Estudantes do CAIC relatam que recebem apenas biscoito, suco e sopa "aguada" na hora do lanche; prefeito Marão não se manifestou

Leia em: < 1 minuto

O vereador de Ilhéus, Dr. Tandick Resende (UB), divulgou um vídeo na rede social Instagram em que denuncia a má qualidade da merenda que está sendo oferecida aos alunos da rede municipal de Educação. Na publicação, é possível ver o político conversando com algumas crianças, que reclamam dos lanches que são distribuídos no CAIC.

De acordo com a denúncia feita pelo vereador, os estudantes chegaram a receber biscoito com suco para lanchar e, outras vezes, apenas o biscoito. Outra criança, que teve a identidade preservada, afirma que também já foi entregue uma sopa “aguada” na hora da merenda.

Vale ressaltar que muitas crianças frequentadoras da rede pública de ensino são de famílias carentes, ou seja, passam por dificuldades financeiras e o momento da merenda é bastante aguardado. Infelizmente, algumas delas frequentam a escola justamente para ter a oportunidade de fazer uma refeição digna, porém, diante da situação relatada pelo vereador, o município não está fazendo o devido acolhimento.

O OUTRO LADO
Este Pauta Blog manteve contato com o prefeito Marão (PSD) para tentar obter um posicionamento sobre a situação. O político disse que a secretária municipal de Educação entraria em contato conosco, mas, até o fechamento desta edição, não recebemos nenhuma ligação para falar sobre o assunto. O espaço permanece aberto.

📽️ Reprodução/Instagram Tandick Resende

13 mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos em Ilhéus, Itabuna e Salvador

Leia em: < 1 minuto

A Polícia Federal deflagrou hoje (18.abril) a Operação Teatro Mambembe para combater crimes de fraude à licitação e desvios de recursos públicos na contratação de uma empresa pela prefeitura de Ilhéus. Segundo a PF, a empresa teria sido contratada pelo governo do prefeito Marão (PSD) para realizar a manutenção e conservação de prédios públicos municipais.

As investigações da PF apontam, no entanto, a existência de um esquema de direcionamento da licitação para a empresa vencedora, além de fraude documental e superfaturamento dos serviços contratados, o que resultou na prestação de serviços de má qualidade. Além disso, foi constatado que diversas obras não foram executadas pela empresa vencedora, mas por pessoas vinculadas a agentes da prefeitura e da Câmara de Vereadores e que não tinham nenhum vínculo com a empresa contratada.

A Polícia Federal está cumprindo 13 mandados de busca e apreensão em Ilhéus, Itabuna e Salvador. Os investigados responderão pelos crimes de frustação do caráter competitivo da licitação, fraude em licitação ou contrato, corrupção passiva, estelionato, falsidade ideológica e associação criminosa.

"Eu sempre fiz política independente do projeto de Mário", disse Bebeto Galvão

Leia em: 2 minutos

Na sexta-feira (12.abril), o vice-prefeito de Ilhéus e também pré-candidato a prefeito, Bebeto Galvão (PSB), concedeu entrevista ao programa O Tabuleiro, da rádio Ilhéus FM, e soltou o verbo sobre o prefeito Marão (PSD). Segundo Bebeto, Marão descumpriu um acordo firmado em 2020 quando garantiu que ele seria escolhido para ser o sucessor na prefeitura de Ilhéus.

Visivelmente chateado com a conduta do gestor municipal, Bebeto relembrou as circunstâncias que o levaram a formar a chapa com Marão há quatro anos: 📌 “Eu sempre fiz política independente do projeto de Mário. Em 2020, houve circunstâncias políticas que nos conduziram para uma aliança para manter a cidade na base do governo do estado. Quem é de projeto coletivo não pode se dar ao luxo de fazer carreira solo. Mário estava isolado politicamente e nenhum político queria encostar nele. Depois de muito debate interno no PSB, tínhamos alternativas e existia a possibilidade de uma aliança com o PSD. Houve conversa, inclusive envolvendo Rui Costa e Jaques Wagner. Para que a oposição não ganhasse, era necessário o PSB ficar com o PSD e o PT ficar na base do PP. Nas pesquisas, ficou claro que só um nome seria capaz de tirar Mário daquele lugar e ele ficou me pedindo para, pelo amor de Deus, ajudá-lo a tirá-lo do isolamento político”.

