//

Leia em: < 1 minuto

O Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães informa que estão temporariamente suspensas todas as visitas sociais aos pacientes internados na instituição.

A medida passou a valer desta 3ª feira (29.novembro), diante do aumento do número de casos de Covid-19 que vem sendo registrado em todo o Brasil nos últimos dias. O objetivo é conter a disseminação do coronavírus no ambiente hospitalar.

Estão liberados apenas acompanhantes para casos previstos em lei: pacientes internados nas UTIs, pacientes idosos, pacientes com deficiência física e comprometimento psíquico. Os acompanhantes devem apresentar cartão de vacina com no mínimo duas doses, conforme o Decreto nº 21.744, de 28 de novembro de 2022, do Governo do Estado da Bahia. O uso de máscaras de proteção dentro da unidade hospitalar permanece obrigatório.

//

As medidas contidas no decreto visam reduzir o avanço da Covid-19 no estado

Leia em: < 1 minuto

O uso de máscaras voltará a ser obrigatório em transportes públicos, tais como trens, metrô, ônibus, lanchas e ferry boat, e seus respectivos locais de acesso como estações de embarque; em salões de beleza e centros de estética; em bares, restaurantes, lanchonetes e demais estabelecimentos similares; em templos para atos religiosos litúrgicos; em escolas e universidades; em ambientes fechados, tais como teatros, cinemas, museus, parques de exposições e espaços congêneres. A medida vale partir desta 3ª feira (29.novembro) em toda a Bahia.

Continua a obrigatoriedade do uso de máscaras em hospitais e demais unidades de saúde, como clínicas, Unidades de Pronto Atendimentos e farmácias. Ainda como decisão, fica suspensa a visitação social aos hospitais e demais unidades de saúde.

Outra medida que volta a vigorar é a exigência de comprovação de vacinação, mediante apresentação do documento fornecido no momento da imunização ou do Certificado Covid, obtido através do aplicativo “CONECT SUS”, em eventos com venda de ingresso e nos demais com presença de público que contem com controle de acesso. A necessidade da demonstração de vacinação é válida também para o acesso a quaisquer prédios públicos, nos quais se situem órgãos, entidades e unidades administrativas.

Os atendimentos presenciais no Detran (Departamento Estadual de Trânsito) e no Sac (Serviço de Atendimento ao Cidadão) ficam condicionados à comprovação da vacinação e à obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção.

//

Sesab alerta sobre importância de completar esquema vacinal contra a doença

Leia em: < 1 minuto

O Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia) detectou a linhagem BQ.1 da Ômicron em amostras de SARS-CoV-2 de pessoas moradoras da Bahia em uma nova rodada de sequenciamento genético. Das 128 amostras coletadas em outubro e novembro, 32% são correspondentes à nova variante.

As identificações da linhagem BQ.1 foram em materiais provenientes dos municípios de Salvador, Candeias, Conceição do Coité, Dias D’Ávila, Euclides da Cunha, Ilhéus, Lauro de Freitas, Mairi, Porto Seguro, Ruy Barbosa, São Sebastião do Passé e Simões Filho.

A Sesab (Secretaria de Saúde do Estado da Bahia) alerta que esse é um cenário em que a população deve ter mais atenção e completar o esquema vacinal contra a doença. Até o momento, cerca de 7,8 milhões de baianos estão com a vacinação pendente e cerca de 1 milhão de pessoas sequer tomaram a primeira dose.

Medida passa a valer a partir da próxima sexta-feira, dia 25

Leia em: < 1 minuto

Após uma reunião realizada ontem (22.novembro), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu retomar a obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção facial contra a Covid-19 em aeroportos e aviões. A medida passa a valer a partir da próxima sexta-feira (25.novembro).

A decisão foi adotada apor causa do atual cenário epidemiológico da doença no país, que aponta crescimentos dos casos da doença e surgimento de uma nova cepa da variante Ômicron. Além disso, a proximidade das festas de final de ano e férias escolares também foram colocadas como condicionantes pelo diretor da Anvisa.

Segundo a Anvisa, a obrigação do uso de máscaras vai ser dispensada no caso de pessoas com transtorno do espectro autista, com deficiência intelectual, com deficiências sensoriais ou com quaisquer outras deficiências que as impeçam de fazer o uso adequado de máscara de proteção facial, assim como no caso de crianças com menos de três anos de idade.

Sesab está monitorando número de casos, mas situação é considerada estável

Leia em: < 1 minuto

Nesta 5ª feira (17.novembro), o governador do Estado, Rui Costa (PT), recomendou a utilização de máscaras de proteção facial contra a Covid-19 em locais fechados. A recomendação aconteceu por causa do aumento de casos da doença causados pelo surgimento de uma subvariante da Ômicron.

