Advogado e ex-secretário de Gestão de Itabuna, Zé já conseguiu apoios importantes em cidades da região; em Itabuna, vai fazer dobradinha com Paulo Magalhães (centro), que também é o pré-candidato do prefeito Augusto Castro

Leia em: 2 minutos

O mapa do tesouro eleitoral de Zé Alberto (PSB) com destino à Alba (Assembleia Legislativa da Bahia) vem ganhando corpo. Alberto é estreante na política, além de advogado por formação e ex-secretário de Gestão da prefeitura de Itabuna durante o governo Augusto Castro (PSD).

Doutor Alberto, como também é conhecido, vai ter algumas bandeiras fortes, a exemplo do bom relacionamento com o funcionalismo público, o envolvimento direto com a comunidade da Igreja Católica, a intimidade com o futebol e a atuação no meio jurídico. Ele vem demonstrando ter muito interesse em se relacionar com representantes de diversas áreas, além de ser bastante simpático nos eventos em que marca presença.

Politicamente, apesar de estar no primeiro desafio, vem correndo bem em diversos municípios, firmando parcerias e obtendo apoios importantes. Algumas cidades em que Zé Alberto já conta com o apoio de boas lideranças (prefeitos, ex-prefeitos, vereadores, ex-vereadores e vice-prefeitos) são Una, Camamu, Teolândia, Wenceslau Guimarães, Itororó, Ibicuí, Iguaí, Nova Canaã, Poções, Maiquinique, Itarantim, Cândido Sales, Jucuruçu, Itamaraju, Buerarema, Itapebi, Ipirá, Maraú, Salvador, Itapé, Barro Preto e Itaju do Colônia.

Uma fonte influente ligada ao Centro Administrativo Firmino Alves revelou ao Pauta Blog que o prefeito Augusto Castro vai entrar de corpo e alma na eleição a partir do mês de julho. Enquanto isso, ele vai usando a experiência como ex-deputado (por dois mandatos) para selar novos acordos e tentar lançar o nome de Zé Alberto como um dos mais fortes na região Sul do estado.

Pré-candidato a deputado, Zé Alberto participa de PGP Litoral Sul ao lado do prefeito Augusto Castro, pré-candidato a governador, Jerônimo Rodrigues, e pré-candidato a vice-governador, Geraldo Júnior.

Gestor está em busca de recursos para viabilizar reforma e reabertura do Hospital São Lucas

Leia em: < 1 minuto

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), utilizou as redes sociais para informar que está em Brasília ao lado do deputado federal e pré-candidato à reeleição, Paulo Magalhães (PSD).

De acordo com o gestor, o objetivo da viagem é conseguir recursos para reformar e reabrir o Hospital São Lucas em um projeto 100% pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Vice-prefeito Enderson Guinho, prefeito de Itabuna, Augusto Castro e o deputado federal Paulo Magalhães

Leia em: < 1 minuto

Após rumores de que o prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), teria outra carta na manga e anunciaria, em breve, um novo nome para apoiar na pré-candidatura a deputado federal, o Pauta Blog checou a informação diretamente com o gestor do município.

Prontamente, Augusto negou a especulação: “Conversa fiada! Não existe isso, não! Aqui é Paulo e Guinho! Não tem conversa de mais ninguém, não!”.

Ou seja, compromisso selado, martelo batido e ponta virada para Augusto Castro. O prefeito disse que vai pedir votos para o vice-prefeito Enderson Guinho (União Brasil) e o deputado federal Paulo Magalhães (PSD).

//

O veículo foi adquirido com recursos liberados por emenda do deputado federal Paulo Magalhães

Leia em: < 1 minuto

Durante agenda em Salvador na 2ª feira (7), o prefeito Mário Alexandre (PSD) recebeu das mãos do governador Rui Costa (PT) as chaves de uma ambulância, adquirida com recursos liberados por emenda do deputado federal Paulo Magalhães. O veículo é mais uma importante conquista para a saúde e amplia a frota municipal, com foco na assistência emergencial aos usuários do SUS em Ilhéus.

“Uma entrega importante que reforça o compromisso com a qualidade dos serviços oferecidos à população. Agradeço ao deputado Paulo Magalhães, que mais uma vez atende ao nosso pleito e contribui de forma valorosa para que possamos avançar em áreas importantes como saúde e infraestrutura”, afirmou Mário Alexandre.