Galvão disse que Marão foi incapaz de explicar que não poderia indicá-lo como sucessor e, simplesmente, contrariou os aliados escolhendo o secretário Bento Lima como pré-candidato: 📌 “O inadimplente da palavra não sou eu. O problema de caráter não está comigo, está com o outro. Onde é que está o erro? É em Ilhéus ou no erro de conduta que Mário adotou? Ilhéus pode até ter críticas ao meu posicionamento político, mas sabe da minha conduta e sabe quem eu sou. Ele [Marão] sabe e não teve coragem de enfrentar. Se não foi possível cumprir a palavra, era me chamar e dizer que as circunstâncias não permitiram manter o acordo, mas você é parte desse acordo. Isso seria o rito natural da política construindo um entendimento. O próprio presidente do PSD disse a ele que ele deveria ter se reunido com os partidos de 2020 para escolher o melhor nome para 2024, mas ele, com mania de grandeza e se julgando imperador, quer impor a vontade dele a Ilhéus. Não é assim! Deveria ter lealdade com os parceiros de caminhada!”.

Nome de Bento foi anunciado durante coletiva de imprensa

Leia em: < 1 minuto

Na manhã desta quinta (4.abril), o prefeito de Ilhéus, Marão (PSD), anunciou o nome do secretário municipal de Gestão e Inovação, Bento Lima (PSD), como pré-candidato a prefeito de Ilhéus. O anúncio foi feito em uma coletiva de imprensa realizada no Hotel Jardim Atlântico.

Marão, que também é presidente do PSD de Ilhéus, já estava preparando o terreno para Bento há alguns meses. O secretário é considerado o braço direito do gestor e passou a acompanhá-lo, constantemente, em eventos e inaugurações.

Nas redes sociais, Marão falou sobre a escolha: “Todos aqui são testemunhas de que a nossa cidade, depois de oito anos, é um lugar muito melhor de se viver. Por isso, vão caminhar conosco junto de Bento Lima nesta pré-campanha”.

Marão, Tum e Pancadinha; prefeito de Ilhéus deve apoiar pré-candidatura de Pancadinha

Leia em: < 1 minuto

Nos bastidores, os rumores são de que o prefeito de Ilhéus, Marão (PSD), vai sinalizar o apoio à pré-candidatura do deputado estadual Pancadinha (Solidariedade) a prefeito de Itabuna.

O que causa estranheza é que Marão e o prefeito Augusto Castro fazem parte do PSD e compartilham a mesma base de sustentação no estado. A verdade é que a relação de ambos é cordial durante alguns eventos, mas, no tabueiro político, a dupla não fala a mesma língua há algum tempo.

O clique foi feito nesta segunda-feira (25.março) durante a entrega de novas ambulâncias no Parque de Exposições de Salvador. Na foto, também aparece o secretário estadual de Agricultura, Tum (Avante).

Possibilidades e disputa de egos à parte, a junção de Capitão Azevedo e Dr. Isaac pode "nascer" uma terceira via para Itabuna

Leia em: 8 minutos

ANÁLISE❗ Centro Administrativo Firmino Alves: Como anda a política em Itabuna?

Se os itabunenses não forem surpreendidos com um terceiro nome na disputa pelo Centro Administrativo Firmino Alves no pleito de outubro, o duelo vai ser travado entre o atual prefeito Augusto Castro (PSD) e o deputado estadual Fabrício Pancadinha (Solidariedade).

Castro conta com a força e o apoio do governador do Estado, Jerônimo Rodrigues (PT), contando com a hipótese do petismo não conseguir viabilizar a candidatura de Geraldo Simões (PT). Além disso, o gestor marcha ao lado do senador Otto Alencar (PSD) e de quase todos os vereadores da cidade, e tem a estrutura financeira e a máquina do Executivo nas mãos.

Do outro lado, Pancadinha conta com o apoio da ala de ACM Neto (UB), composta por grandes nomes, como o do prefeito de Salvador, Bruno Reis (UB), e do deputado federal Elmar Nascimento (UB).

