslocam-se para diferentes regiões de Itabuna para entrega das embalagens vazias e o recolhimento dos fracos de leite que são levados para o Banco de Leite Humano, no anexo no Hospital Manoel Novaes. Esse trabalho voluntário é responsável por cerca de 70% do leite que, semanalmente, chega à unidade para processamento e distribuição. “Sem esse apoio não teríamos leite humano para boa parte dos bebês internados na UTI Neonatal do HMN”, a afirma a enfermeira Bianca Baleeiro.

A responsável pelo Banco de Leite da SCMI explica que, sem ajuda do Grupamento do Corpo de Bombeiros de Itabuna, seria muito mais difícil colocar em prática as ações do projeto “Rota do Leite”. “Por isso, nós da Santa Casa de Itabuna agradecemos esse apoio. Sob o comando do tenente Manfredo Santana, os bombeiros têm prestado um relevante serviço não apenas para os moradores de Itabuna, mas de todo o sul da Bahia”, diz.

A enfermeira Bianca Baleeiro observa ainda que o leite doado é destinado a crianças prematuras, com baixo peso, que não podem ser alimentadas diretamente nos seios das mães. Cerca de 70% do leite humano captado é consumido por filhos de mulheres que moram em locais distantes de Itabuna e que precisam muito desse ato de solidariedade. Quem tiver interesse em doar, pode fazer contato pelo telefone (73) 3214-4346.

//

Os pacientes sem exigência de estar em jejum poderá fazer seus exames a qualquer horário do dia, das 7h às 17h, de segunda a sexta-feira

Leia em: < 1 minuto

Moradores do sul da Bahia não precisam mais perder tempo procurando uma vaga em estacionamento quando forem realizar exames em um laboratório de análises clínicas em Itabuna. O estacionamento seguro e gratuito não é a única vantagem para os clientes do novo laboratório da Santa Casa de Misericórdia, que funciona de segunda a sexta-feira no anexo do Hospital Calixto Midlej Filho, no bairro Pontalzinho.

Além do estacionamento, quem se dirigir ao local encontrará um ambiente confortável, agilidade no atendimento e contará com processos modernos. “A depender do tipo de exame e urgência do paciente, o resultado será entregue no mesmo dia. O atendimento será focado nas necessidades do cliente”, explica a responsável técnica pelo novo laboratório da SCMI, Ana Paula Mariano.

CONDIÇÕES DE PAGAMENTO
Para o funcionário da Santa Casa de Itabuna, além da opção de parcelamento em até três vezes, será concedido descontos. Quem gosta de comodidade e tem acesso à internet, pode imprimir os resultados dos exames sem sair de casa, no site www.scmi.com.br.

Para assegurar mais conforto aos clientes e funcionários da unidade, o espaço passou por uma reforma completa. “Além de obras de melhoria e aquisição de equipamentos, investimos em curso de capacitação para os nossos funcionários”, finaliza a responsável técnica Ana Paula Mariano. O agendamento de exame pode ser feito pelo telefone (73) 3214-9238.

Leia em: 2 minutos

A Santa Casa de Misericórdia de Itabuna recebeu uma visita do ex-secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas. O ex-secretário foi recepcionado por membros da Irmandade, pelo provedor Francisco Valdece e ex-provedor Eric Júnior, que destacaram sua atuação, nos últimos anos, para assegurar investimentos e melhorar a qualidade dos serviços de saúde no interior da Bahia.

Durante o encontro, Francisco Valdece agradeceu o apoio que a Santa Casa recebeu na gestão de Vilas Boas, principalmente para implantação de leitos exclusivos para pacientes infectados pelo novo coronavírus. “Essas vagas exclusivas e todo o suporte foram fundamentais para o bom funcionamento dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e clínicos nos hospitais Calixto Midlej Filho e Manoel Novaes”, destacou o provedor.

Por sua vez, o ex-provedor e atual coordenador médico da Unidade Covid Intensiva do Calixto Midlej Filho, Eric Júnior, lembrou que, durante o tempo em que esteve no cargo de secretário, Fábio Vilas-Boas trabalhou de forma intensiva para levar os serviços de saúde, principalmente de média e alta complexidade, para mais perto do morador do interior da Bahia, nos municípios mais distantes da capital.

O ex-secretário de Saúde da Bahia estava acompanhado dos vereadores Alex Alves de Melo (Alex da Oficina) e José Boaventura dos Santos (Kaiá da Saúde). Os dois parlamentares reconheceram a importância da instituição para o sul da Bahia, especialmente para os moradores de Itabuna.

Notícias mais lidas

Outros assuntos