O parlamentar declarou que o seu mandato está à disposição do povo e destacou a parceria com o Executivo para direcionar mais recursos à cidade. A entrega aconteceu no Parque de Exposições da capital baiana e contou com as presenças do deputado Paulo Magalhães, da secretária da Saúde do Estado da Bahia, Adélia Pinheiro, e diversas autoridades políticas.

Vice-prefeito Enderson Guinho, prefeito de Itabuna Augusto Castro e o deputado federal Paulo Magalhães

Leia em: 2 minutos

De um lado, o vice-prefeito de Itabuna, Enderson Guinho, do Democratas. Na outra extremidade, o deputado federal Paulo Magalhães, do PSD. E ao centro, o prefeito de Itabuna, Augusto Castro, que também é do Partido Social Democrático.

Um encontro incomum e, por que não dizer, fora da agenda? Sem saudosismos, receios ou peso na consciência, mas “aí tem coisa!”.

Para bons entendedores, há algumas leituras do prefeito Augusto Castro:

1️⃣ Tentando passar uma imagem de “paz” no solo grapiúna.

2️⃣ Minar a relação do vice com o pré-candidato ao governo da Bahia, ACM Neto.

3️⃣ Furar o eleitorado itabunense de Guinho onde ele pode se sobressair apoiando Neto em outubro.

4️⃣ Emitir um recado para a Capital: “estou acalmando o coração do vice”. Afinal, toda ‘fonte política’ tem que passar ou vir de Salvador e o xis da questão pode ser uma “investida” maior.

5️⃣ Sim, ôquei, e o porquê (do encontro): Um sinal de “investida” da capital no vice? Porém, o coreto das eleições de 2022 não vai ser mexido. Este é o som emitido por alguém que tem acesso a Salvador.

Um bedelho crítico: com certeza, essa união, até então, não vai ser mantida nos palanques para eleição rumo ao Palácio de Ondina. Isso porque Guinho estará com o democrata ACM Neto e Augusto Castro com o petista Jaques Wagner. Dá-se como liquidada a fatura!

Sem mi-mi-mi: o prefeito Augusto Castro tem a obrigação de ganhar com Jaques Wagner ou, se Guinho vencer com Neto em Itabuna, o líder municipal vai ser enfraquecido?

2022 tem garantido água no moinho e parece duelar pela atenção da plateia (eleitores).

Sigamos de olho e peregrinando nos pitacos!

Augusto Castro quer dividir os votos de Guinho? Ou Guinho parece ser ingênuo?

//

Prefeito Augusto Castro, deputado Paulo Magalhães, governador Rui Costa, e o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre // Foto de Lucas Matos

Leia em: 2 minutos

O prefeito de Itabuna se disse otimista e esperançoso quanto às obras de construção da BA-649, na margem direita do Rio Cachoeira, como parte da duplicação da rodovia Ilhéus – Itabuna. O prefeito Augusto Castro (PSD) participou da recepção na manhã de hoje (16.novembro), em Ilhéus, ao governador Rui Costa (PT), quando lhe foi confirmado o início da construção dos 18 quilômetros, dia 26, a requalificação da BA-001 até Valença e abertura de licitação do trecho dessa rodovia estadual até Canavieiras.

“Quero agradecer a presença do governador mais uma vez na região. Ele retorna dia 26 para anunciar mais um investimento no sul da Bahia, que é a BA-649. Serão quase 20 quilômetros de extensão, ligando Itabuna a Ilhéus. Vai gerar desenvolvimento, favorecer a economia e o turismo”, afirmou Castro.

Além disso, segundo o prefeito, o governador deve anunciar outra obra que lhe foi apresentada, que é o eixo urbano de Itabuna, saindo do Posto Cachoeira até o Cidadelle. “Estamos com o projeto pronto na Prefeitura e discutindo com o secretário estadual Marcus Cavalcanti. É uma obra de extensão que vai abrir a cidade no eixo urbano. É investimento necessário para o desenvolvimento de Itabuna, Ilhéus e de toda a região”, comentou.

Augusto disse ainda que vai apresentar ao governador projetos de requalificação do Centro Comercial de Itabuna, principal centro distribuidor de hortigranjeiros e gêneros alimentícios. “São investimentos essenciais para a cidade se desenvolver”, observou. O prefeito disse ainda que pediu ao Governo do Estado investimentos para implantar 12 quilômetros de pavimentação asfáltica na área urbana, onde já estão sendo iniciadas obras de recuperação da malha com operação tapa-buracos tão logo cessem as chuvas.