Tanto Castro como Pancadinha estão trabalhando para manter os respectivos nomes em ascensão. Augusto está com uma alta rejeição por não conseguir mostrar serviço nos bairros, principalmente na área de infraestrutura, mesmo com uma arrecadação bilionária, o que evidencia uma certa falta de traquejo com a coisa pública. Pancadinha conseguiu uma boa votação para deputado em 2022, mas não dialoga bem com algumas classes sociais, ou seja, precisa investir mais na oratória e no poder de articulação.

Na balança final, Augusto pode levar a melhor porque tem um staff político mais gabaritado, porém, pode levar uma “bolada nas costas” já que não tem conseguido cumprir o que promete à população.

Os demais pré-candidatos ainda não conseguiram uma sustentação política e, portanto, não fazem tanta diferença no atual quadro municipal.

A política de Itabuna não é para amadores! Quaisquer que sejam os candidatos, é preciso se preparar e ser ágil nas “jogadas políticas” e nas tomadas de decisões.

ANÁLISE❗ PDT deve escolher entre Dr. Isaac e Capitão Azevedo para disputar prefeitura de Itabuna

A notícia de que o médico Isaac Nery filiou-se ao PDT não caiu, exatamente, como uma bomba no cenário político itabunense. Isso porque Dr. Isaac saiu do Republicanos após um desgaste por falta de apoio à pré-candidatura a prefeito e por não concordar em apoiar a tentativa de reeleição de Augusto Castro (PSD).

A bomba mesmo foi jogada no colo do ex-prefeito e, até então, também pré-candidato ao cargo, Capitão Azevedo. Isso porque ele desembarcou no PDT há pouco tempo, porém não demonstrou a força política necessária para despontar como o favorito para concorrer à prefeitura de Itabuna.

Analisando o atual cenário, cabe à legenda decidir quem será o cabeça de chapa que vai disputar o Centro Administrativo Firmino Alves no pleito de outubro. De um lado, um ex-prefeito carismático, mas um pouco esquecido pelo eleitorado nos últimos anos. Do outro, um médico ainda engatinhando na vida pública, mas que tem colhido bons frutos pelos posicionamentos críticos à gestão municipal.

Esta Coluna Balão listou cinco possibilidades que podem estar pairando na mente do partido, mas, principalmente, do capitão e do médico:

1️⃣ Fechar um acordo entre cavalheiros e o pré-candidato melhor cotado nas pesquisas será o cabeça de chapa enquanto o outro ocupa a vice, formando, assim, uma chapa “puro sangue”;

2️⃣ O Capitão pode estar se sentindo traído pela legenda e, nos bastidores, tentando encontrar outra sigla para se filiar apenas para não desistir da própria pré-candidatura, mesmo tendo poucas chances de deslanchar sozinho;

3️⃣ A chapa “puro sangue” teria força suficiente para representar uma pedra no sapato do prefeito Augusto Castro porque, até então, apenas o deputado Pancadinha (Solidariedade) se apresenta como ameaça real à tentativa de reeleição;

4️⃣ A falta de posicionamento e a demora na definição partidária podem custar caro demais ao capitão. O político contraria a máxima de “quem não é visto, não é lembrado” e parece não se importar com a perda do protagonismo político no município;

5️⃣ Dr. Isaac pode estar “soltando fogos” e bastante otimista em ter sido acolhido por um partido que acredita no possibilidade dele bagunçar o coreto das eleições de outubro.

Possibilidades e disputa de egos à parte, a junção de Capitão Azevedo e Dr. Isaac pode ser, realmente, uma excelente terceira via para quem não simpatiza com Augusto Castro nem Fabrício Pancadinha. O traquejo e carisma típicos do capitão fariam muito bem à inteligência e determinação do médico, mas essa batata ainda vai assar um pouco mais nas mãos do PDT.

👠 Companheira

A primeira-dama de Itabuna, Andrea Castro, já começou a colocar o time na rua pensando na reeleição do marido Augusto Castro. Andrea caminhou com o prefeito pelas ruas do Bairro São Pedro no final de semana.

