Leia em: 2 minutos

A conjuntura econômica do Brasil e da região no pós pandemia foi analisada pelo professor titular do Departamento de Economia da Uesc, Elson Mira, durante a reunião ordinária da ACI (Associação Comercial de Itabuna), 2ª feira (9.maio), que ainda contou com a presença dos secretários de Segurança e Ordem Pública (Sesop), Humberto Mattos e de Planejamento, Sônia Fontes para apresentar as ações de ordenamento do comércio informal.

Mira apresentou dados atualizados de empregos do mês de março deste ano, em que o setor terciário lidera com 79,7%. Segundo ele, desde a crise do cacau, o setor terciário domina a economia de Itabuna. “Em termos de emprego, geração de renda, PIB, o comércio e serviços são os setores das principais atividades econômica de Itabuna”, destacou o professor.

Sobre as ações para o ordenamento do comércio informal, o secretário Humberto Mattos destacou que está planejando ações em conjunto com outras secretarias municipais visando a retirada do comércio ambulante de alimentos da avenida Cinquentenário e do seu entorno para a praça Adami, até que a praça Camacan seja reformada para receber esse público.

O secretário ainda ressaltou a importância do apoio da classe empresarial e da sociedade para solucionar um problema que é antigo. Sônia Fontes falou que o ordenamento está na pauta de prioridades da Prefeitura Municipal e destacou que ações de médio prazo para a retirada dos ambulantes estão sendo organizadas, e uma das alternativas é realocar no antigo Cesp.

A reunião contou com a presença de empresários e lideranças da sociedade civil que parabenizaram a iniciativa do presidente da ACI, Mauro Ribeiro na promoção de debates importantes para o setor. Segundo o empresário, “a análise atualizada da economia atual vai ajudar na aplicação de investimentos específicos. Aliado a isso, o ordenamento do comércio local vai contribuir para um melhor ambiente de negócios na cidade”, explicou Mauro.

//

Presidente da ACI, Mauro Ribeiro, e Wandressa Souza, do Grupo Mulheres do Brasil

Leia em: < 1 minuto

No mês em que comemora o Dia Internacional da Mulher, a Associação Comercial e Empresarial de Itabuna, o Grupo Mulheres do Brasil – Núcleo Itabuna e o Sebrae – Bahia promovem o Seminário da Mulher na próxima 4ª feira (30.março), das 18 às 22 horas, na Terceira Via Hall, em Itabuna. A palestra “Liderança feminina fazendo a diferença nos negócios” será conduzida pela conferencista internacional, Francisca de Cássia.

A palestrante também é Master Coach com certificação internacional pela SLAC/ICI, e, atualmente, ministra cursos e treinamentos onde focaliza o ser humano e suas habilidades, redirecionando a energia e capacidade das pessoas para trabalhos mais produtivos e gratificantes nas diversas áreas, tais como qualidade, atendimento, marketing e vendas e liderança.

Ao longo da programação, o seminário contará com a presença de mulheres inovadoras que são destaques na sociedade e estarão numa roda de conversa contando suas experiências nas seguintes áreas de atuação: empreendedorismo, educação, turismo, jornalismo, saúde, cultura, esporte, associativismo, justiça/direito, ciência/tecnologia e política.

De acordo com a coordenadora do GMB de Itabuna, Wandressa Souza, “o evento é uma grande oportunidade para despertar entre as mulheres o protagonismo feminino a partir de cases de sucesso da própria cidade”. Após a roda de conversa, o evento encerra com uma atração musical.

O Seminário conta com a parceria da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna, que acredita no evento como “um grande propulsor para que mais mulheres possam investir nas suas habilidades e utilizá-las a seu favor nas áreas de atuação, pessoal e profissional”, declarou o presidente da ACI, Mauro Ribeiro.

As inscrições gratuitas estão sendo feitas pelo link. Clique aqui! 

SERVIÇO
Seminário da Mulher
Data: 30/03/2022
Onde: Terceira Via Hall
Entrada: 1 kg de alimento

//

Empresário Mauro Ribeiro, presidente da Associação Comercial de Itabuna

Leia em: < 1 minuto

Em entrevista ao programa Fuzuê, da Rádio Bahia FM Sul, nesta 5ª feira (17.fevereiro), o presidente da ACI (Associação Comercial de Itabuna), Mauro Ribeiro falou sobre o fechamento do comércio de Itabuna no período de carnaval e o empréstimo emergencial anunciado pelo Desenbahia para os empresários atingidos pelas fortes chuvas no mês de dezembro, mas que a maioria ainda não teve retorno, “nem que sim, nem que não”.

“A grande queixa dos lojistas é a demora na resposta, pois a grande maioria deu entrada e não teve retorno nenhum. Tem lojista que deu entrada há mais de 40 dias, mas não teve o retorno, se foi aprovado ou não. Uma demora que causa angústia aos empresários que precisam do recurso para retomar o seu negócio”.

Mauro ainda falou sobre a reunião realizada com a participação do Desenbahia, Setre e CDL de Itabuna. “Não participamos da reunião, mas fico feliz que possam nos dar uma resposta, porque há uma angústia muito grande entre os lojistas, por conta da falta de comunicação. Tenho certeza que a partir de agora que eles possam dá um retorno e resolver a liberação ou não do empréstimo”, declarou o presidente da ACI.

Leia em: < 1 minuto

A Associação Comercial e Empresarial de Itabuna em parceria com o Instituto Delney Lima estão com o Balcão de empregos, com quase 20 vagas (emprego e estágio) em aberto. Os interessados em participar do processo seletivo devem enviar currículo para o e-mail com o nome da vaga no assunto.

As vagas para estágio são para Engenharia de Produção (1) e para estudantes que estejam cursando o Ensino Superior em Administração, Contábeis, Economia, Engenharia de Produção, Tecnologia da Informação, Ciências da Computação e Análise de Sistemas (6).

Já as vagas de emprego são para Supervisor de Vendas (1), Assistente de Logística (1), Assistente de Mídias Sociais (1), Assistente Fiscal (2), Almoxarife (1), Designer (1) e Vendedor (2).

Notícias mais lidas

Outros assuntos