Também falou da reestruturação do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, com recursos próprios do município e de emendas do deputado federal Paulo Magalhães (PSD-BA) no valor de R$ 7 milhões “Os investimentos serão em praças, ruas e avenidas pensando no crescimento de Itabuna”, concluiu.

Prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre; o vice-prefeito Bebeto Galvão; deputado federal Paulo Magalhães; presidente da Câmara de Ilhéus, Jerbson Moraes; e a primeira-dama Soane Galvão

Leia em: < 1 minuto

A política ilheense está unida no objetivo de fazer a primeira-dama Soane Galvão ocupar uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia.

Toda afinação está liderada pelo prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre (Marão), e do deputado federal Paulo Magalhães, ambos do PSD.

O Pauta.Blog manteve contato com o presidente da Câmara de Ilhéus, o advogado Jerbson Moraes (PSD), e ele garantiu: “seguimos firmes na construção da Ilhéus que sonhamos. E estamos unidos em prol da pré-candidatura da primeira-dama Soane Galvão”.

E continuo afirmando: “a política só faz sentido para o cidadão quando ela tem a capacidade de servir ao coletivo. E esta condição torna-se ainda mais viável quando um grupo é coeso, forte e preparado”, disse o vereador.

Nesta corrida rumo a apoiar Soane em 2022, também está o vice-prefeito de Ilhéus, Bebeto Galvão (PSB). E Jerbson finalizou dizendo: “juntos e com determinação iremos transformar Ilhéus. Tudo isso é o que nos une”.

O arranjo político em Ilhéus parece estar totalmente definido: Paulo Magalhães para federal e Soane Galvão para estadual.

A tática de Marão segue a todo vapor para eleger a esposa, já que a mãe, a ex-deputada Ângela Sousa, não sairá candidata.

Leia em: 7 minutos

Azevedo ainda sonha em voltar a governar Itabuna 👀

Apesar de ter uma avaliação (ainda) invejável nos bairros mais carentes, o Capitão Azevedo (PL, pelo menos por enquanto), anda com o sinal de alerta ligado como qualquer militar. Ou seja: observando todos os detalhes para não cometer qualquer barbeiragem. Coisa que seria fatal para 2024, caso erre em 2022, já que cogita-se uma possível candidatura a prefeito (perdeu três vezes seguidas e tentaria novamente) em 2024.

Azevedo está longe de uma cadeira e/ou da caneta há mais de 10 anos, quando perdeu a reeleição para Vane do Renascer, em 2012, por 1.107 votos.

O sonho é alimentado na correte Azevediana porque ele foi o prefeito eleito com maior votação em Itabuna, com 52.187 votos.

Veja o desempenho de Azevedo em sua carreira política:
2008: 52.187 votos (prefeito eleito);
2012: 44.516 votos (prefeito não eleito);
2014: 14.731 votos (dentro de Itabuna para deputado estadual);
2016: 17.257 votos (prefeito não eleito);
2020: 17.817 votos (prefeito não eleito).

Isso é o que fomenta o sonho dos Azevedianos: manteve os 17 mil votos de 2016 para 2020.

Por tanto, vamos aguardar esta derradeira 👀 movimentação do Capitão.

Não perca! Confira a previsão política do ex-prefeito de Itabuna em uma entrevista exclusiva aqui no Pauta.Blog.

🤸‍♂️ Augusto Castro vira capoeirista por um dia

Na reinauguração de uma Padaria, no Sítio 1 da Fundação Marimbeta, o prefeito Augusto Castro (PSD) tentou alguns passos na capoeira, mas só ficou no 🤸‍♂️ gingado mesmo.

Tudo é válido para tentar manter a popularidade e chegar bem nas eleições do ano que vem, já que tem a missão de: 1️⃣ dar uma votação expressiva ao atual deputado federal Paulo Magalhães (PSD) e 2️⃣ eleger a primeira-dama para uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia.

Na opção 1, a ordem de “dar uma votação expressiva” veio de Salvador.

Até o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, durante a inauguração do Centro de Diagnóstico por Imagem do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, disse: “Precisamos reeleger Paulo Magalhães”.