🎨 É cada criatividade

O deputado Pancadinha (Solidariedade) disse no lançamento de sua pré-candidato a prefeito de Itabuna “que não é político”. E é o quê? Vai entender!

🏊‍♀️ Nadando sozinho

O ex-prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo (PDT), parece não ter aprendido com o tempo. O político não se reinventou e acredita que pode vencer as eleições ficando “em cima do muro”. Alguém avisa que política é sobre posicionamento? Resumindo, está nadando sozinho!

📦 Elemento surpresa (1)

O grande elemento surpresa das eleições em Itabuna pode ser o Dr. Isaac Nery. Até o mês de abril, muita coisa pode acontecer na trajetória do médico que já provou que “não come reggae” quando o assunto é fazer oposição ao governo municipal.

📦 Elemento surpresa (2)

Dr. Isaac deixou o Republicanos porque a sigla arrumou as malas para apoiar a tentativa de reeleição de Augusto Castro. Já filiado ao PDT, nos bastidores, comenta-se que Nery pode surpreender o eleitorado até o dia 5 de abril. A Coluna Balão acionou os drones e está de plantão esperando por novidades dentro do PDT!

🧢 Ajustes à vista

Quem está prestes a lançar a pré-candidatura a vereador de Itabuna é o secretário de Transporte e Trânsito, Thales Silva. O titular da pasta de Planejamento, Zé Alberto (PSB), também está estudando tentar uma vaga no Legislativo. Ainda faltam os últimos ajustes para arrematar ou recuar, mas uma fonte do governo disse que as chances dos secretários se arriscarem no pleito são de 98%.

🔍 Tentar, faz parte

Quem está de malas prontas para entrar no campo político é o radialista Nadson Monteiro. Ele vai tentar retornar à Câmara de Itabuna, mas uma fonte desta Coluna Balão garantiu que o comunicador ainda não definiu o partido.

💡 99% garantidos

O PP de Itabuna está 99% focado na reeleição de Augusto Castro. Só falta o gestor acrescentar 1% e arrematar. O Partido Republicanos também estava na mesma situação, mas a indicação de José Carlos Trindade para assumir a presidência da Fasi (Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna) solidificou sua posição na gestão itabunense.

✂️ Rachados & Trincados (1)

Calma que não é uma dupla sertaneja! É confronto! Em Itajuípe, o ex-prefeito Marcone Amaral (PSD) está tentando se recuperar do “racha político” com o atual gestor Léo da Copeira (Avante). Amaral lançou a vereadora Lusiane da Saúde (PSD) como pré-candidata e está confiante na transferência de votos.

✂️ Rachados & Trincados (2)

Ex-jogador de futebol, Marcone não esconde de ninguém que está “jururu” com Léo. Tudo isso porque o capoerista deu uma “rasteira” no ex-atleta e Marcone ainda está tentando se recuperar.

💤 Engolido (1)

Na última semana, aconteceram dois lançamentos de pré-candidaturas em Itajuípe: uma da escolhida por Marcone e outra do atual prefeito Léo da Capoeira. O gestor fez questão de fazer o lançamento no mesmo dia de Lusiane para demonstrar força no município.

💤 Engolido (2)

Léo da Capoeira contou com a presença do cacique do Avante, Ronaldo Carletto, além dos deputados Neto Carleto (federal) e Soane Galvão (estadual), enquanto Marcone foi prestigiado pelo deputado federal Paulo Magalhães (PSD).

⚽ À espera

Marcone não marcou gol para deputado estadual nas eleições de 2022 e, agora, vive na suplência à espera de uma vaga na Alba (Assembleia Legislativa da Bahia).

O fato é que, se Amaral não conseguir eleger sua pré-candidata em Itajuípe, vai expor que, politicamente, perdeu o campo de jogo para o capoerista Léo. A conferir!

🤝 Tá quase

Quem está marcando presença nas caminhadas do prefeito de Ilhéus, Marão (PSD), é o secretário municipal de Administração, Bento Lima. Segundo apurações desta Coluna Balão, Bento está praticamente com o bastão da pré-candidatura nas mãos. Marão estaria determinado a dialogar com a base para garantir um projeto sólido e único na cidade.

