Bekos

Concurso de Arataca: População de Anuri faz manifestação a favor do enfermeiro Elton Edgard

O enfermeiro Elton Edgard teve bom desempenho em todas as etapas, só não entregou uma documentação

Leia em: 2 minutos

A comunidade de Anuri, município de Arataca, fez uma manifestação para cobrar da administração municipal a aprovação do enfermeiro Elton Edgard no concurso público realizado este ano. Elton foi desclassificado por não apresentar o comprovante de residência, mas mesmo com a ausência do documento ele foi mantido nas fases seguintes da seleção.

Conforme o edital, Elton não deveria ter participado da entrevista.

Diante de tal situação, eles consideram que o profissional que é muito querido no município, deveria ser aprovado no concurso.

“Minha desclassificação revoltou a comunidade, que decidiu se manifestar ao meu favor”, disse Elton Edgard.

Elton já trabalhou na unidade de saúde de Anuri por 1 ano e 8 meses, e logo após foi coordenador da vigilância sanitária, onde ficou até dezembro de 2020. Na atual gestão também foi contratado, por um curto período de cerca de três meses. O Secretário Municipal de Administração, Vitor Mansur, explica que “todos que se inscreveram para o processo seletivo foram convocados para fazer entrevista e para o resultado final que foi analisada a documentação exigida”.

“O mesmo não foi aprovado por não cumprir as exigências do edital. O mesmo já vinha desempenhando a função de enfermeiro no município e lamentamos muito a desclassificação do mesmo por ser uma pessoa muito competente e bem quisto no distrito de Anuri”, comentou o Secretário de Administração.

A Secretária de Saúde, Amora Ferreira, lembrou que Elton Edgard foi pontuado positivamente pelo tempo de experiência e pelo bom desempenho na entrevista, “porém não entregou a documentação completa, conforme exigido pelo item 4.1.1 do edital”.

E completou: “Informamos que o mesmo havia sido contratado pela nova gestão em meados de fevereiro e vinha desempenhado um bom serviço no distrito de Anuri e foi desclassificado do seletivo apenas pelo descumprimento na entrega da documentação. Informamos ainda, que todos os inscritos tiveram tempo e oportunidade de entrar com recurso em caso de discordância com o resultado, no entanto não há nenhum requerimento questionando o resultado desse candidato, assim a reivindicação para que o mesmo exerça a função de enfermeiro no município é infundada. Lamentamos e sabemos da competência do profissional e do serviço de qualidade prestado a comunidade, não temos dúvidas da trajetória de sucesso que ele percorrerá”.

Dê play e assista!

Notícias mais lidas

Outros assuntos