Conferiremos se a estratégia de Augusto vai tirar Magalhães da votação em Itabuna de 458 votos em 2018, quando foi apoiado pelo ex-prefeito.

A constatação do ’empenho’ está grande e nítida, claro.

A averiguar!

🏝️ Em Ilhéus, Valderico próximo de sair a federal

O empresário Valderico Reis (DEM), ex-candidato a prefeito de Ilhéus, está finalizando a ‘costura’ para se candidatar a deputado federal.

Segundo um entendido da política de ilheense, Valderico não descarta a possibilidade de concorrer a uma vaga à Câmara dos Deputados. E ainda disse: “tem alguns pontos ainda para que isso possa ocorrer”.

O martelo, provavelmente, será batido com a vinda de ACM Neto na região nos próximos meses. Dizem que não passa de setembro.

Eures no 🅿️🅿️

Eures Ribeiro, ex-presidente da UPB, que também já foi deputado estadual, vereador e prefeito por dois mandatos em Bom Jesus da Lapa, acabou deixando o PSD do então senador Otto Alencar. Após esperar por 7 meses um cargo no Governo do Estado e se cansar, dizem que Eures vocaliza como novo destino o PP, do vice-governador João Leão, do Bonitão.

❌ A Feira da FakeNews

Paulão do Caldeirão (PSC), vereador de Feira de Santana, foi à tribuna e soltou o verbo com relação às notícias falsas relacionadas à Câmara e associações contrárias à gestão do prefeito Colbert Martins, que são produzidas e divulgadas por uma empresa supostamente contratada pela Prefeitura.

“A imprensa de Feira sabe que o Governo do Município, o prefeito e a sua assessoria de comunicação contrataram uma empresa de fake news? Quando saem aquelas matérias tentando denegrir a imagem da Câmara, da APLB, é uma equipe do próprio governo de Colbert Martins. É lamentável”, disparou o parlamentar.

A tal da ❌ FakeNews é “barril”. Uma vez solta, dificilmente será contida.

🎲 O presidente que não quer ser presidente. Está mais para um blefe… 

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou em entrevista à Rádio Cidade Luís Eduardo Magalhães, na Bahia, que não sabe se vai disputar as eleições de 2022. Olha que ‘migué’…

“Quanto à política: eu não quero entrar em muitos detalhes agora, porque a preocupação é realmente administrar o Brasil. É natural, obviamente, eu tenho que ter um partido político. Eu não sei se vou disputar as eleições do ano que vem, devo disputar, eu não posso garantir”.

O presidente não quer ser presidente novamente? “Conversa pra boi dormir”.

O blefe vem sendo repetido por Bolsonaro para afastar acusações de campanha eleitoral antecipada.

📚 Nova sede da reitoria da UFSB

Dentre os convidados presentes na inauguração da nova sede da Reitoria da UFSB (Universidade Federal do Sul da Bahia), no centro de Itabuna, estavam: prefeitos, deputados federais, secretários estaduais e municipais, primeira-dama, reitor. Até aqui ok.

Mas um fato curioso é que o ex-prefeito de Itabuna, Geraldo Simões (PT), soltou um vídeo comemorando dizendo: “A inauguração da Reitoria da UFSB é a materialização de nossa luta em tantas frentes”. Ok.

Com tamanho desvelo, por quê não foi à inauguração❓

😴 À espera de uma oposição

Um interlocutor, ex-vereador de Itabuna, disse que estaria doido para estar na atual Câmara de Itabuna, para ser o único a fazer oposição. Cutucou: “sem dúvidas, eu seria oposição…”

Quem conhece das bugigangas de fazer oposição, sabe que estaria reeleito para vereador em Itabuna. Leia estaria como possível.

Por enquanto, todos os vereadores comungam com a atual gestão. Amém aqui. Amém ali. Aliás, tudo é amém!

✍️ O Ciso está de volta…

Júnior Brandão (Rede), secretário de Governo de Itabuna, está com prestígio na gestão municipal. O Colégio Ciso está de volta, pelo menos com algumas atividades ou os olhos voltados para aquela instituição de ensino. Com a programação da Semana Esportiva, o Ciso foi incluído nas atividades como: natação, hidroginástica e jogos de basquete com cadeirantes.