🌬️ De vento em popa (1)

Em Arataca, o prefeito Ferlú Mansur (PSD) está bem posicionado para a reeleição em outubro. A parceria com o governador Jerônimo vem fazendo toda a diferença no município. Ferlú tem sido reconhecido pelo bordão “sou seu fã” nas ruas da cidade.

🌬️ De vento em popa (2)

Em Coaraci, o vice-prefeito Miltinho do Axé (PSD) está de vento em popa na pré-candidatura a prefeito. Ele anunciou a vereadora Rúbia Soraia como vice na chapa e tem o apoio da ex-prefeita Josefina Castro (PT).

🪁 Hã? Não é comigo!

Um drone da política itabunense relatou a esta Coluna que o apresentador Tom Ribeiro nem quis entrar na pista de negociação para avaliar uma possível costura na chapa de reeleição do prefeito Augusto Castro. Embora lisonjeado pelo convite, o comunicador “deu linha na pipa”, ou seja, pulou fora da ideia.

♟️ Chefe correria

Quem pode lançar a pré-candidatura a vereador em Itarantim é o chefe de gabinete, Mauro Sérgio. Dizem que ele é o braço esquerdo e direito do prefeito Fábio Gusmão (PSD) e bastante cordial ao atender as demandas da população.

🥱 Papelão!

Olhem o estágio da política de Itabuna: os vereadores Manoel Porfírio (PT) e Cosme Resolve (PMN) buscam se lançar na área artística. É a dupla de dançarinos: Mâno & Rêso. Itabuna tem de tudo mesmo!

❗ O VEREADOR MANOEL PORFÍRIO SE DEFENDE DA “DANÇINHA”. VEJA NOTA ENVIADA PELO EDIL ⤵️

“Att: Pauta Blog. Só uma observação, o que dois amigos dançando em um domingo tem haver com a política. Fazemos nosso papel na câmara e desempenhamos nossas funções. Achou que no momento de lazer podemos fazer algo que quisermos”.

Matheus Vital é editor de Política do Pauta Blog. Envie a sua sugestão de pauta: matheus@pauta.blog.br

Castro e Danilo se cumprimentaram cordialmente, apesar da tentativa de provocação do vereador

Leia em: 2 minutos

Tradicionalmente, os prefeitos costumam participar das sessões realizadas nas Câmaras municipais para reabrir os trabalhos no início do ano. O curioso é observar o comportamento dos edis considerados de oposição nesses momentos de comunhão entre os poderes Executivo e Legislativo.

No início deste mês, o prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), participou da sessão e cumprimentou os presentes. Um vídeo gravado dentro do plenário Raymundo Lima mostra que, enquanto o gestor se dirigia até a sala do presidente da Casa, Erasmo Ávila (PSD), “deu de cara” com o ferrenho opositor Danilo da Nova Itabuna (União Brasil). Até que Danilo ensaiou alguma provocação, mas Castro esnobou a tentativa e foi absolutamente cordial ao cumprimentá-lo.

Na última quarta (7.fevereiro), a situação foi um pouco mais constrangedora para o prefeito Marão (PSD) em Ilhéus. De sorriso fácil e considerado um político “boa praça”, Marão foi praticamente ignorado pelo vereador de oposição e policial rodoviário federal, Vinícius Alcântara (Cidadania). A falta de cortesia e educação do edil deram o que falar, mas ele fez questão de publicar um vídeo nas redes sociais mostrando o momento em que se negou a apertar a mão do gestor.

Parece que o ano eleitoral está deixando os ânimos um pouco mais exaltados que o normal. Em outros tempos, a regra básica da educação falaria mais alto, mas, com a proximidade do pleito de outubro, a tendência é que o ringue político tenha cada vez mais lutadores. Quem tiver a unha maior, sobe na parede!

Vinícius Alcântara se recusou a apertar a mão de Marão // 📽️ Reprodução/Instagram de Vinícius Alcântara

Marão recebeu o equivalente a R$ 55.575,00 em diárias no ano passado

Leia em: < 1 minuto

Consta no Portal da Transparência do município de Ilhéus que o prefeito Marão (PSD) recebeu o equivalente a R$ 55.575,00 em diárias durante o ano de 2023. Isso faz com que o gestor seja considerado o “campeão” do recebimento dos valores.