Apesar da recomendação, Rui descartou a possibilidade de voltar a ser obrigatório o uso do equipamento de proteção e disse, também, que a Sesab (Secretaria de Saúde do Estado) segue monitorando a situação. Além disso, o chefe do Executivo estadual comentou sobre a importância de completar o esquema vacinal e ficar protegido contra o coronavírus.

//

Surgimento de nova variante do coronavírus tem preocupado autoridades em Saúde

Leia em: < 1 minuto

Ontem (13.novembro), a secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde voltou a recomendar a utilização de máscaras faciais de proteção contra a Covid-19. A decisão foi tomada por causa do aumento de casos da doença, principalmente pela circulação da variante BQ.1.

A recomendação acontece, principalmente, para pessoas com fatores de risco para complicações da Covid-19, em especial imunossuprimidos, idosos, gestantes e pessoas com múltiplas comorbidades. Além disso, pessoas que tiveram contato com infectados e indivíduos em situações de maior risco de contaminação, como em locais fechados e mal ventilados, locais com aglomeração e serviços de saúde.

O Ministério da Saúde ressalta, ainda, a importância de completar o esquema vacinal com todas as doses de reforço necessárias e disponíveis para os públicos, lavagem das mãos com álcool 70% e água e sabão.

//

Leia em: 2 minutos

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou o calendário de vacinação nesta semana em Itabuna. Excepcionalmente, como as Unidades Básicas e de Saúde da Família encontram-se com estoque baixo da vacina contra Covid-19, com previsão de serem reabastecidas no dia 7 de novembro, por conta do feriado do Dia de Finados, na 4ª feira (2.novembro), não haverá expediente nas UBS e USF.

Para a vacinação contra o Covid-19 de adultos e idosos, no período matutino e vespertino, nas Unidades Básicas e de Saúde da Família, a vacinação da primeira, segunda, terceira ou quarta dose será aplicada em pessoas maiores de 18 anos, conforme a disponibilidade da unidade.

A vacinação de adultos e idosos acontece nesta semana de segunda à sexta das 8 as 11 e das 13 às 16h. As unidades funcionam até às 16h, mas as ampolas são abertas até às 15h a fim de evitar desperdício de doses.

A documentação necessária é o RG, CPF ou cartão do SUS e cartão de vacina com registro das doses anteriores.

CRIANÇAS E ADOLESCENTES
De segunda à sexta, crianças e adolescentes poderão ser vacinados contra o Covid-19 em todas Unidades Básicas de Saúde das 8 as 11 e das 13 às 16h. Vale lembrar que as ampolas de vacinas são abertas até às 15h para evitar desperdício de doses.

Crianças de 3 a 11 anos recebem a primeira ou segunda dose da Coronavac ou Pfizer Pediátrica. Já os adolescentes de 12 a 17 anos poderão ser imunizados com a primeira, segunda ou terceira dose da Coronavac ou Pfizer conforme seu esquema vacinal.

A documentação necessária é o RG, CPF ou cartão do SUS e cartão de vacina com registro das doses anteriores. As crianças devem estar acompanhadas dos seus responsáveis.

VACINAÇÃO DE ROTINA
De segunda à sexta – exceto no feriado de Finados -, das 8 as 11 e das 13 às 16h em todas Unidades Básicas e de Saúde da Família também são aplicadas as vacinas de rotina para todos os públicos (crianças, adolescentes, adultos e idosos).

A documentação necessária é o RG, CPF ou cartão do SUS e cartão de vacina com registro de outras vacinas.

//

Leia em: 2 minutos

A Secretaria Municipal de Saúde divulga o calendário de vacinação do período de 12 a 16 de Setembro, que contempla a população em diferentes faixas etárias.

COVID-19 ADULTOS E IDOSOS
A vacinação de adultos e idosos contra o covid-19 ocorrerá na terça-feira,13 e quinta-feira, 15, das 08h às 11h e das 13h às 16h. Vale destacar que as unidades funcionam até às 16h, mas as ampolas são abertas até às 15h em razão da necessidade de evitar desperdício de doses. A vacinação da primeira, segunda, terceira ou quarta dose contra o covid-19 serão aplicadas para pessoas maiores de 18 anos.

MULTIVACINAÇÃO INFANTIL
Prossegue em todo o Brasil a Campanha Nacional de Multivacinação Infantil concomitante à covid-19, Influenza e vacinação da Poliomielite. As imunizações acontecem esta semana na segunda-feira 12, na quarta-feira,14 e na sexta-feira, 16, nas Unidades Básicas de Saúde das 08h às 11h e das 13h às 16h.