Fica a pergunta e o sonho de todos os moradores do bairro de Fátima: será que as aulas também irão retornar no Colégio Ciso, um dos mais tradicionais do interior da Bahia?

Vamos jogar a moeda e torcer.

🤔 Quase secretário…

O superintendente de Serviços Públicos, Sousa Lino, foi homenageado na última quarta com o Título de Cidadão Itabunense. Tudo bem.

Mas, às vezes, fico notando que o Sousa joga tão bem que supera o secretário de Infraestrutura de Itabuna. Ou, em outras palavras: não é oficial, porém tem traquejo de secretário.

Que fique claro: não o conheço e nem sou amigo, e muito menos, o secretário.

Apenas uma avaliação de quem está de fora.

🦁 O leão que ruge cada dia mais alto 

João Leão (PP), vice-governador da Bahia, em entrevista na quinta-feira à Rádio Salvador FM, confirmou mais uma vez que será candidato ao governo da Bahia em 2022.

“Você tem três bons administradores, Jaques Wagner, ACM Neto, que não tem a experiência do Estado. Eu tive o prazer e a honra de ter criado a Fiol, a Ponte Salvador-Itaparica. Eu tenho uma experiência boa na administração pública […]. Sou candidatíssimo e vou ganhar a eleição no primeiro turno”, esperneou.

A cada rugido, as antenas dos petistas tremem. Desta vez, está com cara de que o senador Jaques Wagner (PT) não vai ganhar no gogó, não.

E agora, Galego?

🗣️ FeedBack

Um leitor da Coluna Balão enviou-nos a seguinte mensagem:

“Vi uma publicação no site em que falava que alguns edis estariam com ciúmes de Ronaldão, pela reforma da praça do Fátima e outra coisa. Realmente, ter ciúmes de um vereador que NÃO FAZ QUASE NADA NA CIDADE chega a ser engraçado, pois temos 3 em plena atividade, que são Sivaldo, Pancadinha e Israel Cardoso. Todos esses sempre divulgando as intervenções na cidade em suas redes sociais, muito mais que outros vereadores. Vá na página e Ronaldão e veja a última publicação que tem tempo kkkkkkk”

Pegou ar e escamou.

👂 Vereador grita, mas pede menos…

Eunápolis: líder do governo da prefeita Cordélia Torres (DEM) chegou a entregar o cargo na quinta-feira 29.

Por que será?

O vereador Adriano Cardoso (Solidariedade) entregou o chapéu por insatisfação, já que a prefeita não vinha atendendo aos pedidos encaminhados por ele.

Porém, entretanto, todavia, na sexta-feira 30, o vereador voltou atrás porque 17 familiares que ocupavam funções na prefeitura foram demitidos.

Por pressão, o vereador pediu menos.

Agora anda 🎹 pianinho!

Samu 1️⃣9️⃣2️⃣ 

Base do Samu-192 de Itabuna funcionará em um novo endereço: Avenida Juca Leão, nº 412, em frente ao Escritório Local da Ceplac.

POLÍTICA EM UMA FRASE:

✔️ Justiça julga improcedente pedido de cassação da prefeita de Nazaré, Eunice Barreto (DEM), do DEM.

⚫ Faleceu aos 68 anos o ex-prefeito de Maiquinique, José Francisco, mais conhecido como Zé Topete.

LEIA TAMBÉM A ENTREVISTA DO CAPITÃO AZEVEDO, EX-PREFEITO DE ITABUNA 👇

📌 Entrevista: “Estou pronto para transformar nossa cidade rumo ao progresso”, disse o Capitão Azevedo

Envie a sua sugestão de pauta: [email protected]

Enderson Guinho tem mostrado bastante desenvoltura e experiência política

Leia em: 8 minutos

O vice-prefeito e Secretário Municipal de Esportes e de Lazer, Enderson Guinho (DEM), fala nessa entrevista bombástica sobre a sua caminhada política junto ao prefeito Augusto Castro, avalia a sua gestão, além de falar sobre a sua pré-candidatura a deputado federal, inclusive com uma possível dobradinha com a primeira-dama e Secretária Municipal de Combate à Pobreza, Andrea Castro. “Hoje, Andréa Castro é um nome que está sendo conversado”.

Também comenta sobre a sua filiação ao DEM e o compromisso de articular em Itabuna a candidatura de ACM Neto junto ao Governo da Bahia, bem como sobre sua relação política com a presidente do Cidadania, Mariana Alcântara. Confira os principais trechos.