Fonte: Portal da Transparência

Na segunda colocação, está o secretário da Casa Civil, Mozart Aragão, que recebeu R$ 38.676,30. Em terceiro lugar, aparece João Carlos Santos Rocha, mais conhecido como João Mamão, que recebeu R$ 29.022,50 no ano passado. Em quarto lugar, está o atual secretário de Gestão e braço direito do prefeito, Bento Lima, que recebeu o equivalente a R$ 24.813,60.

Os agentes públicos, quando em viagens oficiais, têm direito ao recebimento de diárias para custear hospedagens e alimentação.

Será que todos esses valores pagos pela prefeitura foram revertidos em investimentos para a cidade? Perguntar não ofende! As eleições estão chegando e é chegada a hora da população cobrar resultados e prestação de contas.

Tem prefeito querendo amenizar o prejuízo, vice-prefeito confiante e pré-candidato apostando tudo para 2024

Leia em: 8 minutos

🖊️ Nunca é tarde para desvendar os bastidores da política

Após alguns meses em recesso, a Coluna Balão retorna para observar os cenários da política cacaueira. O ano promete seguir em ritmo frenético porque, quem está eleito não quer sair e, quem está de fora, quer entrar.

⛪ Papa de Ilhéus

Ao ser questionado por este Pauta Blog sobre ser o sucessor do prefeito Marão (PSD) em Ilhéus, o secretário Bento Lima adotou uma postura cautelosa e disse que, até então, não existe essa possibilidade.

A resposta, no entanto, sugere que o secretário apenas está aguardando o posicionamento de Marão para consolidar a própria candidatura. Bento, que também é conhecido como o “papa” da gestão, vai engrenar?

📺 Marão turista

Parece que o prefeito de Ilhéus, Marão (PSD), ativou o modo EAD de gerir a prefeitura. Passa mais tempo na capital baiana do que na cidade onde foi eleito. A pior gafe desta semana foi postar vídeo assistindo à estreia do remake de Renascer enquanto “o cacau caía” na cidade.

🤝 Aliança?

Os pré-candidatos a prefeito de Ilhéus, Valderico Junior (União Brasil) e Augustão (PT), se reuniram para discutir a política ilheense na sede da Rádio Gabriela FM. A dupla tratou sobre os desafios e oportunidades que o município enfrenta atualmente.

O mais curioso é que a dupla, além de pretender ocupar o mesmo cargo a partir de 2025, está em grupos políticos completamente opostos. Augustão é petista e faz parte da base do governo enquanto Junior é aliado de ACM Neto.

Será que vem uma aliança por aí?

⏯️ Plano B

O vereador de Ilhéus, Augustão (PT), já anunciou que é pré-candidato a prefeito mesmo se o Partido dos Trabalhadores não apoiá-lo. Nesse caso, o político vai mudar de legenda para concorrer ao pleito.

O que chama a atenção é que ele pretende investir na carreira de coach caso nada dê certo na política. Ter um plano B é essencial!

❓ Ou vai ou fica 

O prefeito de Itabuna, Augusto Castro (PSD), está tentando aprimorar o desempenho político. Com um empréstimo milionário prestes a ser concretizado, Castro elabora planos e projetos para elevar a imagem junto à população.

Em um esforço adicional, correu até Salvador para ter uma audiência com o governador do estado, Jerônimo Rodrigues (PT). O objetivo foi ampliar o caixa municipal e garantir recursos para novas obras e iniciativas que beneficiem a cidade.

Quanto mais o pleito se aproxima, o panorama local se aquece e vira alvo de avaliação da população. A incerteza paira sobre a reeleição de Augusto e a proximidade do mês de outubro trará respostas sobre a continuidade ou não do governo.

A contagem regressiva já começou!

⚠️ Não mostrou a que veio! (1)

O secretário Mauro Ribeiro, responsável pela secretaria de Indústria e Comércio de Itabuna, não demonstrou o propósito da sua gestão até agora. Com uma postura neutra, levanta questionamentos sobre sua eficácia na revitalização dos setores econômicos do município.