MULTIVACINAÇÃO CRIANÇAS E ADOLESCENTES
Esta campanha visa imunizar crianças e adolescentes com todas as vacinas do calendário de imunização nacional para crianças a partir do nascimento a adolescentes menores de 15 anos (14 anos, 11 meses e 29 dias). Estão sendo ofertadas todas as vacinas para este público, o qual era imunizado com as vacinas que faltam para completar seu esquema vacinal da caderneta de vacina após avaliação do enfermeiro(a) da unidade.

POLIOMIELITE
Também na segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira, ocorre a vacinação da Poliomielite. O público alvo são crianças maiores de 1 ano e menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias).

COVID-19 CRIANÇAS
Prossegue a vacinação contra o covid-19 de primeira ou segunda dose para crianças de 03 a 11 anos. Nesta semana, ocorre na segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira, acompanhando o cronograma da multivacinação nas Unidades Básicas de Saúde das 08h às 11h e das 13h às 16h.

MENINGITE C
Também prossegue vacinação contra a meningite C , na segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira para crianças de 1 ano de idade a 19 anos, 11 meses e 29 dias que não foram vacinadas contra meningo C.

A documentação necessária para vacinação da criança e adolescente é o RG ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão do SUS e cartão de vacina da criança/adolescente, que deverá estar acompanhado do seu responsável.

//

Doença não é registrada no município há 14 anos, mas vacinação é imprescindível para evitar novos casos

Leia em: 2 minutos

Até o momento, a Diretoria de Controle de Zoonoses de Itabuna já vacinou 11 mil animais domésticos nas zonas urbana e rural contra a raiva. Hoje (23.agosto), foi a vez dos moradores dos Bairros Conceição, Vila Anália, Jardim Primavera e Antique levarem os animais de estimação para receber o imunizante.

Ontem (22.agosto), a população dos Bairros Pedro Jerônimo, Daniel Gomes, São Pedro e Urbis IV recebeu a visita do grupo de vacinadores. A expectativa é que, até o fim da campanha, cerca de 21 mil animais tenham sido protegidos contra a doença que pode levá-los à morte.

O alerta para a população é que tenham o cuidado de levar os pets para vacinar e, em caso de ataque de cão ou gato com a doença, procurar uma unidade saúde para receber os cuidados necessários. Há 14 anos, o município de Itabuna não registra casos de raiva, mas é imprescindível a adesão à campanha de vacinação.

A campanha de vacinação segue até o dia 17 de setembro e, no dia 10 de setembro, está prevista a realização do Dia D de Vacinação Antirrábica na Praça Olinto Leone, centro da cidade.

//

O CCZ funciona como ponto fixo de vacinação, de segunda a sexta, das 8h às 12h

Leia em: < 1 minuto

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou o cronograma semanal de vacinação antirrábica em Ilhéus. A campanha itinerante para cães e gatos a partir de três meses de idade acontece de forma volante, em pontos localizados nas zonas urbana e rural da cidade.

A Sesau explica que o Centro de Controle de Zoonoses funciona como ponto fixo de vacinação, de segunda a 6ª feira, das 8h às 12h. Período: 22 a 26 de agosto.

A vacinação é gratuita e essencial, sendo a única forma de prevenir a enfermidade e manter os pets saudáveis. O dono do animal deve ser maior de 18 anos. É importante apresentar o cartão de vacinação do animal, caso possua.

VACINAÇÃO ANTIRRÁBICA PARA CÃES E GATOS
✅ 2ª feira (22.agosto)
Zona Rural
Vila São João (Casa da agente comunitária de saúde Damiana), das 9h às 12h;
Vila Vidal (Bar de Vanuza), das 13h às 15h;

Zona Urbana
Sapetinga (praça), das 9h às 15h;
Serviço volante: Proa, São Francisco e Barreira, das 9h às 15h;

✅ 3ª feira (23.agosto)
Zona Rural
Sambaituba (na Quadra Poliesportiva), das 9h às 12h;
Aritaguá (praça), das 13h às 15h;

Zona Urbana
Nelson Costa (posto de saúde), das 9h às 15h;
Pontal (Praça São João Batista), das 9h às 15h;

✅ 4ª feira (24.agosto)
Zona Rural
Joia do Atlântico (Bar de Sinhô), das 9h às 15h;

Zona Urbana
Residencial Vilela (salão de festas), das 9h às 15h;

✅ 5ª feira (25.agosto)
Banco da Vitória, das 9h às 15h;
Saúde na Comunidade (na localidade atendida pelo programa no dia), das 8h às 12h;
Nossa Senhora da Vitória (praça), das 9h às 15h;

✅ 6ª feira (26.agosto)
Salobrinho (Praça São Pedro), das 9h às 15h;
Sol e Mar (Quiosque da Quadra C), das 9h às 15h

Notícias mais lidas

Outros assuntos