Pauta.Blog // Enderson Bruno dos Santos. De onde vem o nome Guinho?
Guinho // Meu irmão se chama Gleidston e o apelido Gueu. Quando nasci meu pai Emerson escolheu Enderson, mas uma tia, para combinar com o meu irmão me chamou de Guinho e pegou. Com o passar do tempo ficou Guinho e pouco uso Enderson, é tanto que quando fui candidato a vereador usei “Enderson Guinho”.

Pauta.Blog // De onde vem o DNA de sua ascensão na política?
Guinho // Desde adolescente que trabalho com juventude na Igreja Católica, fui coordenador do grupo de adolescentes, depois grupo de jovens da Diocese de Itabuna que tem outras 18 cidades, e nessa luta quando via muitos jovens envolvidos no mundo das drogas sempre existia um desejo de discutir política pública para juventude, dando opções de emprego e lazer para a juventude. Nós sabemos que não se combate a criminalidade aumentando o número de viaturas e policiais, mas também com oportunidades. Quando você tem o esporte funcionando, educação, cultura e lazer dentro das comunidades, é dada a oportunidade para os jovens estarem distante da marginalidade.

No Brasil tem existido uma ascensão de novos nomes em busca de uma política mais transparente, mais limpa, e desde o início do meu mandato como vereador estive muito próximo das pessoas e elas perceberam que dentro de Itabuna existia um político jovem que era acessível para construir essa política. Com apenas dois anos de mandato coloquei meu nome como deputado estadual, as pessoas achavam ser loucura, mas eu estava analisando como era a política de Itabuna. E o resultado é que dentro da política que fiz enquanto vereador, a população teve um olhar diferente para o meu mandato, que me consagrou o terceiro candidato a deputado estadual mais votado em Itabuna, e dois anos depois sendo o vice-prefeito da cidade em uma chapa vitoriosa.

Pauta.Blog // Dos cargos já ocupados de vereador, vice-prefeito e secretário, qual foi ou tem sido o mais desafiador?
Guinho // Eu acredito que o de vereador porque é preciso atuar com 20 vereadores e se destacar entre todos é muito difícil. O resultado do seu trabalho é o voto, então se sobressair dentro de um colegiado, é preciso realmente atender as expectativas da população. Ser vereador é um desafio gigantesco. Para ser eleito você concorre com a cidade toda, é muito difícil chegar ao Parlamento Municipal, e ao chegar lá é preciso mostrar a população qual é a função do vereador, depois executar essa função com maestria e isso não é fácil!

Ser vice-prefeito também não é fácil, apesar das demandas do Poder Executivo recair sobre o prefeito, mas é muita coisa também com o vice-prefeito, principalmente pelo fato da nossa campanha ter sido muito casada e assim tem sido no mandato. Enquanto Secretário de Esportes também não tem sido fácil, porque pegamos um esporte falido e precisamos mudar essa situação.

Pauta.Blog // Como você avalia a cidade após Augusto e Guinho assumirem a Prefeitura de Itabuna?
Guinho // O que está sendo diferente na nossa gestão é que ela está sendo extremamente participativa. A comunidade está tendo a oportunidade de dialogar com o prefeito e as coisas serem construídas com a participação popular e de representações. Eu recebo em meu gabinete inúmeras pessoas dos bairros e de representações, e nós temos tentado atender as demandas do povo e isso cria uma aprovação popular.

O dia a dia também mostra essa aprovação com o atendimento de cobranças das gestões anteriores, como a retomada do atendimento portas abertas SUS no Hospital Manoel Novaes, a reabertura do Cemepi que ocorrerá no próximo mês, hospital de campanha que era o desejo da população, ações mais efetivas no combate à Covid-19, operação oxigênio funcionando diariamente, obras estruturantes como a da avenida Manoel Chaves, atração de empregos, temos o Atakarejo que será instalado a cidade, entre outras ações.

Pauta.Blog // Qual a nota você daria, hoje, para a sua relação com o prefeito Augusto Castro?
Guinho // Eu tenho uma relação muito boa. E me ouso a dar um dez. Eu e o prefeito dialogamos sempre, não existe nenhum tipo de problema, e isso tem sido importante para a cidade. Ele tem dado condições para que eu possa contribuir com a gestão. Tenho tido condições de trabalhar dentro da minha pasta e também em outras pastas, o que não acontecia em gestões anteriores e agora com Augusto tem sido desta forma. Sou grato a ele porque tenho conseguido mostrar também meu trabalho dentro do Executivo.