A falta de avanços palpáveis suscita preocupações entre os cidadãos, que esperam uma atuação mais enérgica capaz de impulsionar o desenvolvimento local.

🚫 Não mostrou a que veio! (2)

A ansiedade toma conta da população de Itabuna quando o assunto é chuva porque são evidentes os alagamentos em vários pontos da cidade. A inabilidade do superintendente de Serviços Públicos, Sousa Lino, em resolver questões relacionadas ao tema está claramente refletida na persistência dos problemas desde a enchente de dezembro de 2021.

O prefeito Augusto Castro, no entanto, insiste em mantê-lo no cargo. É o que dá colocar um empresário para ocupar a função que deveria ser de um engenheiro, no mínimo, competente e comprometido com o trabalho.

⚙️ Pavimento sem concreto

O engenheiro civil Chico França (PL) vai enfrentar inúmeros desafios para pavimentar seu caminho político rumo às eleições para prefeito de Itabuna. Falta carisma, desenvoltura e traquejo, apesar dos esforços para conquistar apoio nos bairros.

Até o momento, o nome de França é questionável quando o objetivo é conquistar o eleitorado mais humilde e se destacar no cenário político. Não deslanchou ainda! Será que vai?

🙆🏽‍♂️ De vice outra vez 1

Em meio aos compassos da política em Itabuna, o vice-prefeito Enderson Guinho (União Brasil) está investindo no valor estratégico e com os olhos voltados para o futuro. Ele deseja ou sonha ser vice-prefeito novamente, porém em outra chapa.

O comprometimento do jovem político dá a entender que ele vai lutar pelo cargo mais uma vez. Com quem pode ser: Capitão Azevedo (de vermelho) ou Pancadinha (de verde)? A conferir!

🙆🏽‍♂️ De vice outra vez 2

De concreto até agora, temos o fato de Guinho não desenhar a possibilidade de concorrer a uma vaga na Câmara de Itabuna. Figura experiente como vereador, Guinho está concentrado em vender a ideia de ser vice e não voltar ao Legislativo. A jogada pode ser interpretada como uma estratégia para colocar o União Brasil na partida.

🙆🏽‍♂️ De vice outra vez 3

Independentemente da decisão final, a presença de Guinho na arena política, certamente, influenciará os debates e as dinâmicas eleitorais. Os próximos meses prometem revelar mais detalhes sobre o destino desse jovem veterano.

🔍 Em ritmo de campanha

O pré-candidato a prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo (PDT), já está em ritmo de campanha e tem tentado dialogar com várias classes de trabalhadores. Nesta semana, o político bateu um papo informal com alguns mototaxistas e salientou que, caso seja eleito, vai priorizar a melhoria na Infraestrutura dos bairros. O dilema está sendo emplacar!

🔄 Deputado lá e cá

O deputado estadual Pancadinha (Solidariedade) é, frequentemente, associado à postura de “lá e cá” quando se trata do governo estadual. A abordagem do itabunense parece envolver a busca ativa por recursos no Estado, ao mesmo tempo em corre para o prefeito de Salvador, Bruno Reis (União Brasil), declaradamente opositor ao governo.

Essa dualidade levanta questionamentos sobre as verdadeiras inclinações políticas e compromissos partidários do deputado e deixa os eleitores atentos.

Enquanto isso, Pancada segue em cima do muro!

🏳️ Lago revolto 1

Em Itajuípe, a arena política tornou-se um campo de batalha intenso com o atual prefeito Léo da Capoeira (PSD) e o ex-prefeito Marcone Amaral (PSD) protagonizando um racha político. A caneta afiada de Léo não poupou nomes ligados a Marcone e intensificou ainda mais a distância entre os dois líderes.

Com o controle firme da máquina administrativa, Léo da Capoeira segue como um jogador estratégico que assumiu a dianteira para as eleições de outubro. A disputa promete ser acirrada!

🏳️ Lago revolto 2

Marcone não conseguiu se articular de maneira eficaz durante as últimas eleições para deputado estadual, mas parece que pretende tentar retornar ao Poder Executivo itajuipense. Apesar de difícil, deve indicar um nome para concorrer em outubro. Será?

💲 Duelo na Colônia

Em Itaju do Colônia, a gravura do candidato a prefeito Elder Fontes (PSD) parece refletir a imagem de um “político turista”, ou seja, alguém que quer vencer as eleições à distância. Ele nem sentou na cadeira ainda e já está assim, imagine como seria se vencesse as eleições?

O veredito final virá em outubro quando o povo decidir entre o milionário Elder e o “liso” pré-candidato Valério Aguiar (MDB).

🌬️ De vento em popa

O administrador e empresário, Edmar Luz (PP), vem se destacando no cenário político de Canavieiras há algum tempo. Luz já foi candidato a prefeito nas duas últimas eleições e bateu na trave ao ficar em segundo lugar, mas, neste ano, a perspectiva é muito melhor.

Edmar também é presidente do PP local e tem dialogado bastante com a população sobre os anseios do município. O nome do político tem sido ouvido nos quatro cantos da cidade e promete ser um forte candidato no pleito de outubro.

🚦 Novo rumo

O tenente-coronel Valci Serpa, ex-secretário de Trânsito em Itabuna e Ilhéus, é pré-candidato a vereador de Itabuna. A este Pauta Blog, o militar disse que ainda não bateu o martelo sobre o partido nem sobre o candidato a prefeito que vai apoiar no pleito de outubro.

🚧 Ventilação

Quem está cogitando lançar a pré-candidatura a vereador de Itabuna é o empresário Oton Matos. Oton foi secretário durante a gestão do ex-prefeito Vane do Renascer e é bastante conhecido nos bastidores políticos como um grande articulador.

👀 Criou coragem?

Nos bastidores, comenta-se que o vereador de Itabuna, Cosme Resolve (PMN), pode estar flertando com a oposição ao prefeito Augusto Castro. A informação foi confirmada por uma fonte ligada a este Pauta Blog.

Será que, após uma longa espera por resultados, Cosme resolveu buscar novos rumos?

O jogo do xadrez político no solo grapiúna não é para amadores!

⛓️ Medroso

Tem vereador do interior baiano que está “morrendo de medo” de ser denunciado ao Ministério Público pela prática criminosa da “rachadinha”. A conta é muito cara e pode ser cobrada a qualquer momento. Abre o olho, edil!

Matheus Vital é editor de Política do Pauta Blog. Envie a sua sugestão de pauta: matheus@pauta.blog.br

//

População protestou ontem contra a venda do Parque de Exposições de Ilhéus

Leia em: 2 minutos

Na última segunda (30.outubro), o prefeito de Ilhéus, Marão (PSD), sancionou a lei que permite a alienação de imóveis em conformidade com a Lei nº 8.666/93, aprovada pela Câmara de Vereadores. Trocando em miúdos, o Executivo pediu e o Legislativo autorizou a venda do Parque de Exposições de Ilhéus.

Segundo a prefeitura, a renda obtida com a venda do espaço vai ser utilizada para viabilizar ações estruturantes na cidade, a exemplo do Programa Caminho dos Altos, que vai revitalizar as escadarias dos morros. Ainda de acordo com a gestão do prefeito Marão, o equipamento estava ocioso há vários anos e, agora, vai ser possível financiar projetos que incluem pavimentação de ruas e requalificação de praças.

Por outro lado, a população não concorda com a venda do Parque de Exposições. Na tarde de ontem (31.outubro), criadores de animais e representantes de alguns órgãos realizaram um protesto para pedir a revogação da medida que vai extinguir o equipamento.

De acordo com os manifestantes, a venda do espaço vai acabar com projetos muito importantes para a cidade, a exemplo da Equoterapia, que utiliza os cavalos em um trabalho terapêutico com crianças com necessidades especiais. Sem o espaço adequado para tal prática, pode ser que esse projeto, simplesmente, acabe.

O questionamento é: a quem interessa a venda do Parque de Exposições? Não seria interessante revitalizar o espaço e lutar por mais recursos para manter o projeto da Equoterapia? Quanto aos competidores de equiprovas, eles precisam de locais para treinar, mas, em Ilhéus, pelo visto, não será possível.

Notícias mais lidas

Outros assuntos