Pauta.Blog // Fala-se que o prefeito Augusto Castro irá fazer alguns ajustes na equipe de secretários. Você se sente seguro?
Guinho // Tenho conversado muito com o prefeito e tenho dito que as secretarias são de responsabilidade dele, a livre nomeação ou exoneração, então se eu tiver que ser substituído enquanto secretários nós vamos dialogar, assim como eu já disse que nós temos dialogado muito. O meu trabalho tem sido feito e o prefeito como gestor tem avaliado. Eu estou tranquilo em relação a isso. As secretarias são de responsabilidade dele e ele fará o que for melhor para a gestão.

Pauta.Blog // Procede a informação de que sua relação está em pane com Mariana Alcântara atual presidente do Cidadania, partido o qual você foi eleito como vice-prefeito?
Guinho // Da minha parte está tudo tranquilo. Conversei com ela desde quando decidir mudar em razão inicial da minha candidatura para deputado estadual e depois deputado federal, porque o partido tem perspectiva de eleger um deputado e o presidente [Joceval Rodrigues] tem essa candidatura [a federal] já declarada. Então optei por estar em um partido que tivesse maiores condições de ser eleito. A troca de partido foi necessária [recebeu um convite de ACM Neto]. Itabuna é carente de representação na Câmara dos Deputados e na Assembleia Legislativa, e a minha disponibilidade em colocar meu nome é legítima, é democrática, mas é claro que a população que vai analisar.

Pauta.Blog // Joceval Rodrigues disse que você esteve em Salvador para conversar quando estava saindo do PDT para ir para o Cidadania, mas o mesmo não ocorreu quando você optou por deixar o partido. O que o levou a não procurá-lo mais?
Guinho // Como a tratativa foi feita por aqui, aqui mesmo eu conversei com Mariana, e também em razão da situação de pandemia optei por resolver tudo por aqui, além disso, ACM Neto pediu celeridade na minha decisão porque havia outras pessoas também com interesse no partido, mas por eu já ter sinalizado interesse Neto optou por essa disponibilidade de me entregar o partido…

Pauta.Blog // …então Guinho que comanda o DEM em Itabuna?
Guinho // Com esse convite de ACM Neto eu me senti muito lisonjeado porque ele sempre foi avaliado como um dos melhores prefeitos do Brasil, fez um excelente trabalho em Salvador, e tem uma boa projeção para as próximas eleições. Então assumir o DEM em Itabuna, que é a quinta maior cidade do estado, é uma responsabilidade muito grande. Nunca estive na base do governador Rui Costa, somente quando era PDT, quando deixei o PDT fui para um partido que não era aliado ao Governo do Estado, era oposição, então hoje eu mantenho minha posição, não estando na base do Governo do Estado, só que indo para o DEM e assumindo em Itabuna essa articulação da candidatura de Neto junto ao Governo da Bahia.

Pauta.Blog // O deputado Rosemberg concedeu recente entrevista em relação a gestão do prefeito Augusto Castro, dizendo existir um problema que ele terá que enfrentar, que seria a sua candidatura porque Augusto é parceiro de Rui e consequentemente apoiará a candidatura de Jaques Wagner… Você acredita que essa situação poderá gerar uma fissura entre Augusto e Guinho?
Guinho // Esse comentário é visto por ele como um problema, para mim nunca foi, pelo fato de quando Augusto era candidato eu acreditei na sua candidatura e me coloquei vice, enquanto Rosemberg tinha outro candidato que era Geraldo Simões. O projeto de Augusto foi Guinho, quem acreditou e pediu voto para ele foi Guinho, não foi Rosemberg, que apoiou um candidato que teve quase quatro mil votos e foi derrotado.

Eu acredito é que é um privilégio para o Governo do Estado ter o apoio de Augusto, porque Rui Costa também não apoiou Augusto na sua candidatura, e eu me coloquei contrário ao Governo do Estado porque eu era oposição a Fernando Gomes, com denúncias gravíssimas da administração dele, Itabuna reprovava Fernando, e o Governo do Estado o apoiava. Eu não poderia dividir palanque com uma pessoa que estive durante todo meu mandato denunciando irregularidades. Não vou mudar meus princípios, meu jeito de pensar por conta de um cargo político.

Ninguém viu até aqui postura minha contrária ao governo do Estado, que venha prejudicar o prefeito. Eu e Augusto fomos parceiros na eleição, ganhamos e até aqui eu tenho sido parceiro, foi com quem eu fiz compromisso na eleição e tenho compromisso até aqui.

Pauta.Blog // Qual a sua eficaz estratégia para se eleger deputado federal?
Guinho // Visualizando essa real necessidade de representação da região Sul da Bahia, nós vamos levar esse discurso da representatividade. A região tem necessidade de uma maior atenção do governo federal, pois infelizmente pereceu nos últimos anos por falta de ações mais efetivas e de um político que possa lutar pela região. Nós temos condições de levar o Sul da Bahia para o Congresso Nacional e buscar recursos para a região.

Pauta.Blog // Já fechou com quem fará dobradinha em Itabuna?
Guinho // Hoje, Andréa Castro é um nome que está sendo conversado. Nós temos consciência da necessidade de dentro da nossa gestão ter um candidato a deputado estadual e federal, sabendo que o prefeito tem compromisso com Paulo Magalhães, que tem contribuído muito com a nossa cidade, então eu não vou colocar o prefeito contra a parede, jamais. Desde quando eu coloquei meu nome à disposição como federal, eu sabia que o prefeito tinha um compromisso partidário com o Paulo. Andréa Castro como deputada estadual dobra com muita gente [riso], inclusive com Paulo Magalhães, mas acredito muito que podemos formar uma dobradinha itabunense.

Pauta.Blog // Jovem, aos 28 anos, a meta de Guinho é ser prefeito de Itabuna?
Guinho // Confesso que tinha esse sonho, não vou dizer que tinha porque parece não querer mais, mas ao chegar aqui agente se depara com muitas situações que precisa mudar muita coisa, mas confesso que ao chegar aqui bate aquela insegurança, mas estarei sempre à disposição da população. Augusto tem feito uma gestão muito boa, acredito que Itabuna terá pela primeira vez um prefeito reeleito, e quem sabe num futuro agente pode representar Itabuna nesse Centro Administrativo.

LEIA TAMBÉM A COLUNA BALÃO DA POLÍTICA⤵️

Andrea Castro, Enderson Guinho, Pancadinha, Charliane, Colbert, Fernando Gomes, Ronaldo Abude e Oziel Aragão

A audiência entre o prefeito Augusto Castro (PSD), o governador Rui Costa (PT) e o deputado Paulo Magalhães (PSD) durou pouco mais de uma hora

Leia em: 2 minutos

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), foi recebido pelo governador Rui Costa (PT) em audiência ontem (1º.junho), na Governadoria. No encontro, o gestor itabunense agradeceu e parabenizou o Chefe do Executivo estadual pela publicação do aviso de licitação para a construção da nova rodovia Ilhéus/Itabuna, no Diário Oficial do Estado (DOE).

Entre os projetos apresentados ao governador estão a urbanização dos acessos a Itabuna pela BR-101. Um dos acessos é o que liga a rodovia federal ao trevo da Avenida Itajuípe, no Bairro Santo Antônio. Outro, a ligação da 101 ao prolongamento da Avenida Amélia Amado, até imediações do Centro Comercial de Itabuna, a principal central de abastecimento hortigranjeiro da cidade.

“O governado Rui Costa foi muito receptivo aos nossos pleitos e, além de se comprometer com a urbanização dos novos acessos à Itabuna, também garantiu a conclusão das obras da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no Bairro São Caetano”, afirmou o prefeito.

Na audiência, o governador falou da importância da nova rodovia estadual que vai ligar os municípios mais importantes do sul baiano. “A construção da nova BA, ligando Itabuna a Ilhéus, será um equipamento de mobilidade moderno, que vai trazer segurança e desenvolvimento. É um projeto sonhado por toda a região que estamos realizando”, salientou Rui Costa.

NOVO COMPLEXO EDUCACIONAL
Segundo Augusto Castro, o mandatário baiano também deu sinal verde para que seja construído um novo complexo educacional na zona norte de Itabuna, para atender aos bairros Fátima e Califórnia e Conceição, que fica na zona central da cidade.

Notícias mais lidas

Outros assuntos